terça-feira, 29 de agosto de 2017

Sabem quantos jogadores temos na lista dos 100 melhores no site da ESPN?

Aqui porque eles estão na lista...
Na lista anual dos 100 melhores jogadores que o site da ESPN faz, eis que temos apenas 3 jogadores. Antes de prosseguir, um dado: se dividirmos 100 por 32 ( numero de franquias ) cada time ficaria com 3 jogadores e sobrariam 4.  Neste caso, se nós temos 3 quer dizer que temos apenas uma média simples, inexiste algo de bom nisso. Como comparativo Jets e Bills tem apenas 1. Mas o Pats tem 7, três deles entre os 50, dois entre os 11. E claro, o número 1.

Estão na lista, por ordem crescente: Suh ( 26 ), Wake ( 78 ) e Landry ( 94 ). Notem que não temos ninguém no Top 15, no top 20 e nem no Top 25 e apenas um entre os 50. Se lembrarmos que nosso FQB ( coisa ele nem é e nem nunca será ) é um dos 6 mais bem pagos da sua posição, temos um grande problema. 

Eu senti falta de Jay Ajayi, mas faz sentido ele não estar na lista: porque ele precisa se provar de que o ocorrido em 2016 não foi um acaso. Se ele conseguir correr 1,5k de jardas, fatalmente estará bem posicionado em 2018. Mike Pouncey e Reshad Jones seriam merecedores, mas como enfrentam problemas de contusão, creio que isso tenha pesado. E é justo não figurarem na lista. Mas poderiam e podem eventualmente voltarem no ano que vem.

É um dado sintomático a percepção de grandes jogadores que os outros tenham do nosso elenco. Isso só demonstra o que digo a tempos: temos um time fraco. E que é lamentável que 2 dos 3 jogadores sejam do mesmo setor, a DL. Nem mesmo distribuição por todo o elenco temos. E o outro escolhido, sequer é reconhecido como jogador do elenco, tendo até agora não recebido uma extensão contratual. Lamentável...

E um dado, caso você não olhe a lista: porque ali pela casa dos 80 e verá um ex-Dolphins na Lista. E pense que ano que vem Landry poderá estar na mesma situação: um dos 100 melhores, mas sem usar nossa camisa. Infelizmente, não parece algo tão improvável assim...

Nenhum comentário: