quinta-feira, 14 de maio de 2015

E o Patriots, mais uma vez, é punido por violar as regras

Tom Brady foi punido com 4 jogos. Justo, insuficiente ou exagerado?
Como todos no mundo da NFL sabem, o New England Patriots é o Dick Vigarista da Liga. Desde 2007 quando foi descoberto o Spygate ( onde o time usava filmagens dos adversários para vencer ) que o time tem esta pecha. Claro que se falarmos com um torcedor do Pats eles vao tentar convencer voce de que aquilo nao foi nada demais, ou seja, de que o time mantinha minucioso arquivo de filmagens ilegais dos adversários apenas por prazer. Claro que só idiotas pensam assim...

O fato é que após ser taxado de Dick Vigarista, o que poderia se esperar de uma das mais bem administradas franquias da NFL? Que nunca mais passasse perto de algo parecido. O comando do time de Robert Kraft deveria ser exemplar para que nunca mais o nome da franquia estivesse ligado a algo ilegal. Pois bem... 

Na final da AFC contra o Colts 11 das 12 bolas do Patriots estavam com calibragem abaixo do exigido pela NFL. O Colts suspeitou e as bolas foram confiscadas. E uma investigação foi feita, além de outra em paralelo. Eis que, com a demora comum por parte da NFL, duas semanas após o Draft veio o resultado: dois funcionários do Patriots realmente violaram as bolas ( mais murchas e com o gramado pesado dão mais aderência no jogo corrido - evitando fumbles - além de tornar o passe pior para quem não sabe do esquema ). E mais: Tom Brady saberia de tudo.

Antes de prosseguir, uma informação: só a mim parece suspeito que tenham esperado passar o Draft para anunciar a punição de perda da pick de primeiro round? Porque o time "rouba" na final da AFC, vence a partida e o Super Bowl na sequencia e ainda fica com a escolha que tinha direito? Digam o que quiserem, mas a estreita ligação entre Kraft e Goodell ( o Comissário da Liga ) é algo que tem causado sérios danos a imagem da Liga e agora nao foi diferente. O mais correto teria sido tirar pick deste ano. O que acontece na prática é a prova de que o crime... compensa!!!

Voltando ao assunto do penúltimo paragrafo a punição final foi de 4 jogos para Brady ( sem salário ), a perda da pick de primeiro round em 2016 e a de quarto round em 2017 e mais 1 milhão de reais para o Pats. Olhando tudo isso, diga-me leitor: qual franquia não aceitaria de bom grado ter esse punição para vencer um Super Bowl? Eu mesmo aceitaria o dobro pela chance de vencer um. O triplo ou até mesmo o quadruplo. 

Nos EUA os fás do Miami começaram a ficar ouriçados com a possibilidade de que com 4 partidas sem Tom Brady o Dolphins poderia vencer a divisão. É um erro em diversos pontos, primeiro porque o Pats encara Steelers, Bills, Jaguars e Cowboys. O time poderá, mesmo com o QB reserva ( Garapolo ), conseguir um 2-2 nestas partidas, talvez até mesmo um 3-1. Mas mesmo que faça 1-3, o time ainda terá 12 partidas para vencer ao menos 9 e mesmo assim termina a frente do Miami. A segunda coisa a levar em conta é que o Miami precisaria vencer, ainda assim, mais partidas dentre os 3 times da divisão. E temos terminado atrás de times como Jets e Bills ano sim e ano não. Por fim, eu não acredito que o Miami Dolphins vá conseguir vencer mais partidas do que o Patriots, mesmo que o rival fique 4 partidas sem um dos 3 melhores Quarterbacks da NFL.

Acontece que acredito piamente que a punição foi branda. Fosse um time menos "protegido" ao menos mais picks teriam sido retiradas e mais partidas seriam perdidas pelo QB do time. Mas como é o queridinho do Goodell... Enfim, a realidade é uma só: caráter não é pra qualquer um e nem para qualquer time. E, mais espantoso ainda, nem para todos os QBs.

Nenhum comentário: