sexta-feira, 1 de maio de 2015

Primeiro round já foi. E agora?

Uma boa escolha até que enfim...
Falei ontem que a escolha de DeVante Parker foi muito boa, mas muito boa que nem parece ter sido o Miami Dolphins a realizá-la. Após anos e anos de mediocridade e poucas escolhas que mereçam lembrança o time foi lá e acertou a mão. Pode dar errado? Sim, pode. Todas as escolhas carregam riscos agregados, mas esta tem pouquíssimas chances de dar errado. O risco de Parker nao dar certo em Miami é justamente o... Miami!!!

Sim, o time é o maior risco. Primeiro porque desperdiçamos outros jogadores bons antes e a lista é grande, mas eu vou citar apenas 2: Vontae Davis, Sean Smith. Aqui eram apenas jogadores comuns, mas agora viraram defensores de qualidade em suas equipes ( Colts e Chiefs ). Mas em Miami... e o mesmo pode acontecer com Parker. Espero que nao, mas é um risco sim. Além do mais, temos um QB que dispensa críticas, dada a sua falta de qualidade... como postei ontem, mais gente pensa como eu...

Bom, a escolha foi boa. Temos agora um candidato nato para ser nossa estrela do ataque, coisa que o time não tem a tempos. Ele é apenas o segundo recebedor que o time escolheu no primeiro round em nossa história. Quem é o primeiro? Vou dar um dica: é um jogador de família, nas palavras do Coach da época.

E daqui a pouco, às 20:00? Primeiramente, temos apenas uma escolha hoje, no segundo round. Eu tentaria trocar para baixo e angariar uma escolha de terceiro round. Em todo caso, com uma ou duas escolhas hoje o time tem que conseguir um talento na defesa, seja com CB ou LB. Existem bons jogadores para isso.

Aguardemos, mas o Draft deste ano começa muito, mas muito mesmo, do que o de anos anteriores. Que siga nesta toada. Só teremos a ganhar...

Nenhum comentário: