domingo, 9 de outubro de 2011

2011 = 2007?


Figura 1: Cam Cameron, o Head Coach que mais merdas fez na história de uma franquia em uma única temporada. Figura 2: A torcida revoltada e com extrema vergonha. Figura 3: Passaremos por isso de novo? O do 1-15? Acho que não merecemos isso...

Estava lendo o Blog do Dolphins nos EUA, e vi que alguns analistas e torcedores estão fazendo analogia entre a nossa temporada atual com a pior de nossa história, a fatidica 2007. Claro que não gostei da comparação, mas é verdade que existem alguma similaridades: estamos perdendo jogos nos quais poderíamos ter vencido e agora estamos sem QB Starter. No mais existem as diferenças: este elenco tem qualidade até boa, comparada com outros elencos da NFL, coisa que o de 2007 não tinha. Cometemos erros recentes ( saída de Ronnie Brown está entre as principais ) e escolhas toscas em drafts ( como as de Pat White e Jared Odrick entre as mais destacáveis ). O mais gozado é que em 2007 a situação era, infelizmente, parecida: perdemos Wes Welker pro Pats porque Cam Cameron não quis renovar o contrato dele e ele acabou sendo apenas o melhor Slot WR da temporada e nem preciso dizer que no Draft recente tinhamos catados as perebas Jason Allen e Ted Ginn Jr. Então, existem sim situações parecidas.

Se lembrarmos que o nosso QB Starter pra próxima partida é Matt Moore e lembrarmos que Cleo Lemon o era na mesma situação em 2007 é de doer. E agora nem temos um QB Rookie em quem depositar esperanças, posto que na pior temporada era ocupado por John Beck. Claro que ele acabou virando uma pereba talvez maior até do que TGJ. Mas ao menos tinhamos uma esperança. Pois agora o nosso QB reserva é o sensacional Sage Rosenfels. Ou como diria o editor do Blog ThePhinsider ao saber da contratação: Oh, Boy...

Enfim, quero crer que ainda consigamos vencer umas 4 ou 5 partidas e terminar com alguma honra a temporada. Porque outro 1-15 eu não aguento. Aliás, nós não aguentaremos...

4 comentários:

Dan Pereira disse...

Parece que Devlin vai ser reintegrado no elenco junto de Rosenfels para ser reserva.

Bom em relação a 2007 estamos na mesma situação mais o time de 2011 é 100% melhor que 2007 unico problema é o Head Coach que ta afundando o time junto de Ireland.

eu sempre falei que esse Odrick era um bust e que tinha que ter draftado o Tebow no lugar dele.

e se é para ganhar 4 ou 5 jogos eu prefiro que ganhe 1 ou 2 e pegue a primeira escolha do draft e pegue o Luck

Flávio Vieira disse...

não gosto da ideia de perder pra ficar com a primeira escolha. isso é o oposto do que é considerado como crucial no esporte: entrar pra vencer. Vencer ou não é outra coisa.

temos uma dignidade e quero que a mesma seja mantida. temporadas com menos de 4 vitórias não é para times como o nosso...

RFIALHO disse...

Depois de muito tempo tentando entender e tentando digerir essa campanha pífia do Dolphins, cheguei a conclusão de que o melhor mesmo é perder tudo, mandar o HC embora e contratar um HC top que saiba trabalhar e desenvolver um novo franchise QB : Luck de preferência, mas tb poderia ser Matt Barkley, Landy Jones ou Robert Griffin III. O importante é ter um staff que saiba tirar o máximo desse time.

Só mais uma coisa, não adianta nada perder tudo pra pegar uma das primeiras picks do draft e depois começar com aquela conversinha fiada de fazer uma "pick segura" e escolher um lineman ao invés de escolher um QB. Como eu sempre digo, QB é metade do time ( ou até mais,vide Colts ) não adianta nada gastar fortunas pra construir um bom time se vc tem um QB mediano ( vide Jets ).

Guilherme Mitre disse...

RFIALHO, você falou TUDO e mais um pouco...
Eu ia comentar também, mas depois de suas palavras, nem tem mais necessidade. Por mais "trivial" ou "simplório" que essa frase soe, ela é a mais pura verdade: QB É METADE DO TIME OU MAIS!