sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Josh McCown é trocado com o Panthers

"A ida de quem não deveria ter vindo".
Assim posso definir a passagem de Josh McCown pelo Miami Dolphins. Veio para ser Starter enquanto John Beck ganhava experiência e até que o time achasse o seu o Franchise Quarterback. Esse era o plano do Front Office do Miami para os próximos dois anos. Só faltou combinar com Brett Favre e com o Rookie Chad Henne, que de uma vez só passou tanto Henne quanto McCown.
Durante o desenrolar das Training Camps McCown mostrou-se menos ruim do que John Beck, mas viu o rookie Henne virar o backup de Chad Pennington, que com a chegada de Favre no Jets foi cortado e assinou com o Miami. Por isso passou a ser questão de tempo que Beck ou McCown fossem cortados.
A demora aconteceu porque o Front Office queria conseguir algo um deles. A questão era: quem cortar? O jovem que parece não ter talento ou o experiente igualmente sem talento? Além disso, apenas e tão somente cortar um dos dois não era algo inteligente, já que ambos tem mercado, porém como estavam treinando mal e praticamente não jogaram na Pre-Season o valor de ambos caíram bastante.
Acho que só o Panthers tenha se interessado pelo McCown e topado pagar o seu salário ( 6,5mi em dois anos de contrato ). Agora já era, que ele tenha sorte e que possa ajudar o Panthers da melhor maneira possível, é o que eu desejo de coração.
E que ele nunca mais volte aqui em Miami!!!
PS: Amanhã sai a lista dos cortados, para que o Miami fique com os 53 jogadores para a temporada. Surpresas podem acontecer. Ou não...
EDIT: A troca não teve o seu valor definido, mas algumas especulações apontam para uma escolha de sexto round em 2009. Por um jogador que ia ser cortado, vale a pena...
EDIT: Segundo o Heidir, torcedor do Raiders que faz parte do Fórum OQB, foi por uma escolha de sétimo round. Não faz sentido, mas em todo caso ele ia ser cortado mesmo.

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Miami 14 x 10 Saints

Henne cavou o seu lugar como Backup, apesar de dois turnovers. Mas ele também passou para 137jds, um TD e 16/20 passes tentados...

Mas a melhor notícia é que Ronnie Brown voltou. Marcou TD, salvou downs, mostrou que não está com medo. Enfim, uma atuação empolgante...
Algumas boas notícias após essa vitória na última partida de Pre-Season do Miami:
  • Ronnie Brown está recuperado e não está fugindo das pancadas, ou seja, não está com medo. Além disso marcou um TD e salvou dois Dows em terceira para 3 e 4 jardas.
  • A Defesa está se acertando e com vários jogadores mostrando-se boas surpresas. Como Ayodele e Starks;
  • Os Wide Receivers que querem cavar seu lugar no elenco jogarem, com destaque para o Herói de 2007 Greg Camarillo;
  • Chad Henne conseguiu o seu primeiro TD. Também cometeu o seu primeiro fumble e sofreu a sua segunda Interceptação. Mas passou para mais de 130jds e com 80% de acerto ( 16/20 ). O garoto confirmou sua condição de backup, só precisa se conter mais nos passes, já que se arriscou em três e acabou sofrendo a Interceptação ( mais por culpa Anthony Armostrong do que dele mesmo );
  • Chad Pennington já sabe como comandar este ataque. E conhece muito bem o time do Jets. Por isso quem sabe, comecemos vencendo o "favorito"??;
  • A Linha Ofensiva jogou bem e enquanto esteve em campo, fez um excelente trabalho.

Edit 1 = Amanhã estarei na cidade de Serra Talhada ( 100km de Salgueiro ) para um treinamento no Sebrae. Portanto, a menos que o Pio dê às caras por aqui, ficaremos sem atualizações amanhã. Volto no sábado, com a lista dos 53 homens que irão jogar - e vencer - o Super Bowl XLIII em Dallas... =]]

Edit 2 = Clique nas fotos para ver as estatísticas completas e os vídeos da partida. Só para constar Miami termina a Post-Season com 3-1. Isso não quer dizer nada, mas para quem tinha visto o time vencer apenas uma em 16, vencer 3 em 4 partidas é reconfortante. Mas isso de nada vale para a temporada...

Miami Dolphins x New Orleans Saints

A última parada antes da Hora da Verdade. Após este jogo, a brincadeira acabou...
Quando o Miami Dolphins entrar em campo contra o New Orleans Saints teremos várias coisas a observamos:
  • Ataque - Temos um QB decente, uma Linha Ofensiva totalmente nova - exceção à Samson Satele - e que nos dará alegria por pelo menos 10 anos, uma dupla de TE consistentes ( Fasano e Martin ), dois ótimos Running Backs ( Brown e Williams ) e um "bando" de WRs sem qualquer destaque maior ( TGJ, Hagan, Bass, Wilford e Camarillo ). Se este conjunto todo funcionar bem, poderemos ir longe e conseguir mais que 5-11. Se depender apenas dos WRs vai ser bem complicado isso...
  • Defesa - Uma DL forte é começo para qualquer defesa ser dominante. A nossa terá um jovem ( Langford ) e um experiente ( Holliday ) como DEs, além do bom Fergunson. Dá para se animar com eles? Até certo ponto. Ano passado estavámos em piores condições ( na quantidade ), embora tivéssemos um DE TOP, mas deixa pra lá, isso é passado. Os LBs são quase todos novos no time, exceto Crowder e Porter, ou eram do time e mudaram de posição ( Roth ), ou é rookie mesmo, como no caso de Merling que está treinado de LB na última semana. Pelo que deu pra ver contra o Chiefs, a defesa em termos de DL e LB está azeitada. Já a secundária...
  • Secundária - Calo do time, maior até do que os WRs. Como enfrentaremos hoje um QB de grande qualidade ( Drew Brees ) será possível ver como estamos realmente de cobertura. Não tenho grandes esperanças neste setor, o que é um problema para quem tem que enfrentar Brady/Moss/Welker duas vezes por ano. E como se fosse pouco, o Jets ainda me arruma o Favre...
  • Especialistas - Em tese o setor está pronto. Tem uma estrela de porte grande ( TGJ ), um Kicker que está se saindo bem ( Carpenter ), um Punter que evoluiu até razoalvelmente em uma temporada ( Fields ) e vários jogadores de razoável qualidade. Não é aqui que ganheremos os jogos ( marcando pontos ), mas se eles não jogadorem bem ( toc, toc ) podemos perder...

Vencer ou perder? Em Pre-Season tanto faz, reitero sempre. O que importa é se o time dá mostras de evolução e de que poderá fazer frente aos grandes papões sem ser surrado vergonhosamente, disputar de igual para igual com os médios e bater os de mesmo nível. Até aqui o time mostrou exatamente isso. Se melhorar um pouco não estraga, mas não esperemos mais do que 5-11. Se conseguirmos, ficaremos felizes. Se não, nem teremos como ficar decepcionados.

EDIT 1 = Ricky Williams volta à sua primeira casa na NFL. E isso é simbólico: a pre-season terminar na casa do time de onde ele saiu para virar estrela da Liga, quando foi para o Miami.

EDIT 2 = Clique na foto e vá para o Gamecenter do jogo na página da NFL.

Dolphins corta Safety Keith Davis

Quando foi contratado, pensei: é homem de confiança da dupla Parcells/Sparano. E agora me surpreendo com o seu corte. Tudo bem que Keith Davis é Safety mas joga mais como membro do time de Especialistas, mas não é um Safety de se jogar fora, dada a falta de qualidade do setor. Realmente não acompanhei tanto assim a Secundária nesta TCs, já que o grande boom era o ataque ( QB Batle, como ia sair o jogo corrido, a "nova" OL e os "WR" ). Agora ele é cortado. O que posso dizer? Que espero que o time consiga ter uma secundária ao menos decente.

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Previsões do NFL.COM ( otimistas até!! )

O nome Parcells impoê respeito. O seu trabalho é bem avaliado pelos analistas do NFL.COM. Que eles estejam certos...
No site da Liga existe o previem dos especialistas para todos os 32 times e para as todas as 8 divisões. E Miami tem crédito, haja vista, que a menor projeção para a temporada foi 3-13 e a maior 7-9. Nada mal para quem fez 1-15. Além disso, existe o destaque positivo e o negativo:
  • Ricky Williams - O jogador é cotado como o grande destaque do time, após a boa pre-season feita até aqui, onde deu mostras que pode voltar a ser o que foi um dia;
  • Ernest Wilford - Chegou como o grande WR para o time. Pois agora, após erros e mais erros ele é o 4° entre os jogadores da posição;

Clique na foto de Big Tuna para ver o preview completo.

Tá quase na hora de sabermos quem serão os 53 jogadores do Miami

Está chegando o dia - é nesta sexta - em que saberemos quem serão os 53 homens que terão uma única missão: evitar que uma foto como essa se repita.
Mais uma prévia dos 53 homens do Miami Dolphins para a Temporada. Algumas considerações:
  • 4 Qbs - É um exagero e não vejo necessidade. Tudo bem que Chad-P não é exatamente um homem de ferro...
  • 4 RBs - Mais um certo exagero. E tudo bem Ronnie Brown é o maior Injure Prone do elenco, mas...
  • Wide Receivers - Eu colocaria 6 ao invés de "apenas" 5. Quando se tem tão pouco talento em uma posição, a quantidade pode ser uma saída...
  • A OL está fechada. Quem tinha que cavar seu lugar e não conseguiu será cortado.
  • Reagan Mauia fora?? Nâo sei o porque mas o Blog sempre o exclui...
  • A DL é essa, e Matt Roth vai ficar entre os 53 só que como LB. E os Lbs também já estão definidos.
  • A secundária melhor que temos é essa, e portanto nada de surpresas. Nem de contusões espero...
  • O ST será mesmo capitaneado por TGJ, que é onde ele é TOP. Jayson Foster será cortado, talvez até mesmo hoje...

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Estou com medo, e dos grandes...

Qual destas imagens veremos este ano ( triste sem jogar, apoiando de fora ou detonando em campo)? Eu sinceramente espero que seja a última...

Joey Porter corre o risco, segundo o Blog que leio no EUA sobre o Dolphins, de ficar de fora de parte da temporada, talvez até da temporada inteira e - DEUS me livre - ter sua carreira encerrada. Espero que isso não seja mais do que um simples boato, e que ele não esteja participando dos treinamentos, que nesta semana passam a focar a estréia contra o Jets, apenas e tão somente para não comprometer a sua presença na partida contra o time de Brett Favre. Mais notícias de acordo como elas forem aparecendo. O que se sabe de certeza é que ele já foi à dois Médicos para buscar novas opiniões. Sem Joey "Pezze" em campo, fazer 5-11 fica mais difícil. A sua saída anularia a chegada de Pennington. O rookie de segundo round, Phillip Merling, continua treinando como LB. Duas questões cercam essa "improvisação":
  • Será Merling forte o suficiente para jogar de Linebacker e em pé?
  • Não seria o caso de ter se contratado outro jogador para a posição?

Só sei de uma coisa: Se Porter ficar de fora da temporada, as ausências de Jason Taylor e Zach Thomas serão sentidas muito mais do que já serão. E a tosca troca do Taylor, horrível e danosa, ficaria ainda mais catastrófica...

domingo, 24 de agosto de 2008

Kansas City Chiefs 0 x 24 Miami Dolphins

Posso não acreditar que ele venha a ser um verdadeiro "playmaker", mas jamais duvidei de seu talento como Retornador. E a jogada de hoje só confirma isso!! Clique na foto dele no TD e veja as estatísticas e o vídeo do sensacional TD...

Antes de mais nada, a jogada do dia foi de Ted Ginn Jr. Créditos para quem merece, e com certeza ele mereceu. Mas o jogador da partida pra mim foi Channing Crowder: um sack, um fumble forçado e muita vibração enquanto esteve em campo. E para não dizer que só falo bem do Henne, hoje ele foi mal: 2/7 e um Interceptação.
Vencer é bom, mas o mais importante desta pré-temporada do Miami ( 2-1 ) é que o time está se portando bem, com Jake Long mostrando que pode sim ser o LT que dele se espera, que Chad Pennington está a vontade em campo, que a defesa consegue segurar os ataques adversários, pará-los é outra conversa.
Podemos até mesmo fazer 2-14, mas que eu vejo como possibilidade grande fazermos mais que 5-11, eu não nego. Está dando gosto de ver esse "novo" Miami.
PS: Amanhã estarei na terra do Padre Cícero, Juazeiro do Norte e não postarei nada por aqui. Portanto, a menos que o Pio poste algo, até segunda.