sexta-feira, 14 de junho de 2013

A confiança de Kevin Coyle

Coyle, de cinza, mostra-se otimista com as novas peças...


Kevin Coyle é um homem otimista. Em sua segunda temporada como coordenador defensivo, ele está à procura de grandes melhorias na parte defensiva do campo. Entre os setores mais atualizados foram no pass rush, secundário e a posição de linebacker. Dion Jordan, Brent Grimes, Dannell Ellerbe e Philip Wheeler deverão atuar em alto nível desde o primeiro dia da temporada regular da NFL.

"Havia uma série de coisas que fizemos bem ano passado, mas há uma série de áreas, especialmente as grandes jogadas ( big plays em inglês ), que não estávamos perto fazer o que queremos", disse Coyle. "Este ano, acredito que se conseguirmos manter o nível alcançado em alguns setores e darmos um passo a frente... nós vamos fazer um trabalho muito melhor e conseguir mais turnovers".

Coyle está especialmente impressionado com as edições de ambos Ellerbe e Wheeler, à custa das saídas de Karlos Dansby e Kevin Burnett. "Honestamente, nunca pensei que seria capaz de fazermos isso e nós fizemos", acrescentou. "Eu acho que a nossa capacidade de fazer jogadas vai aumentar. E poderemos ter melhorado bastante nos pontos nos quais éramos menos eficientes em 2012”.

Quanto à linha defensiva, Randy Starks viu um aumento da carga de trabalho desde que voltou a treinar com o elenco. No entanto, Jared Odrick tem sido um jogador que está se destacando para os treinadores. "Ele certamente tem nos mostrado que ele não só pode jogar em uma única posição", disse Coyle. "Uma coisa que eu acho que é interessante sobre este grupo todo é a versatilidade que temos a nossa disposição”. "Você pode mover um Odrick para atuar 3 Tech, você pode movê-lo para jogar na 1 Tech ou até mesmo em 5 Tech, com o papel que teremos com os nossos DEs, com os caras que podem trocar e jogar pontos diferentes”. Ver o nosso coordenador defensivo falar em termos tão elogiosos sobre a nossa unidade defensiva é, certamente, um grande impulso para a equipe e os fãs.

Vamos a pena esperar para ver se Kevin Coyle está certo. Eu tenho a grande impressão que sim.

Nenhum comentário: