quinta-feira, 29 de maio de 2008

E agora quem poderá nos defender?? Secundária

A nossa ( nada espetacular ) Secundária. De cima para baixo: Conerbacks = o experiente ( Goodman ), um dos que salvam ( Will Allen ), o operário ( Lehan ) e o candidato a estrela ( Jason Allen ). Safetys = o mais forte ( Hill ), o candidato a estrela II ( Daniels ) e o operário II ( Bell ). Não é uma super Secundária, mas dá para o gasto...

Se existe um setor onde sinto falta de reforços além dos WRs este é a Secundária do time. Os valores de qualidade já estavam no elenco quando Parcells chegou e os ( poucos ) que chegaram são mais para Special Team do que para ajudarem a melhorar o setor. Sendo assim, "tudo com antes, no Quartel de Abrantes".

  • André Goodman CB - Chegou no Miami via FA em 2006, vindo do Lions, o que não quer dizer lá grandes coisas, mas é uma das principais peças do time para o setor. Não é titular absoluto mas sempre está entrando, dado a falta de qualidade no setor. Sua experiência deve ajudar bastante neste momento de transição.
  • Will Allen CB - O melhor de todos os CBs do time tem velocidade e agilidade boas para a sua já avançada idade. É o destaque e por isso sempre cobre o melhor WR adversário. Se tiver uma temporada excelente, o setor sobe com ele. E eu espero uma temporada muito boa dele.
  • Michael Lehan CB - O Operário. Porquê? Por que ele sempre está fazendo os seus tackles, tirando bolas das mãos dos WRs adversários, mas não aparece para a torcida. Eficiente, mas sem ser espalhafatoso. Raramente falha em coberturas, mas também raramente faz Ints. Um jogador padrão: nem muito e nem pouco. É o típico jogador de elenco...
  • Jason Allen CB - Escolhido antes de um certo Cromatie, é o CB do futuro deste time. Está aprendendo o caminho das pedras com os experiêntes do Depth do time. Tem velocidade, visão e agilidade para se tornar grande. E este ano tem um bom treinador para desenvolvê-lo ainda mais. É o que espero: que ele evolua ainda mais...
  • Will Billingsley, Nathan Jones, Scorpio Babers, Joey Thomas CB - Todos chegaram este ano e não devemos esperar nada demais deles. São todos jovens ( os mais experientes tem apenas 4 temporadas ) e Barbers é um UDFA. Jones veio do Dallas e por isso vem credenciado por já ter trabalhado com Sparano e Parcells. Um detalhe extra: todos, exatamente todos, jogam mais como membros do Special Team. Ou seja, não é destas opções que vira a profundidade que o elenco precisa ter.
  • Renaldo Hill S - Experiente e grande nome entre os Safetys do time é titular. Desde que se mantenha saudável é claro. Entrará na sua 7ª temporada, o que para um Safety às vezes é muito, mas ainda irá jogar em alto nível mais duas temporadas ainda.
  • Travis Daniels S - Um jovem talento que se ainda não é estrela é porquê os resultados do time não ajudam e os treinadores idem. Não é de cometer falhas bobas, bom na cobertura e com uma visão excelente tem um bom futuro, tanto no time quanto na Liga. Espero que ele exploda este ano.
  • Yeremiah Bell S - Se machucou no ano passado e quase foi cortado ( na verdade foi e depois recontratado ). Menos experiente que Hill, no entanto leva uma vantagem: sempre foi um Dolphins Player ( draftado em 2003, na sexta rodada - escolha C, uau!!! ). Em tese é titular do time, a menos que Daniels realmente exploda esse ano.
  • Chris Crocker, Keith Davis, Courtney Bryan S - Os dois primeiros vieram via FA este ano ( Falcons e Raiders respectivamente ) e Bryan no ano passado. Aqui vale o mesmo que disse para os outros CBs: jogam mais no ST do que como Safetys mesmo. Embora isso não queira dizer que não podemos ter surpresas agradáveis: não creio que Parcells contrataria tantos jogadores apenas para serem usados no ST. Quem sabe aparece algum starter dentre estes. É uma possibilidade...

Enfim, estas são as opções que temos. Sinto falta de uma estrela verdadeira neste grupo de CB/S. Daniels e Allen podem até se tornarem tais estrelas, mas é querer demais deles, para este ano. Mas como temos um dos melhores treinadores de Secundária da Liga ( ok, Cameron era o melhor entre os OC e deu no que deu... ), podemos ter esperanças. Para mim ao invés de dois HB no sexto round, deveríamos ter trazido um CB. Mas o Draft já passou e temos que acreditar no que temos. E tenho mais confiança na secundária do que tenho nos WRs do time...

Amanhã faço a análise os Kickers e o Punter. Primeiro tenho que tomar meus medicamentos para não passar mal na hora de escrever...

terça-feira, 27 de maio de 2008

Eu tenho o direito de ter um ídolo. E o quero já...

Amanheci hoje e me perguntei: se realmente Jason Taylor sair, o que parece que pode acontecer até mesmo hoje, quem será o meu ídolo neste time?? E passei a tentar encontrar um atleta para ser a ( minha ) referência no elenco...
  • Ronnie Brown - Está no elenco desde 2005 ( um draft até interessante ), mas em três anos com o Dolphins, se machucou em dois deles. E pode ficar de fora novamente ( toc, toc, toc ). E não tem carisma.
  • Rick Williams - Não pega bem para um Blogueiro ter como ídolo alguém que se droga né?? Mesmo que este jogador quase tenho posto seu time em um SB ( tá, não chegou tão perto assim, mas é que faltava QB );
  • Ted Ginn JR - Este nem que faça 20 Tds... e nunca o fará, tenho certeza disso;
  • Jake Long - Para quem torceu e vibrou com TDs de Marino, não é o mais indicado ter como ídolo um OT. Nada contra ele é claro, mas não me parece estar credenciado para o cargo. Será um HOF, eu espero, mas ídolo não...
  • Joey Porter - Ganha muito e ainda não tem identidade com o time. Por isso não tem requisitos para ocupar o posto;
  • Chad Henne - Jovem demais, tem muito o que provar para virar ídolo. 15 Td´s e uma ida a post-season podem mudar a minha opinião. No ano que vem, é claro;
  • John Beck - O mesmo que disse para Henne, só que ele é quase velho demais para isso...
  • Channing Crowder - Se conseguir mostrar que aprendeu tudo o que deveria com o HOF Zach Thomas e conduzir essa defesa de volta aos dias de glórias, tem tudo para ficar com o cargo, ainda este ano inclusive;
  • Travis Daniel e Jason Allen - Não consigo ver neles líderes de um elenco, nem tão pouco candidatos a ídolos...
  • Existem outras opções, mas não tenho muita fé: Langford, Merling ( tem talento, mas não creio que passarei a gostar de um outro DE tão rapidamente assim ), Ferguson, Wilford, Fasano e cia..

Vejo que todos os outros torcedores de times da NFL tem um grande ídolo, alguns conseguem ter dois, três e até mesmo quatro. E eu estou para perder o meu e ficar sem nenhum. Isso para mim é deprimente. Começar a temporada sem um jogador favorito...