sábado, 10 de maio de 2014

Que draft... horroroso!!!

Ano após ano eu sempre me faço uma pergunta: será possível fazer um draft pior do que este? E sempre termino assim:


E satisfeito por morar no Brasil, porque se eu vivesse na Flórida, eu faria isso com o General Manager do time:


Draft, Sucesso e Miami andam tão distantes quanto Democracia, Liberdade e Direitos Humanos em qualquer ditadura ( tanto faz de Direita ou de Esquerda ). Impressionante como o time tem a capacidade escolher errado ano após ano e mesmo trocando de General Manager. Alguns fãs até já estão sentindo saudades de Jeff Ireland...

Começa a ficar claro que o grande culpados pelos sofríveis drafts de 2012 e 2013 foi Joe Philbin, não Ireland. Que Philbin vai morrer abraçado a Ryan Tannehill todos já sabem, mas podem se creditar a ele as outras trocentas picks erradas. E, pra mim ao menos, a temporada foi perdida em 2 dias. Nenhum dos escolhidos são jogadores que possam nos dar melhora significativa de qualidade, nenhum deles será playmaker, nenhum deles será aquele cara que chega e vai permitir-nos vencer um partida. Nenhum dele será capaz de decidir uma partida. Talento para isso eles não tem. E nem é culpa deles.

Ontem ( estava de plantão no Hospital Regional e sem Notebook ) o time desceu duas vezes no segundo round. Em situações normais eu até acharia isso bom, excelente até. Mas com pixotada cometida na quinta, quando poderia ter draftado um talento nato e escolheu um jogador de segundo round, tendo recebido duas propostas de Trade isso teve ares de mais uma pixotada. Em todo caso o time angariou mais picks. Um adendo importante: Morgan Moses, que segundo alguns é melhor do que James, saiu no começo do terceiro round!!!

Com a escolha do fim do segundo round o time, que novidade, mais uma vez esqueceu-se do BPA ( Best Player Valiable ) e escolheu um WR: Jarvis Landry, LSU. Um WR... pois é, nem de longe ele era o melhor jogador disponível ( Moses, só pra relembrar estava disponível ainda ) e não é uma nenhuma brastemp. E, claro, também não era uma carência do elenco.

Findo o segundo round o saldo era: um Tackle de segundo round e um WR talvez de segundo também. Pouco para um time cheio de buracos e carente de talentos. Mas, não se esqueçam de que aqui é o Miami Dolphins e o que está ruim sempre pode ficar pior...

Após acumular duas picks com as trades do segundo rounds ( uma de quarto e uma de quinto rounds ) era de se esperar que o time fosse escolher mais jogadores, eis que o Dolphins teve a genial ideia de subir mais de 15 posições para escolher... um TACKLE!!! Sim, outro tackle. E, adivinhem, isto foi um MEGA REACH, talvez pior do que o feito por James. E assim o Miami seguia sendo Miami Dolphins. E obviamente anulou toda a vantagem de ter descido tanto no segundo round. Sem falar em talentos desperdiçados, para se draftar um Tackle que poderia ser escolhido na nossa pick do mesmo round, ao menos.

Assim fica mito difícil acreditar que as coisas mudem. O Draft deste ano - até aqui - está pior do que os de 2012 e o de 2013, que já fora pior do que o anterior. Em bom português: pelo terceiro ano seguido estamos fazendo um draft tenebroso. E, se puderem, que me desculpem os defensores de Ryan Tannehill: tudo que foi feito nestes 3 drafts foi pensando em fazer dele um jogador melhor, não o Miami em um time melhor. Está claro, pra quem quiser ver, que isso é um erro absurdo.

No entanto, tentando enxergar algo bom eu diria que crescem as chances de Philbin ser demitido ainda durante a temporada, talvez até antes da metade da mesma. E contratarmos outro Coach para 2015 e voltarmos aos mesmos passos vividos em 2004, 2007, 2008 e 2012. Nada que garanta que vai dar certo ( vide a troca de Ireland por Hickey ), mas ao menos você pode pensar: "é um outro cara, com outro pensamento e quem sabe ele acerte." 

Ao menos assim seria certa a saída da AMEBA... é um pensamento derrotista, eu sei, mas é a única coisa boa deste desastroso ( mais um ) draft até aqui...

6 comentários:

RFIALHO disse...

Ahhh ta bom...de draft vc entende né Flavio. Basta recordar o q vc disse logo depois do Draft do ano passado. Tem um post hilário que contem as seguintes perolas: "E fizemos um Draft e tanto..." "Excelente trabalho dessa dupla ai...(Philbin e Ireland)" "aprovado pela massa..." kkkkkkkkkkkkkkkkkk e vc viu no q deu né: contribuição ZERO dos rookies na temporada passada!!
Acho melhor vc baixar sua bolinha aí e ficar na sua. Draft é imprevisível, e ficar fazendo essas predições beira o ridículo.

Flávio Vieira disse...

na sua opinião.

o draft parecia bom. muita gente pensou o mesmo...

e sim eu não sou especialista em Draft... mas sei ler as merdas que o time faz.

Thiago Cestari disse...

Voce fica cego com o odio sobre tanehill..

Anônimo disse...

ridiculo novamente, vim aqui duas semanas seguidas e lendo o blog lixo diga-se de passagem achei que o Dolphins era o pior time da NFL sem nenhuma chance de off, isso lendo esse lixo aqui, é a impressão que passa para os leitores time horrivel sem chance de nada, agora draft horrivel cara nenhum jogador entrou em campo ainda ta falando o que? vc é adivinho? ridiculo demais para escrever merda por favor, querem noticias verdadeiras de quem realmente entende da coisa leiam os sites americanos porque aqui é só ilusão

Cesar

Anônimo disse...

Exatamente. Concordo com os comentários. Você lendo as noticias no Phinsider, percebe que o draft foi até elogiado. Esse Flavio só sabe falar a mesma merda sempre do Tanehill e fica puto com um draft pensado para ele.

Se o Tanehill fosse horrível como vc diz, não teria jogado como jogou com 58 sacks, sempre pressionado. Eu vi em vários jogos boas partidas dele apesar de tudo.

Atualmente na liga joga-se pensando no QB mesmo, vide o primeiro draft de um RB nesse ano.

Dou crédito para a diretoria, tem que acreditar.

Flavio, se você nao confia no time e so gosta de reclamar, para de torcer, bem como de fazer esse blog horroroso e tendencioso.

Abracos aos verdadeiros torcedores.

Luis Felipe

Flávio Vieira disse...

ponto 1: o Blog é meu e nele coloco meu ponto de vista. li comentários a respeito do Draft e duvido vcs acharem um que vá dar um B+ a este Draft do Miami.

ponto 2: não gosta do que é publicado? Não é obrigado a ler. Lê quem quer...

ponto 3: o time é péssimo mesmo. Caso contrário teria vencido Buccs, Jets e Bills e ido a post-season.

ponto 4: Tannehill é bom é? Porque é que na hora de decidir ele sumiu? na hora de ir pra post-season ele apagou?

ponto 5: eu vou seguir postando para quem quiser ver... mais de 700 acessos neste fim de semana.