domingo, 17 de janeiro de 2016

Analisando o Elenco: Linha Defensiva

Para mim, manter os dois deveria ser prioritário...
Eu não sou nem um pouco chegado no lema de "ataques ganham jogos e defesas campeonatos". Fosse assim mesmo, ontem em Glendale não teria sido a genialidade de Carson Palmer e Larry Fitzgerald a darem uma épica vitória ao Arizona Cardinals no Divisional Playoffs. Claro que um defesa Top é meio caminho andado para o sucesso. E é aqui que vem o problema nesta off-season.

É de conhecimento de todos que temos diversos problemas, do Quarterback até o Special Team. Existem, contudo, duas exceções: os Recebedores ( com Parker e Landry ) e a Linha Defensiva ( com Wake, Vernon e Suh ). Já falei dos recebedores, onde acho que um velocista no Draft poderia ajudar muito, já na DL o problema está na manutenção dos atuais membros.

Temos um titular que é Free Agent ( Olivier Vernon ) e um que pode ser cortado, salvando espaço no apertadíssimo CAP: Cameron Wake. Eu manteria os dois, mas... existem diversos problemas para isso e um deles é o CAP, que está além do limite por causa de contratos insanos ( já tratei disso antes e todos sabem quem sao os 3 que estão ferrando o nosso CAP ). Vernon é um DE de extrema qualidade e em crescimento. E não podemos seguir trocando de DEs toda vez que um rookie terminar seu contrato, como foi com Odrick e Langford. Mas, ao que parece, só poderemos ter que manter um deles. Mas quem?

Olivier Vernon tem tido temporadas sólidas, é jovem e vem evoluindo. Com o Coach certo entrará definitivamente na Elite da posição, mas sua renovação sairá caro e acho pouco provável encontrarmos espaço no Cap para manter ele. Contudo, a resposta pode estar justamente com Wake. O veterano, que ainda tem muita gasolina no tanque, já disse que aceita reduzir seu salário para permanecer na equipe e isso traria um alívio no Cap, abrindo espaço que pode ser usado para renovar com Vernon.

Pouca gente lembra, mas o setor ainda tem Dion Jordan, o DE escolhido em 2014 e... que ficou suspenso por toda a temporada 2015 e que até aqui... pois é. Ele é jogador do elenco e pode, eventualmente, atuar como DE mas eu não espero mais que ele possa render como o esperado. Claro que se Vernon e/ou Wake saírem o time precisará reforçar-se no Draft com um DE, isso é bem óbvio. Se mantivermos os dois, ai só precisará trazer algum reforço do meio para o fim do Draft.

No meio da DL o time não precisa de reforços: temos Ndamukong Suh ( 29 milhões pesando no Cap ), Earl Mitchell e o novato Jordan Phillips, que por sinal tem atuado bem, além do que eu poderia esperar. Quando muito um UDFA para rotação, pois custam menos no Cap, que não temos.

Posso falar que temos, hoje, um setor forte. Agora em 2016 eu não posso garantir nada. E com Coach novo ( e muito cheio de "dúvidas" ), um General Manager novo e sem CAP tudo é instável e improvável...

Nenhum comentário: