sábado, 4 de novembro de 2017

Pensamentos diversos sobre esta semana...

Este jogador Pro-Bowler não está mais conosco...
A menos que o amigo leitor tenha viajado para um lugar sem qualquer contato com o mundo moderno, sabe que fizemos mais uma das nossas típicas ações. No caso, doar jogadores a troco de nada. A perola da vez foi trocar ( doar ) Jay Ajayi para o Philadelfia Eagles por uma inútil escolha de quarto round. Um RB com potencial para ser All-Star deveria valer, ao menos, uma escolha de segundo round.

Aqui uma divagação: os Patriots conseguiram uma escolha de segundo round com cara de primeiro ( porque os Niners ficarão entre os 5 piores times da temporada ) e nós pegamos uma escolha de quarto com cara de quinto, porque os Eagles tem todas as possibilidades de ficar entre os 5 melhores. E o jogador dos Pats não era nem Stater... e Ajayi é RB para correr consistentemente 1,5k jardas por temporada. Garapolo é uma aposta, que nunca fez nada de assombroso na liga, enquanto que Ajayi já tem feito históricos. Não é complicado saber quem vence e quem só perde há quase 20 anos...

Voltando apenas ao Miami, li um texto de Armando Salguero - trazido pelo amigo Victor no Grupo de WhatsApp do Blog, onde ele aponta que adquirimos um LB junto aos Saints. Seu nome? Stephone Anthony que até agora... não jogou nenhum snap na defesa. Apenas no time de especialistas. Valeu a pena né?

Voltemos a falar de Ajayi. Ele saiu do time porque cobrou o time após a derrota ( vergonhosa ) contra os Ravens. E um dado: sabem quantos TDs corridos marcamos este ano? ZERO. Mas é claro, é mais fácil trocar o seu RB All-Star do que fazer o ataque funcionar com as perebas escolhidas por Adam Gase.

Aliás, sobre Gase, uma pergunta: ele não será cobrado pela bagunça que o time? E o caso do ataque que não sai do lugar, vai ficar assim mesmo? E, mais, a ausência de QBs escolhidos nos drafts recentes, ninguém fala nada? Isso sem falar em termos Jay Cutler como Starter. Assombroso. Estou eu cobrando a demissão de Gase? Talvez, mas com certeza ele não merecerá continuar no cargo se o jogo corrido não melhorar sem Ajayi. Será se alguém ai aposta um real nisso? Porque eu não...

Kennyan Drake e Dammien Williams não são melhores do que Jay Ajayi. Se o fossem, ele não seria Starter. Esta troca me lembra - em diversos pontos - com a de Brandon Marshall, quando quiseram limpar o vestiário, mas doaram o jogador por nada. E nas picks conseguidas trouxeram Michael Egnew ( TE, 2012 ) e Dallas Thomas ( OG, 2013 ). Ou seja, doamos e não conseguimos ninguém com isso.

Lembro, para finalizar, outra coisa: nem quando achamos um RB no fim do Draft o time consegue mantê-lo no elenco. Em 2012 escolhemos Lamar Miller no quarto round e em 2015 "achamos" Jay Ajayi no quinto round. Ambos agora fora do Miami, que não tem um RB sequer meia-boca no elenco. E outra: é culpa de Jay Ajayi as péssimas escolhas para a OL que o time tem feito?

Amanhã a noite tem os Sunday Night, contra os Raiders. E eu, claro, não estou nem um pouco confiante em uma vitória. Aliás, eu nem sei se quero que o time vença mais partidas... se bem que, de que adianta boa posição no draft, se o time não sabe escolher? E mesmo quando acha talentos, doa-os para outros times?

Sinceramente, como disse no texto pós-troca, eu estou me cansando com isso. É muita incompetência para uma franquia só. Não fossem os Browns...

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Carta Aberta ao Miami Dolphins, seu proprietário, seu GM e seu Head Coach

O passado seguirá cada dia mais distante...
Eu amo o Miami Dolphins desde muito tempo. Em algum momento dos anos 80, por interferência do saudoso Luciano do Valle, eu virei torcedor do Miami Dolphins. Mas não foi a esta franquia desorganizada e derrotada que eu me apaixonei. Saúdo demais os que foram arrebatados por esta zona que é os Dolphins desde o fim dos anos 90. Os senhores da foto que ilustram este post, todos tem 80 anos ou mais e estão próximos de morrerem sem ver o time que tornaram famosos voltar a vencer um Super Bowl.

Eu amo o Miami Dolphins. Sofro demais com ele. Toda vez que tomamos uma surra eu fico ensandecido, tresloucado até. Eu amo este time tanto quanto amo o Santos Futebol Clube, meu time no que vocês chamam de Soccer. Amo tanto amo o LA Lakers, o NY Rangers, o NY Yankees e o LA Galaxy. Amo mais, se vocês quiserem saber. Porque para o glorioso Miami Dolphins eu criei este blog. Só dos Dolphins já comprei camisa um dia. Só dos Dolphins eu fico fora de mim quando somos surrados.

Sobrevivi às péssimas escolhas, sobrevivi ao Monday Night Miracle ( sabe-se lá como ), sobrevivi às trades insanas, sobrevivi a TGJ, a Pat White... estou sobrevivendo à Ryan Tannehill. Mas senhores Adam Gase, Stephen Ross, Mike Tannenbaum e Chris Grier não sei se sobreviverei ao que vocês estão fazendo agora. Esta Trade de Jay Ajayi por uma escolha de 4º round beira a loucura. E na verdade, o é. Como vocês podem ter feito isso, após o time tomar 40 pontos sem marcar nenhum dos Ravens, na quinta passada? De teremos tomado de zero também contra os Saints? De teremos perdido para o então zerado NY Jets? Vocês querem mesmo acabar com a franquia?

Parem com isso. Façam coisas decentes, sensatas e aceitáveis. Doar um dos melhores RB por nada é idiotice. Nada do que ele possa ter feito justifica doá-lo por nada. E nós, torcedores, não merecemos isso. O que vocês estão nos pedindo é que aguentemos uma nova reconstrução, que não vai dar em nada como as outras que foram feitas desde que Dan Marino se aposentou? É isso que vocês querem que passemos outra vez? Depois vocês ainda não entendem porque o Estádio não lota. Como seria possível lotar um estádio cometendo erros absurdos como este de hoje? Quem é sádico o suficiente para ir semana após semana, ano após ano ao estádio ver um time ruim, mal comandado e mal montado? Haja vontade de sofrer...

Salvem o nosso Dolphins, porque nós o queremos grande. Nós o queremos vencedor. Nós o queremos ganhando outro Lombardi. Não sendo a piada da NFL. Sorte nossa que existe - com todo o respeito aos seus torcedores - um Cleveland Browns, que consegue pior do que nós, mas isso não me serve de consolo. Respeitem esta camisa, que um dia envergou varal. E se não forem capazes de fazer isso, que saíam. O quanto antes...

Porque eu estou cansando de perder. E muitos outros também o estão. E podem largar o time se vocês seguirem sendo tão trapalhões como estão sendo. E isso cansa...