segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Week 2 - Dolphins 20x23 Jaguars: Como é doloroso estar certo...

Um dos piores times da NFL conseguiu vencer o nosso time...
No post da partida eu disse que era obrigação vencer o Jaguars... ou poderíamos esquecer a temporada logo na segunda partida. E com um atuação ruim, com um QB que não é líder, com um queijo suíço no lugar da Linha Ofensiva, sem pressão suficiente no QB adversário ( com uma inexplicável ausência de Cameron Wake na maior parte do jogo ), com escolhas para lá de duvidosas nas chamadas de jogadas e com faltas absurdas feitas pelo time nas duas pontas do campo... bom, tudo isso junto deu que o Miami Dolphins conseguiu perder para um dos piores times da NFL.

Eu sei o que uma grande maioria, que no fim torce por Tannehill e não pelo Miami, vai dizer: a OL impediu que o nosso QB jogasse. É uma bengala tradicional: tudo serve para minimizar os erros de Ryan Tannehill, que namorou com interceptações durante a partida inteira. Além disso, ele só conseguiu conduzir o time a Red Zone no segundo tempo. E seguiu com passes descalibrados ( antes ou depois do recebedor ). Contudo, de fato, a Linha Ofensiva realmente jogou mal. Muito mal, mas isso não é novidade. E é ai que reside a crítica quanto a Ryan Tannehill: eles simplesmente nao vence partidas quando as coisas estão complicadas. 

Eu vejo QBs como Big Ben, Aaron Rodgers dentre outros realizarem adaptações durante a partida e vencer mesmo como as dificuldades, mas Ryan Tannehill simplesmente não possui essa capacidade. E isso não é achismo: ele tem 24 vitórias em 50 partidas disputadas como Starter. E mesmo assim uma dessas nem deveria contar, aquela da temporada de rookie quando ele saiu machucado contra o Jets e o Moore venceu o jogo. Mas a culpa não é só dele, mas ele precisa ser o líder, o cara a comandar o time para a vitória. E ele não faz isso. 

O Miami trouxe, desde 2013, diversos jogadores para a Linha Ofensiva mas... o setor segue sendo ruim. Branden Albert se machuca demais, Ja'Wuan James simplesmente é uma porcaria, Dallas Thomas inexiste e os outros é melhor nem citar. Jason Fox é uma nulidade e embora tenha tido uma atuação desastrosa, conseguiu ao menos evitar um TD de defesa. Nada que vá mudar o preço do dólar, é claro.

Tenho que citar, também, a asneira que Olivier Vernon fez. Cometer uma falta de 15 jardas no fim da partida é coisa de imbecil. Deu ao Jaguars o Field Goal da vitória. Além disso, quem foi que mandou os LBs embora e não trouxe nenhum? Fora Brent Grimes e Reshad Jones a nossa secundária é uma piada. Jamar Taylor cometeu uma PI tola, Brice McCain nao cobre ninguém e por ai vai...

Perder para um dos 5 piores times da NFL é o tipo de resultado que me deixa com raiva, muita raiva. E olhem que o time pegou 2 times assim e só venceu semana passada por causa de um Retorno de Punt... Como esperar post-season? Eu jamais esperei. Mas lá na Tannehillandia... bom, eles lá talvez estejam até felizes, pois olhando apenas o números o QB deles foi bem...

3 comentários:

Thiago Vieira Da Silva disse...

Realmente o Miami perde para os Jaguars complica todo o campeonato, agora que ver os fãs Tannehill o Miami perdeu e 80% da culpa foi do Tannehill.
#MiamipiadadaNFL

Thiago Vieira Da Silva disse...

Agora é enfrentar os Bills e rezar muito para o Tannehill ver se acorda para a vida.
Ta complicado o MIAMI.

Thiago Vieira Da Silva disse...

Ver o Tannehill jogando e ganhando o que ele ganhar... realmente mais uma temporada que vamos sofre muito 8-8