sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Week 11 - Dolphins 22 x 09 Bills - Vencendo na marra

Festejemos, o Miami venceu o Bills!!!

Poucas vezes eu vi um time vencer cometendo mais Turnovers do que o adversário. Hoje isso aconteceu e nós estamos do lado que mais entregou a bola. Além disso, cometemos dois fumbles, um em cada tempo: no primeiro com Tannehill em uma corrida em que ele não protegeu bem a bola e no segundo tempo com Jarvis Landry em um retorno de Safety. Poderiam ter custado a vitória...

Ainda bem que do outro lado estava um time pior, bem pior. Nas últimas 22 posses o nosso rival de Divisão não marcou um único Touchdown. É assustador. E eu acho ruim ( e de fato é ) o ataque do Miami!!! O time de Buffalo até que correu bem com a bola ( para meu desespero ), mas com Kyle Orton - que um dia alguns torcedores do Miami queriam para substituir Chad Henne - é péssimo e não produziu nada dentro da Red Zone. Nossa defesa outra vez envergou, mas não quebrou. Mas o time de Buffalo tem um ataque ineficaz, mas quase conseguia uma vitória. Precisamos melhorar o nosso setor para as próximas partidas.

Vencer é excelente, mas essa foi crucial: o time teve vencer fora da zona de conforto e tendo que virar a partida, sabendo que uma derrota era fim da temporada. Agora, com o resultado o time passa a contar com mais 4 vitórias em 6 partidas para ter uma ótima chance de post-season. Se vencer 5 em 6, pode até sonhar com a conquista da divisão ( falarei mais sobre isso durante a semana ), desde que o Colts vença no domingo e nós derrubemos o Pats fora de casa. Sonho? Bom, por enquanto ainda é. Mas eu não esperava ver o time com 6-4 até aqui. 

Tannehill segue sendo o mesmo de sempre: consegue lances até mágicos para logo na sequência fazer um besteira. O time não conseguiu pressionar Orton no primeiro tempo, mas no segundo detonou. Olivier Vernon conseguiu o Safety e um sack. A secundária deixou escapar duas ou três interceptações ( primeiro jogo nos últimos 4 em que o time não consegue ao menos uma ). 

Enfim, uma vitória boa pelo resultado, não pela atuação. Até porque o time agora vai encarar  o time de Peyton Manning. E com ele o buraco é mais embaixo. Ao menos o time terá um bom tempo para se preparar pro Jogo. Será o suficiente para vencer em Denver? Não sei, mas é melhor do que não ter tempo. Em todo caso, uma derrota pro Broncos já estava nos planos...

Esta, só para terminar, foi apenas a segunda vitória da dupla Philbin/Tannehill contra o Bills.

Nenhum comentário: