quarta-feira, 25 de março de 2009

Ordem de Picks do Draft definidas



Foram definidas a ordem das picks do Miami Dolphins no Draft 2009. Dá pra arrumar bons jogadores com tais picks. Quem serão os novos Langford e Thomas?? No fim de Abril, saberemos...


1st Round - Pick 25

2nd Round - Pick 12 (44th overall)

2nd Round - Pick 24 (56th overall)

3rd Round - Pick 23 (87th overall)

4th Round - Pick 8 (108th overall)

5th Round - Pick 25 (161st overall)

6th Round - Pick 8 (181st overall)

7th Round - Pick 5 (214th overall)

7th Round - Pick 28 (237th overall)

terça-feira, 24 de março de 2009

Chad Henne próximo de virar Starter??

O Miami está planejando que ele seja o Starter em 2010...

É o que deixa transparecer a matéria do Miami Herald, mostrando que o Dolphins tem ( ou teria ) um plano para preparar Henne durante a Pré-Temporada do Miami, fazendo o jogar mais tempo para que ele possa fica preparado. Seria a Comissão Técnica prevendo uma contusão do Chad-P ou uma temporada ruim dele?? Só o tempo dirá... clique na foto de Henne para ler a matéria na íntegra.

segunda-feira, 23 de março de 2009

Os Deuses devem estar loucos!!!!

Só faltam 3 jogadores do fatídico Draft de 2007, ainda no elenco. O incrível, é que trocaram o melhor daquela sadra... meu DEUS!!!!


No caso mais específico, a trindade Dolphiniana: Bill Parcells, Jeff Ireland e Tony Sparano. Afinal eles trocaram o nosso Center titular ( e único membro da safra do Draft de 2007 a jogar alguma de produtiva no time até hoje ) por uma reles escolha de 6° round mais uma inversão de picks no 4° round com o Oakland Raiders. Sendo que tinhamos contratado a peso de ouro o Center reserva do time, o Jake Grove. Como disse no titulo, os Deuses devem estar loucos!!!

PS: A frase é uma alusão á uma trilogia que mostrava situações grotescas, hilárias e absurdas ocorridas na África. Me parece caber perfeitamente a ligação entre elas.

domingo, 22 de março de 2009

Mock Database - Miami Dolphins

A imagem é uma condensação de uma que está disponível no Phinsider.com, mostrando os que os mais conceituados Mocks Drafts dos EUA apontam para o Miami Dolphins no seu Draft de 2009. Alguns apontam até a terceira escolha, sendo que é quase improvável sabermos o que virá no primeiro round, quiçá no terceiro. Em todo caso, serve como indicativo, e é pra isso mesmo que os Mocks são feitos.

Vamos à análise, por posições:
  • Quanto às posições, venceu de forma apertada a de OLB, o que tem um certo sentido, pois Joey Porter é experiente e temos que pensar desde já com a sua aposentadoria, que um dia irá ocorrer ( assim como fizemos com o Crowder em relação ao Zach Thomas ). E nada menos que 12 "analistas" apontam que nossa pick será usada em um OLB. Entre os citados, Aaron Maybin - Penn State - obteve 5 "indicações", um típico Twenner ( jogador de duas posições, no caso dele DE e OLB ). Foram também citados: Larry English - Northern Illinois - duas indicações; Brian Cushing - USC, Clint Sintim - Virginia Tech, Everet Brown - Flórida State e ainda o ilustre desconhecido Michael Johnson - Georgia Tech - todos com uma indicação
  • Em segundo lugar vem à famosa Secundária e sua posição principal, a de Corner Back. O que se justifica: o Miami teve a 7ª pior defesa contra o passe em 2008, e perdeu dois jogadores no setor. Trouxe outros dois ( o CB Eric Green, ex-Cards, e o Safety Gibril Wilson, ex-Raiders ), mas é sábido que precisamos de reforços na nossa secundária. Entre os citados, lidera com um total de 4 "nomeações" é Alphonso Smith - Wake Forrest, o que vem a ser uma surpresa, pois poucos Mocks o colocam no first round. Ao contrário do mais votado entre os OLB, eu não gostei dessa "maioria". Com trêsindicações um dos meus preferidos: D. J. Moore - Vanderbilt, um que cairia como uma luva neste time. Com duas, outro jogador interessante: Vonta Davis - Illinois. Foi citado também Darius Butler - Utah, outro ilustre desconhecido;
  • Com oito citações, a posição de Wide Receiver, fecha o Top Three de minha análise. E faz mais sentido ainda termos um WR, tendo em vista que estamos mal servidos na posição, a despeito dos que acreditam no TGJ. Entre os nomes lembrados, o mais de todos eles é o de Percy Harvin - Flórida ( 4 indicações ), o que é um erro enorme, pois ele é outro Deep threat WR, mesma função básica do TGJ. Atrás deles ficaram: Hakeem Nicks - North Carolina ( 2 indicações ), que não é veloz mas talvez o que melhor saiba correr rotas desta turma de Draft; Darrius Heyward-Bey - Mariland ( 1 indicação ) outro Deep Threat, e portanto desncessário no nosso time e Kenny Britt - Rutgers ( 1 indicação ), um verdadeiro possesion receiver, e que seria o melhor destes, mas não vale uma pick de primeiro round;
Demais posições citadas:
  • Inside Linebacker: Duas vezes e com o mesmo jogador: Clay Matthews - USC, um nome interessante, sem dúvida, mas para o segundo round. Um outro ILB pra jogar ao lado de Crowder fortaleceria o nosso jogo contra às corridas, que já é forte, diga-se de passagem;
  • Defensive End: Não me parece ser uma grande carência, pois temos Langford e Merling, mas talento nunca é demais. Os citados foram: Robert Ayers - Tenessee ( 1 vez ), um total desconhecido pra mim e o Tyson Jackson - LSU ( 2 vezes ), um enorme talento para a posição e considerado o segundo melhor DE da turma. Não gastaria uma pick com um DE em 2009. Não no primeiro round.
  • Tigth End: Como pode o Miami gastar uma pick em um TE tendo uma dupla que fez 10 TDs anos passado?? Só se for pra arrumar outro talento e que saiba bloquear mais do que os que estão no elenco. Se for assim, o nome seria Brandon Pettygrew - Oklahoma State, um bom bloqueiador, mas que dá suas "pauladas" no ataque. Não seria um desperdício, mas precisamos de outros reforços mais urgentes. Ele foi lembrando uma vez apenas;
  • Nose Tacle: e para finalizar um lugar onde até quarta-feira dispunhamos apenas de veteranos, mas com a aquisição de McDaniel temos agora um jovem valor, mas sem grandes expectativas de "avanço" na carreira. Se quisermos escolher alguém jovem e com "talento futuro", a escolha cairia sobre Ron Brace - Boston College ( 2 indicações ). Ele vem de uma tradicional Universidade ( só pra lembrar, Matt Ryan veio de lá ) e por isso é um jogador que vem subindo bastante em Mocks, por seu bom Combine.
É isso... durante a semana, irei listar o meus preferidos dentro os prováveis jogadores podem(rão) estar(em) ao nosso alcance no Draft.