sábado, 20 de junho de 2009

Três piores aquisições de Off-Season dos anos 2000...


3ª Posição: Ernest Wilford, Wide Receiver - 2008

Chegou para ser a "estrela" de um grupo fraquíssimo de Recebedores, um dos piores de toda a NFL, e conseguiu a proeza de praticamente não receber passes. Tem contrato longo, mais 3 anos, e caro, ele é um dos 5 jogadores mais bem pago do elenco inteiro. Sendo assim é até aqui uma péssima contratação. Se render em 2009 e chegar perto do que se espera dele, pode sair da lista.


2ª Posição: Josh McCown, Quarterback - 2007

Esta poderia ser facilmente a pior de todas as contratações, mas nem isso ele conseguiu ser. Veio para ser ( meu Deus!! ) Starter da temporada, ou ao menos até que Chad Henne pudesse comandar o ataque, e custou caro: 6,5mi por dois anos, o maior contrato de sua vida. Pra mostrar o quão bom ele era basta dizer que foi mandado embora na metada de pré-temporada, pois estava ficando pra trás na briga com Henne. Com a chegada de Chad Pennington, o Miami teve que escolher alguém pra mandar embora: como Beck não tinha - como nunca terá - mercado, trocou-se o "starter" por uma sexta escolha com o Carolina Panthers. Ótima a passagem dele pelo Dolphins, não?


1ª Posição: A. J. Feeley - Quarterback - 2004

Esse cidadão da foto conseguiu um feito e tanto: ser pior que o Josh McCown. Mas ele merece uma história detalhada: corria o ano de 2004 e nosso novo HC, NIck Saban, queria ter a sua marca e varrer do mapa os "jogadores" chave de seu antecessor, David Wansthead, e para isso tratou de arrumar o seu FQB. Por isso convenceu o GM do time a ceder uma escolha de segundo round pelo QB do Eagles, sendo que a experiência do mesmo era de absurdos 5 jogos como Starter, com 8 TDs e 6 Ints. Não poderia dar certo, é claro, mas o pior é que com a escolha no Draft de 2005 o Miami Dolphins poderia ter escolhido, entre outros: Lofa Tatupu, Shaun Cody, Michael Roos e Ronald Bartell. Dá raiva imensa de ver que isso foi feito, mas paciência, até a chegada de Bill Parcells em 2008, cagadas deste nível eram comum serem feitas, às vezes, 3 ou 4 em um mesmo mês. Onde anda Feeley? Oficialmente está no Eagles, sendo o 3°, isso mesmo o terceiro, QB do time. Lindo não??

PS: Matéria baseada em texto do site www.thephinsider.com, com adaptações de texto e citações minhas. Mas a idéia, veio de lá. Crédito pra quem merece.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Mais um Rookie assina: Andrew Gardner LT

6° rounder Andrew Gardner assina contrato de 4 anos...

Dando seguimento a montagem de uma Offensive Line fortíssima pros próximos 5 ou 6 anos, o Miami Dolphins assinou hoje com o Light Tackle Andrew Gardner, de Georgia Tech, a mesma de Jason Taylor. Vem bem recomendado o rapaz...

O Contrato é de 4 anos e tem valor máximo de US$ 1,65mi. Nada mal para quem era cotado pra ficar como UDFA e tentar achar uma vaga. Aliás situação "parecida" com a de Jason Taylor... será que teremos um novo ídolo oriundo da Georgia??

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Lemon dispensado dos Jaguars

Isso pode não interessar muito, mas todos os nossos QBs da faditíca temporada de 2007 estão desempregados, menos John Beck, que está no Ravens, mas não deve conseguir grande coisa lá.

O último a ficar foi o QB Cleo Lemon, mas conhecido como Limão, foi dispensado do Jacksonville Jaguars, após apenas um ano com a equipe. Lembrando que ele foi o único que conseguiu nos dar uma vitória em 07, mas não foi lá essas coisas, com um rating de 71.0, 6 TDS e 6 INTS.