terça-feira, 19 de novembro de 2013

Investigador da NFL está conversando com jogadores

Ritchie Incognito está querendo voltar...
Um investigador da NFL, Ted Wells, está conversando com os jogadores do Miami, para poder produzir um relatório sobre as denúncias feitas por Jonathan Martin, que acusou Ritchie Incognito de fazer bullying. Ele deve ficar nas instalações até na quinta pela manhã. Isso em uma semana crucial onde iremos enfrentar o Carolina Panthers num jogo que pode ser decisivo. Passar tempo respondendo as questões sobre um caso desses, que pode nem ter acontecido.

Além disso, Guard Incognito está requerendo nas formas das regras da Liga, o seu reintegramento ao elenco e por tabela receber seus salários. Pelas regras da CBA ( acordo coletivo entre NFLPA e a NFL ) um time pode punir atleta por violar regras internas e deixá-lo punido por 4 semanas e mais uma semana extra sem pagamento, mas treinando e jogando. Após este prazo ( que no caso de Incognito vence no dia 02 de Dezembro ) o time tem que voltar o atleta pro elenco ou liberá-lo. Acontece que Incognito alega que nunca foi alertado que sua conduta, que ele julga legal, poderia causar-lhe uma suspensão e por isso cogita acionar a justiça para buscar o que, ele considera, lhe é devido.

Mike Pouncey realizou exames médicos ontem e não existe uma posição oficial a respeito dele. Hoje ele não treinou. A partida diante do Panthers pode ser a virada rumo a post-season ou enterrar de vez a temporada. Portanto é bom ficarmos longe de problemas o mais rápido possível...

Nenhum comentário: