segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

First Round: Ryan Tannehill

No que estaria pensando ele neste momento?
Muita coisa já foi dita a respeito de Ryan Tannehill. De quem o adora surgem defesas impressionantes, uma mais incrível que a outra. De quem o odeia ( meu caso ) tudo é culpa dele ou acontece porque ele foi escolhido e, sendo bem sincero, os comentários são tão exacerbados quanto os que o defendem. O fato que é nenhum torcedor do Miami é alheio a ele, seja para o bem ou para o mal.

Fechamos a segunda temporada com ele piores do que em 2012. Sim, piores. Não se iludam com 8-8, este time está bem pior agora do que um ano atrás. Ano passado o comentário era que com 2 WRs Tops este time faria post-season. Agora precisamos de uma Linha Ofensiva inteira ( exceto o Center ) e de um RB Power Play, mais um ou dois LBs, um retornador... os buracos, acreditem, aumentaram. E tendem a crescer ainda mais porque um Brent Grimes tem mercado e pode ir para um time vencedor. E, sinceramente, dá para acreditar que este time consiga resolver todos estes problemas listados acima? Alguns deles, estão a espera de solução a mais de 3 anos. E eu ainda considero que falte QB na lista...

Pois é, eu não faço a menor questão de dizer que Tannehill não é a solução. Mas ele é o maior problema? Digamos que não seja, mas é um dos grandes. Porque os LBs atuais podem apenas precisar de melhor orientação e isso se resolve com um novo Coach de LBs. Draftar OLs melhores é possível, mas será só deles o problema? Não seria eles também mau treinados? Mas resolver problemas de um QB inconsistente... ai não tem Coach no mundo que dê jeito. Ou você sabe ou não sabe.

Mas, seguindo pensando que ele não é o problema, será que podemos esperar dele o líder que o time tanto precisa? Alguém ai o vê fazendo o que Luck fez sábado? Ou que ele possa atuar como QB de bom nível e vencer partidas onde o desafio apareça ou que possa vencer times mais fracos? Porque o rating dele diante do Bills este ano simplesmente foi terrível. E era o Bills!!! Atuar mal contra o Saints no Super Dome é aceitável, ainda mais quando era o seu segundo Monday Night. Mas perder pro Buccs e com atuação que ele teve, não. Ou ser o QB apático e sem "vontade" diante do Jets. 

Deixamos de ir pra post-season por causa de Tannehill? Pra mim sim, mas é aceitável pensar o contrário. Mas está longe de ser um QB confiável. E QBs não confiáveis não servem pra NFL atual. Isso eu garanto...

Nenhum comentário: