quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Olhando as próximas derrot... ops, partidas do Dolphins

Das próximas 6 partidas, cinco delas serão em casa...
O Dolphins terá, como aparece na imagem acima, cinco jogos em casa, com apenas uma saída para encarar o Bengals em Ohio. E o que esperar destes confrontos? Primeiramente temos que lembrar que temos um dos piores desempenho em casa dentre as 32 franquias nos últimos 10 anos. Sendo assim, jogar cinco vezes em casa por si só não quer dizer nada. Alias, entrar em campo já não quer dizer muita coisa tem tempo.

O primeiro adversário, Browns, é o mais fácil da lista ( ou alguém do mesmo nível ). Sem RGIII e com mais uma reformulação acredito que marquemos nossa primeira vitória na temporada. Iremos até Ohio provavelmente para uma derrota, pois o time do Bengals ( noutra quinta de Halloween ) é melhor do que o nosso, mas oscila muito e quem sabe... Depois tem o Titans, na primeira de quatro partidas em casa. O time de Memphis está com 1-1 e tenta emplacar uma temporada vitoriosa desde muito tempo com Marcus Mariota de QB. Não me parece um adversário perigoso, mas nunca podemos confiar sequer 50% em nosso time.

Se tudo desse certo, o time chegaria encarar os Steelers - um dos times quentes agora - com 1 vitória e 3 derrotas. Mas em condições normais aqui é um jogo com cara de derrota, E irei fazer post para agradar pessoas que acham que vamos ganhar todos os jogos, independente do adversário. Não vejo nosso time ganhando Steelers, da maneira como o ataque deles tem atuado até aqui. Sem falar que nossa defesa... bom, todos sabem muito o que quero dizer.

Em tese, após 5 partidas estaríamos com 1-4. E ai dois rivais de divisão. Contra os quais não conseguimos nos impor. Aliás, o que mais conseguimos fazer é perder para eles em casa. Acredito que o mais plausível é que consigamos vencer o Bills do que os Jets, mas não seria absurdo perder as duas partidas. Absurdo mesmo seria vencer as duas. Sendo assim, o time chegaria praticamente na metade da temporada com - na melhor das hipóteses - com 3-4, mas o mais provável é um 2-5.

Muita coisa pode mudar até a Semana 8 - tem a data limite de transferências nesse meio por exemplo - e os adversários que hoje imaginamos mais fortes podem ficar enfraquecidos ou eventualmente mais fortes. O que eu sei é que não estaremos jogando como um Super Bowl Contender... isso jamais, mesmo que alguns achem o contrário sabe-se lá baseado em que.

O fato é que, podemos afirmar que não melhoramos em nada com relação a 2015 ( e eu particularmente vejo é pioras ). O que, apesar de não ser exatamente uma novidade, já é uma péssima notícia para um time com um Quarterback entrando na sua quinta temporada e com um técnico novo, que seria o "mago" do ataque...

2 comentários:

Thiago Vieira Da Silva disse...

Eu to cansado desse QB me recuso a falar o nome dele, acho que devemos contratar o Garoppolo, para assimter um QB competitivo, não aguento mas se a chacota da divisão
#GaroppoloInMiami eu apoio !!

Flávio Vieira disse...

vc está coberto de razão, só que contratar o Garappolo não vai resolver, porque ele seria - a meu ver - um Matt Cassell 2.0