sábado, 22 de julho de 2017

A novela da renovação contratual de Jarvis Landry é algo desnecessário

Porque raios ele segue sem contrato? Porque aqui em Miami, ora bolas...

Jarvis Landry é, sem contestações, um dos 10 melhores WRs da Liga. Em seus três primeiros anos na NFL ele detém o recorde de recepções para novatos. Fez lances e mais lances espetaculares em campo, mas... por um motivo inexplicável segue sem contrato que tanto merece. Porque? A explicação só pode ser uma: aqui é o Miami Dolphins...

Gosto sempre de citar, como erro, a extensão contratual de Ryan Tannehill. Ele tinha 4 anos de contrato ( assim como Landry ), mas no seu existia a opção do time para exercer a quinta temporada. O contrato de Landry não tem essa cláusula. E o Miami ativou a quinta temporada durante a terceira temporada de Tannehill e durante a quarta tornou nosso QB em um jogador com quase 100 milhões de contrato. E sejamos sinceros: quem fez mais pelo Miami até aqui?? O QB que não vende partida ou o WR que se vira com as pedradas e consegue ser destaque na Liga? Por isso é totalmente sem sentido termos prolongado com tanta antecedência o contrato de Tannehill e até aqui não termos feito o mesmo com Landry.

Landry é um playmaker nato, que joga muito mesmo com um QB meia boca lançando para ele. Mesmo sem companheiros a altura no ataque ( talvez agora com Ajayi ) para dividir a marcação. Mesmo assim, apesar de tudo, ele segue lá produzindo em alto nível. Segue nos enchendo de orgulho e nos dando alegria. De Landry podemos esperar sempre o melhor, porque ele entrega. Outros não, mas ele é o caro do ataque. Sempre se dedica e jamais ficou com corpo mole. E, incrível, não está reclamando do atraso. Ao menos publicamente, é claro.

O Dolphins deveria ter renovado com ele, mas ao contrário fez isso com Kenny Stills. Renovaram até com Andre Branch, um absurdo, por um caminhão de dinheiro, mas para Landry nada... poderemos esperar por 2017 e ai aplicar a TAG nele no ano que vem, mas e se ele resolver fazer um Hold Out ( greve )?? É um risco muito grande, porque imaginem o que aconteceria com ele em caso de uma grave contusão? A hora de conseguir - e ele merece isso - um grande contrato é agora.

O risco é grande demais. Enquanto isso, Tannehill ganha o mesmo que A-Rod... vai entender o Miami.

Nenhum comentário: