sexta-feira, 11 de março de 2016

Miami assina um OT, re-estrutura contratos dos ex-Eagles e procura outro CB

Bushrod deverá atuar de Guard...
No segundo dia de mercado, o Miami foi preenchendo algumas das inúmeras lacunas do elenco. Acertamos com CJ Anderson um contrato de bom valor e ficamos no aguardo se o Broncos igualará ou nao o valor. 

Além disso o time assinou com o OT Jermon Bushrod, ex-Bears para ocupar o posto de Guard, tentando assim melhorar o setor sem precisar gastar picks no Draft. O contrato é de um ano e valor ainda não foi informado. Um movimento interessante, sem dúvida. 

Uma coisa une esses dois jogadores: ambos trabalharam com Adam Gase em ataques que deram certo. Se o mesmo vai ser repetir em Miami é que é o problema, porque ambos os times ( Broncos e Bears ) tinham QBs melhores do que o nosso. Mas mostra um direcionamento, que pode mostrar-se errado mas existe um plano. O que já é alguma coisa comparado com a era Philbin...

Ainda ontem ficamos sabendo que tanto Byron Maxwell e Kiko Alonso aceitaram re-estruturações em seus contratos. Maxwell tinha certo receber 8,5 milhões este anos e 10 milhões em 2017, com um total de 11,3 milhões garantidos. Agora ele vai receber 8,5 milhões nos dois anos, subindo o valor garantido para 13 milhões. Já Kiko Alonso aceitou estender um ano, passando seu contrato de 900mil para 2,8 milhões.

Os movimentos diminuem o impacto no Cap, no caso de Maxwell, e uma segurança de que não percamos um jogador no ano que vem na free agency, no caso de Alonso. Bons movimentos, mas que não melhora o custo da Trade... ainda mais se o Eagles escolherem um Playmaker nato com a escolha que era nossa.

Para encerrar o time ainda busca outro CB no mercado. O alvo é Josh Robinson que jogou ano passado pelo Vikings. Assim o Front Office segue se mexendo. O que é bom, claro.

Nenhum comentário: