sábado, 22 de novembro de 2008

Quadro Ataque x Defesa - Patriots at Dolphins



Como de costume temos o Quadro Ataque x Defesa, e nesta semana o time comparado é o nosso rival de divisão New England Patriots:
  • No embate dos ataques temos que o Dolphins está melhor. Somos 8° no geral, 9° no passe e 12° nas corridas, único ponto onde perdemos ( nossa média é inferior a 100 jardas ). O Pats é 12° no computo geral, sendo o 12° no passe e o 8° correndo. Pelo jogo aéreo temos uma média de quase 250 jardas e o Pats tem pouco mais de 190 jardas.
  • Nas defesas o embate é, surpreendentemente mais equilibrado. Somos a 14ª melhor defesa e o Pats tem a 12ª, o que é uma grande surpresa. Isoladamente temos melhor desempenho contra às corridas: menos de 90 jardas por partida o que nos dá a 8ª posição na NFL, mas contra o passe: permitimos mais de 242 jardas, o que nos coloca como a 21ª melhor(??) defesa neste quesito. Ja o NE tem desempenho melhor que o Dolphins contra o passe ( 213 jardas ) mas é bem inferior contra às corridas ( 105 jardas ), ficando respectivamente em 14° e 13° posições nos rankings.
Desses dois embates, é possível deduzir que:
  • Uma de nossas maiores virtudes na temporada, o jogo corrido, é justamente o calo do Patriots. Por aqui é que pode nascer outra vitória contra eles;
  • Que o jogo aéreo do Pats não coloca tanto medo quanto antes. E por isso nossa secundária tem como se sair bem neste combate;
  • O forte do ataque do Patriots ( jogo corrido ) é a maior virtude de nossa defesa ( parar o jogo corrido adversário ).
  • Pelos números, vemos que o quadro é favorável ao Miami... mas não nos esqueçamos de que existe um certo Randy Moss e que Matt Cassell vem crescendo na temporada.
Pra finalizar um dado interessante: desde 2000 que o Patriots não é "varrido" ( perder os dois jogos de temporada regular ) por um adversário em uma temporada. Adivinhem quem foi o último a conseguir tal feito??

New England Patriots ( 6-4 ) at Miami Dolphins ( 6-4 )


Só o fato de ainda estamos vivos até esta partida já é motivo para comemorações. Mas já que temos chances...

Aguarremo-nos a ela com todas as nossas forças. Amanhã diante do "outrora" sempre líder da divisão estará em jogo bem mais do que uma simples vitória: estará em disputa o topo da divisão - já que o Jets deve perder para o Titans, e também o nosso passe para a Post-Season. Vencendo podemos sair da rodada líderes da Divisão e com um fim de temporada mais tranquilo do que Pats e Jets; se perdemos não estaremos fora do sonho, mas ficaremos atrás e tendo que tirar vantagem. Por isso vamos ao que temos que fazer para vencer pela segunda vez o sempre perigoso NE Patriots:
  • Ganhar a batalha das trincheiras - Virou jargão do Paulo Antunes da ESPN, mas é a pura verdade. Quem se impuser ao adversário na disputa pelas linhas, em geral vence. Quem impedir sacks, abrir caminho para as corridas e der tempo ao seu QB tem mais de 80% de chances de vencer. Mas não é só isso: quem colocar pressão no QB adversário e conseguir sacks e limitar os RBs adversários a menos de 80 jardas, tem os mesmos 80% de chances de vencer. Do nosso lado ofensivo, Long e Carey terão que trabalhar dobrado: o primeiro na proteção à Chad-P e o segundo para abrir os espaços para a dupla Brown/Williams. OS Guards pelo meio devem ajudar os dois no seus objetivos. Na parte defensiva Porter será uma ameaça sempre, mas que terá marcação especial, por isso penso que é jogo para que Kendall Langford se firme como grande DE e pass rusher de primeira grandeza. Randy Starks, Jason Fergunson e Vonnie Holliday são outros que poderão aparecer bem amanhã... claro que a OL do Pats não irá ter uma outra atuação como aquela da semana 3, mas depende da nossa DL fazê-los jogar mal...
  • Não errar, ou ao menos, forçar o Pats errar mais - Uma preocupação é que Chad-P deminui seu ritmo ofensivo, nas últimas 3 partidas 3 TDs e 3 Ints e um Safety. Por isso errar menos do que o Pats será necessário. Se conseguirmos isso, teremos boas perspectivas de vencer. Forçar erros a Matt Cassell será importante, pois ele está crescendo na temporada e não podemos deixá-lo sentir-se a vontade, ele precisa ser pressionado e a não ter tempo pra pensar. Conseguindo isso, as chances aumentam.
  • Correr, correr e correr - Claro que isso depende mais da OL do que dos próprios RBs, mas eles terão que conseguir jardas adicionais mesmo quando elas, aparentemente, não existirem. Ronnie Brown sempre tem uma boa produção contra o Pats e Ronnie Brown não fica muito atrás dele. Por isso correr será essencial para a vitória. Não só porque nós avançamos em campo, mas porque deixa nossa defesa descansando e desgastando a do Pats, que não é mais jovem da Liga.
  • Special Team ter um atuação decente - Pode parecer incrível, mas o setor que eu achava o mais bem servido do time é um dos calos do time na temporada. Não obstante ter levado 3 Tds de retorno de punts, o time sempre está deixando o adversário começar além das 20 jardas em Kickoffs e em Punts os times conseguem sempre jardas adicionais. Além disso, invarialvemente temos ficado ao menos uma vez por jogo contra a parede, de costas para a End Zone. E aí, todos sabem, os riscos de fumbles, sacks, Ints e Safetys aumentam bastante. Além disso, que os membros do nosso ST pare de fazer faltas bobas para invalidarem os ( raros ) retornos bons do TGJ...
  • Playcalling agressivo sempre - Ok, até aqui, Sparano tem acertado na maior parte dos Playcalling. Sparano não só, mas o DC e o OC estão de parabéns. Que continuem assim, pois a Wild Cat já não tem resolvido como antes. Lembrando que o Pats foi a primeira, e doce, vítima...
Se os passos acima acontecerem, podemos começar a semana onde jamais pensamos que pudessemos estar: na Liderança da AFC Leste. Impossível? Não. Até porque o que você pensaria se lhe contassem, antes de a temporada começar, que o Miami estaria na frente do Pats antes dessa partida? Que seria impossível?

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Dolphins/Patriots Final Injury Report

MIAMI DOLPHINS

Did Not Practice
TE David Martin (personal matter)

Notes
-
Martin is expected to play

NEW ENGLAND PATRIOTS

Out
LB Eric Alexander (hamstring)
LB Adalius Thomas (forearm)

Doubtful
RB LaMont Jordan (calf)

Questionable
DL Richard Seymour (toe)
LB Tedy Bruschi (knee)
CB Mike Richardson (concussion)
OL Dan Koppen (elbow)
DB Ray Ventrone (concussion)

Notes
-Bruschi and Seymour were each limited in practice on Friday
-Koppen and Ventrone both participated fully on Friday


Fonte: www.thephinsider.com

Resultado da Enquete..

Alto astral em Miami. Quem é o maior responsável por isso?

Wayne Huizenga, que mandou o GDBAT embora - 1 (3%)

Bill Parcells, que é o cara... - 8 (29%)

Sparano e equipe, que trabalho!! - 4 (14%)

Brett Favre, que saiu da aposentadoria... - 5 (18%)

Ronnie Brown, que está jogando demais - 5 (18%)

De um conjunto de fatores... - 4 (14%)


Percebe-se que a maioria dos votantes optou por Big Tuna, que de fato, montou a equipe que está realizando um belo trabalho. Favre e Brown empataram no segundo lugar, sendo que o HOF do Packers, graças a DEUS atualmente no Jets, tenha mais a ver com isso do Ronnie Brown. Mas é assim que são às votações. Sparano ficou atrás destes, o que parece lógico, uma vez que se Parcells é o responsável... Mas mesmo assim 4 votaram em um conjunto de fatores, que também é algo plausível. Por fim o nosso ( na verdade, um dos ) dono teve apenas 1 voto. O que não deixa de ser simbólico.

Destaque da Semana: Greg Camarillo

Greg Camarillo comemora mais uma recepcão: doce rotina nesta temporada.
Para alívio de todos os phináticos, o nosso melhor WR renovou seu contrato com o Miami e ficará no Dolphins até o fim da temporada de 2011.
Falar de Greg Camarillo é lembrar da sua recepção, no meio de dois CBs, contra o Ravens em 2007. Só aquela catch já seria o suficiente para ele passase a constar do Hall do heróis do Dolphins.
Mas agora em 2008 ele está fazendo mais, muito mais. 538 jardas, 1 Td e 48 recepções fazem dele o líder do time entre os WRs. Tudo bem que nosso elenco nem de longe é bem servido na posição, contando praticamente só com 3 opções ( além dele, TGJ e Davone Bass ).
Agora que o seu contrato foi renovado ( 6 milhões para os próximos 3 anos, ou 2 milhões por ano ) podemos esperar ainda mais empenho e raça - marcas registradas deles - para que possamos melhorar ainda mais na temporada, onde vencer a divisão não é mais sonho, é algo que está ao nosso alcançe.
Que domingo contra o perigoso Patriots, tenhamos outra boa atuação dele. De preferência com outro TD, afinal ele ainda não saiu do número em nenhum ano da sua carreira...

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Semana 12 vs New England Patriots

Vitória suada contra o Oakland Raiders. Mas o que importa é que fizemos a quadra, e somos hoje vice-líder da Divisão. Até domingo pelo menos... ou até por mais tempo, a depender...

O New England Patriots, que vem babando para retomar a sua "freguesia" para cima do Dolphins. É um adversário perigoso e que na minha opinião é melhor do que o nosso time, mas já os vencemos este ano, portanto eu acredito que possamos vencê-los pela segunda vez.

O Saint Louis Rams, que voltou a ser um dos piores times da NFL, após ter trocado de Head Coach. Mas será um adversário perigoso, mais até do que Raiders e Seahawks. Por isso, respeito é a palavra...

6-4. Estou sonhando, ou com mais 4 vitórias é possível ir para a Post-Season pela primeira vez desde 2001??.

Update: Greg Camarillo teve seu contrato renovado. Ele irá ficar no Miami por mais três temporada, até 2011. Pelo próximos três anos ele irá receber 6 milhões de dólares, ou se preferirem, dois por ano. Merecido, afinal ele é o principal WR do Time...

segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Um olhar sobre os números da partida contra o Raiders...

O Miami converteu quase o dobro de First Downs do que o Raiders, conseguiu o dobro de jardas ( triplo se contarmos apenas às corridas ), teve a metade das penalidades ( embora cedendo/perdendo mais jardas ), coverteu mais 3º downs e teve mais tempo de posse de bola. Mas porquê então o jogo foi apenas 17x15, com um Field Goal nosso nos instantes finais?
  • Cedemos um Fumble que virou FG sem que o Raiders tivesse que andar muito território;
  • Sofremos, mais um, Touchdown de Retorno de Punt, o terceiro no ano, onde as jardas conseguidas pelo Raiders não entram nas estatísticas gerais da partida, e sim como avanço do time de especialistas;
  • Sofremos um Safety, onde o Raiders não precisa de jarda alguma de avanço pra conseguir a pontuação.
  • Eles só marcaram 2 FGs. Ou seja, o ataque do Raiders fez apenas 6 pontos. Dos outros 9, dois nós demos e outros sete eles fizeram via especialistas.

Por isso que muitas vezes os números nos dão impressões distintas sobre o resultado e como foi a partida.

Já que estamos com 6-4, que tal pensar em Post-Season?

Esta é a classificação da AFC. Dando uma olhada mais a fundo, vemos que o Miami está em segunda na briga pelo Topo da AFC Leste e que tem a divisão a sua disposição. Além disso temos que pensar no Wild Card e aqui temos que olhar para as outras divisões:

  • AFC Sul - Titans é o virtual campeão e o Seed 1 dos play-offs da AFC. Sendo assim o segundo da divisão, Colts, é quem briga diretamente conosco. E ambos os times estão empatados, eles levando vantegem no confronto dentro da Conferência e nós no dentro da divisão. Jaguars, com a derrota de ontem, não é mais uma grande ameaça, só se vencer a seis partidas que faltam;
  • AFC Norte - O Steelers logrou uma vitória de vantagem contra o seu rival de divisão, Baltimore Ravens que perdeu pro Giants. Em tese o Steelers deve vencer a divisão, deixando o Baltimore brigando pelo Wild Card. Problema nosso é que perdemos no confronto direto, mas em contrapartida o calendário do Ravens é bem mais salgado que o nosso. Em tese ao menos. Browns somente será uma ameaça se vencer todos os jogos até o fim do ano. O que não deve acontecer;
  • AFC Oeste - Broncos vinha caindo, mas conseguiu duas vitórias seguidas. Mas o Denver não é o problema, pois mesmo que fique abaixo de nós em termos de campanha, irá a PS por conta da vaga cativa ao campeão da divisão. O Chargers se complicou bastante ontem ao perder em Pittsburgh, e pode ter dado adeus à classificação via WC. O que é bom, ao menos para o Miami.

Resumindo:

Se o Miami vence a divisão, o que implica superar Jets e Patriots em termos de campanha, não precisamos fazer conta alguma. Mas pra vencemos teremos que tirar a derrota de desvantagem contra o Jets, e manter a atual vantagem sobre Pats e Bills. Bater o Pats domingo é fundamental.

Se não ganharmos a divisão - o que é bom provável - teremos que ficar em segunda dentro da própria divisão, isso porque Ravens/Colts devem ficar com certeza com uma das vagas ( talvez até mesmo as duas ), e apenas o melhor da AFC Leste após o campeão é que terá chances. Da mesma maneira, ganhar do New England é fundamental. E torcer contra o Bills, Ravens, Colts, Chargers...

domingo, 16 de novembro de 2008

Estamos 6-4 e com uma sequência de 4 vitórias...

Pois é, parece incrível mas é a pura verdade. O Miami é o segundo dentro da AFC Leste e jogará para solidificar essa posição no próximo domingo, quando receberemos o NE Patriots. Uma vitória - não estou falando que iremos vencer e sim citando uma possibilidade - e ficaremos sozinhos em segundo, na briga direta pela divisão e com vantagens na briga por uma vaga de WC na AFC. Uma derrota não significará o fim do sonho, mas o deixará mais distante. Mas deixemos o futuro próximo de lado, e falemos do passado recente. 
Foi suada, mas veio a vitória contra o Raiders. Vamos às fotos e o comentários desta importante vitória:
Sem TD, mas também sem Int. Isso é bom demais...

Dois dos maiores responsáveis pela mudança de ares no Miami. O outro jamais veremos com a camisa do Dolphins: Brett Favre...

174 jardas em 16 passes acertados de 22 tentados. E conversões díficeis, sobretudo no quarto período, como em uma quarta para 5, no meio do campo...

Ronnie Brown desta vez ficou sem TD, mas correu para mais de 100 jardas e foi peça fundamental nesta suada vitória. Eu avisei que seria duro vencer o Raiders... só não pensei que iria ser tanto assim...

Temos um time. Temos problemas? Todos os times os tem. Mas no Draft de 2009 teremos 3 escolhas entre as 64 primeiras e dará para suprir algumas dessa deficiências...

Comemore amigo, você ganhou o seu presente. Agradeça ao Favre... E ao Parcells, Sparano, Ireland, Brown - que pelo visto é o seu jogador favorito...

As belas...

E a fera.
É de assustar, não? Ele é o líder em sacks na temporada e sério candidato a Defensive Player of the Year...

Em épocas felizes, até a secundária jogou bem, limitando o jogo aéreo do Raiders a menos de 160 jardas. E a defesa limitou o Oakland a menos de 200 jardas. Isso sim é que é uma grande atuação defensiva...

Acreditem: na foto é TGJ no seu TD corrido(??) de 40 jardas... dessa qualidade dele eu não sabia. E ele quebrou um tackle no caminho...

Show Time!!! Ele continua só com um TD como WR, mas tem um como RB... Alegria em Miami, o time está 6-4 e não perde a 4 jogos... às vezes eu penso estar sonhando...

Além do TD correndo, TGJ conseguiu uma conversão de 4ª descida com uma recepção no meio do campo e marcado... foi decisivo, como todos nós Phináticos queremos que ele seja... que ele não fique apenas neste, mas decida em outras situações...

Oakland Raiders 15 x 17 Miami Dolphins

Foi mais díficil do que se esperava, mas o mais importante é que vencemos a quarta partida seguida, um feito e tanto se levarmos em conta às duas últimas temporadas. Daqui a pouco posto as fotos da suada vitória...

Oakland Raiders ( 2-7 ) at Miami Dolphins ( 5-4 )


Jogo fácil? Nem de longe, times em crise, caso do Raiders há anos, sempre são perigosos e o Miami terá que jogar bem, muito bem aliás, para poder vencer. Vitória que é importante em mais de um sentido...

Acreditem, mas vencendo o Raiders, o Miami Dolphins irá ficar em segunda na AFC Leste na frente do outrora "super poderoso" New England Patriots, que por acaso é nosso rival da semana que vem. Mas fiquemos pensando na partida de hoje, que está longe de estar decidida. Por isso vamos aos "embates" que poderáo decidir o vencedor hoje à tarde no Dolphins Stadium:
  • Runningbacks do Raiders x Front Seven Dolphins - O Miami é a oitava defesa contra o jogo corrido, tendo conseguido limitar o Broncos à apenas 14 jardas dois jogos atrás. Por isso o time do Raiders - que é o nono correndo - terá um embate intessante. Mas eu vejo que os membros da DL e os LB tem a qualidade suficiente para impedirem o Raiders de conseguir mais de 100 jardas, mesmo que D-Mac jogue como esperado. - Vantagem Dolphins.
  • Ted Ginn JR x Nmandi Asomugha - Não creio que o Raiders vá colocar o seu melhor CB em cima  do TGJ, mas se o fizer, melhor. Pois ai o nosso melhor WR, Greg Camarillo, terá espaços para conseguir o que mais tem feito: ganhar jardas e mais jardas pro Dolphins. Não vejo como TGJ possa se desmarcar de um dos melhores - senão o melhor - CB da Liga. Por isso, ele terá que puxar o Asomugha em sentido contrário ao de Camarillo, pra evitar as coberturas. - Vantagem Raiders.
  • Ronnie Brown / Ricky Williams x Front Seven Raiders - Aqui temos o contrário do que embate 1. Isso porquê o ataque do Miami é apenas 0 20° correndo, mesmo com a Wildcat, e sendo - em tese - o foco do time. Mas para nossa sorte, o Front Seven do Raiders também não faz uma boa temporada, o que balanceia o embate. O setor do Raiders é o 12° quem permitiu jardas aos adversário e não consegue pressionar muito os QBs adversários, já que o Front Seven é o 13° no embate contra QB no quesito Rating - medidor de boa atuação dos QBs - Bom sinal não só para os RBs, mas também para Chad-P. -  Vantagem: Dolphins
  • Zach Miller - TE x Channing Crowder/Akin Ayodele / Yeremiah Bell - Um dos melhores TEs, da AFC ao menos, terá um páreo duro contra o trio acima. Sabem porquê? Você se lembra de algum TE - e olha que já enfrentamos gente do naipe de Antonio Gates - que tenha conseguido se destacar contra o Dolphins nesta temporada? Pois é, e isso é fruto do trabalho desses três ai em cima. Por isso Miller terá que se desdobrar, pra conseguir ganhos pro Raiders, que deverá contar com Jamarcus Russell. - Vantagem Dolphins
Além disso, vejamos como estão às defesas e ataques de Raiders e Dolphins na temporada:

Resumindo: Em termos de ataque o Raiders só leva vantagem correndo, mas no geral é um dos 4 piores, enquanto estamos no TOP TEN, menos correndo - o que chega a ser uma ironia. Na defesa somos bons contra a corrida - ponto forte do Raiders - e ainda deficientes contra o passe, mesmo tendo o líder em Sacks da temporada ( Joey Porter com 13 ), já o Raiders é péssimo contra às corridas e razoável contra o passe. Bons números à favor do Miami...

Uma última notícia:

Chad-P foi listado como provável ontem e por isso tem 75% de chances de jogar. Caso não jogue, o Rookie Chad Henne irá fazer o seu debute como Starter. Espero que Chad-P possa jogar, mas caso não, confio no Henne...