sábado, 7 de agosto de 2010

Tranning Camps Dia VIII

E não é que o número 19 pode ser vital em Miami? Pois é, mas agora dentro dela existe um jogador de qualidade verdadeiras e inegáveis...

E ontem tivemos mais um puxado e movimentado dia de treinamentos no Centro de Davie. Algumas notícias interessantes e outras nem tanto. Vamos a elas:
  • O Miami re-assinou com o veterano TE David Martin. O que isso significa? Possivelmente uma falta de confiança no desempenho de Fasano. Embora ele esteja melhor do que estava na TC de 2009, ele ainda está - bem - abaixo da de 2008. Martin foi um dos alvos de Brett Favre em seus últimos ano no Lambeau Field e era bom. Em 2008 marcou 3 TDs e foi útil sempre que esteve em campo. Boa notícia para ele. Para Fasano, nem tanto...;
  • Brandon Marshall está sendo nesta TC tudo o que dele se esperava. Nem resquícios da cirurgia que ele fez nos quadris. Ele tem recebido passes contra qualquer marcador e em qualquer situação: baixo, alto, em corrida, na end zone. Algo que a tempos os críticos não viam com a camisa do Dolphins. O último a fazer alguma coisa do gênero foi Mark Clayton. E o QB era um tal de Dan Marino... outra coisa boa a se dizer a respeito dele é que ele está dando dicas aos DBs, fez isso com Davis e Smith. Algo que somente um all-star poderia fazer;
  • Greg Camarillo está com um estiramento na virilha. E ficou de fora dos treinos de ontem, e só deve voltar na segunda. Nada que altere o seu Status dentro do elenco.
  • Uma mudança significativa na OL: Jake Grove treinou no segundo e até no terceiro time ontem. Mas no treino do fim da tarde, ele já estava de volta ao posto de C no time principal. Isso é motivo para nos preocuparmos? Ou seria apenas um teste, antevendo ficarmos sem ele na temporada regular, como tem sido em sua carreira? Aguardemos os próximos capitulos, quer dizer, treinamentos...Ainda sobre a OL, John Jerry parece estar se complicando na briga contra Richie Incognito. Será que teremos uma reviravolta aqui?
  • Ladeira abaixo. Assim segue Pat White. Será que ele consegue uma vaga no time com desempenhos tão ruins? Eu creio que não. Até Thigpen consegue lançar TDs contra os DBs principais, porque ele não?
  • Chris Clemons está levando a melhor na batalha pelo posto de FS sobre o rookie Reshad Jones. Algo até natural, pois ele tem uma temporada de experiência. Mas um outro dado mostra o quanto Clemons tem sido testado: ele é o DB que mais participou de Snaps até agora: 238. Davis, por exemplo, participou de pouco mais de 160. E Sparano disse que nestes, ele cometeu apenas um erro grave. Bom sinal.
  • Chad Henne recuperou-se de um quinta-feira ruim ( ao ser interceptado 4 vezes!! ), mesmo que ele tenha sido testado em situações de passe marcado por 4 jogadores e com pressão sobre ele, situação de jogo diga-se. Ontem, em condições parecidas, ele não foi interceptado nenhuma vez e conseguiu passes importantes, o mais deles para D-Bess no meio de campo, com Smith e Davis em cima dele. Assim é a vida de QB.
  • Mike Nolan segue insistindo no sistema de niquel 2-5-4, onde Odrick e Starks ficam formando a "DL falsa" e temos 5 LBs, com dois mais externos do que o normal e 3 Insides ( Crowder, Dansby e Dobbins ). Outras vezes, num exótico 2-7-2 ( isso mesmo, com 7 LBs!!!! ). Em todo caso, vemos mudanças no setor, que foi uma dor de cabeça na temporada.
  • Will Allen está ressentindo-se, um pouco, do joelho operado, e isso o tem limitado na TC. Pela sua situação, talvez comece a temporada na PUP lista ( jogadores parcialmente machucados ) e fique 6 jogos de fora. Seria uma perda sentida, pela sua experiência em um setor - basicamente - formado por jovens.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Prévia dos 53 da Temporada - Parte I

Quero inicialmente dizer, que esta lista não é minha, pois não tenho como fazer uma pelo simples fato de não poder acompanhar diretamente os acontecimentos no Centro de Treinamento em Davie. A lista é do Blogueiro do ThePhinsider.com e eu apenas a adapto para melhor entendimento de vocês.

Segundo quero explicar como funciona a NFL. Os times podem ter um máximo de 80 jogadores contratados antes do começo das Trainning Camps. Alguns atletas ( na maioria os UDFA´s ) recebem salários por apenas um mês ou menos, para poderem tentar seus lugares no elenco. Em times mais definidos ( Colts, Saints ) raramente eles acham espaço, mas times que estejam em reconstrução ( Lions, Chiefs, Browns ) eles geralmente se saem melhor. Exemplo nosso: D-Bess jamais teria chances no time atual, mas ao pegar o processo de reconstrução de Parcells/Sparano, cavou seu lugar.

Terceiro que a lista a seguir, é um olhar sobre o elenco e uma projeção ancorada nesta primeira semana de treinos, e não uma visão definitiva. Claro que 60% dos nomes citados, irão para a temporada, mas existem algumas dúvidas: 5 CBs ou 6 Wrs? 4 Rbs + 1 Fb ou levar mais um TE? Sendo assim, em cada setor, teremos os garantidos e os prováveis.

Posto isto, vamos a posição por posição, o que está rolando:
  • Quarterbacks: Chad Henne, Chad Pennington e Tyler Thigpen. Bom aqui, nenhuma dúvida sobre quem será o Starter e quem será o QB 2. A briga é pela terceira posição, devendo a mesma ser decidida apenas na hora do corte final. Por hora, Tyler Thigpen tem se sobresaído contra Pat White. E este, se não ficar aqui, talvez acabe como 6º WR;
  • Runningbacks: Ronnie Brown, Ricky Williams, Patrick Cobbs e Lex Hilliard. Praticamente o mesmo dito para os QBs. Ninguém discute a titularidade de Brown, a segurança de Williams, o comprometimento de Cobbs e a eficiência ( em especiais situações ) de Hilliard. Creio que aqui seja um dos setores já fechados. Não irei criar uma só para os Fullbacks, até porque só temos um no elenco e este Lousaka Polite.
  • Tight Ends: Anthony Fasano, Joey Haynos e John Nalbonne. 2009 não foi um bom ano para os nossos TEs, mas 2010 parece promissor. Fasano parece ter recuperado a forma que tanto foi importante em 2008 e Haynos parece evoluir dentro do esperado. Como é necessário termos 3, Nalbonne talvez acabe ficando com uma vaguinha. Mais por falta de competidores do que por merecimento, diga-se;
  • Wide Receiver #1: Brandon Marshall, Greg Camarillo e Patrick Turner. Pouco a dizer, a não ser que como é bom falar: temos, enfim, um matador. De verdade, não matador de raiva. Na reserva Camarillo tem tudo para fazer bonito, como tem feito desde que chegou no time e Turner tem feito por merecer sua vaga. Setor, ao meu ver, fechadíssimo;
  • Wide Receiver #2: Brian Hartline, Davone Bess. Assim como para a posição, aqui sem surpresas. Hartline será o WR oposto a Marshall e trombará sempre como o CB menos forte do rival, o que irá/deverá potencializar o seu jogo. Bess não será reserva de Hartline, e sim o nosso Slot Receiver. Para quem não sabe o que vem a ser isso, basta dizer que é como joga Wes Welker no Pats;
  • Offensive Tackles: Jake Long(LT), Vernon Carey(RT) e Nate Garner. Aqui, sem surpresas e sem maiores comentários;
  • Offensive Guards: Donald Thomas(LG), Cory Procter(LG), John Jerry(RG) e Richie Incognito(RG). 3 novos jogadores geralmente não é uma boa, mas neste caso, podemos dizer, com segurança, que a mudança foi pra melhor. Sem Smiley ( caro e machucado a 3x4 ), ganhamos força, segurança e juventude. Ao meu ver, uma das melhores escolhas do Draft foi a de John Jerry, e sei que critiquei, mas agora faz sentido. A mudança de Thomas para a esquerda pode dar certo, e temos boa cobertura para os starters. Só tem um porém: será que Incognito não é a maçã podre?;
  • Defensive End: Kendall Langford, Jared Odrick, Tony McDaniel, Charles Grant, Ryan Baker, Mark Douglas. Juventude nos titulares e experiência nos reservas. Assim posso resumir os nomes que temos para a posição de DE, que em um sistema 3-4 fazem as vezes de DT misturado com LB. E temos qualidade e profundidade na posição. Estamos bem servidos e dos que correm risco de corte, eu citaria Mark Douglas. Os outros 5, devem ficar entre os 53;
  • Defensive/Nose Tackle: Randy Starks e Paul Soliai. Acho temerário termos apenas 2 NT para a temporada, tendo em vista que o starter está mudando de posição, o que nunca é fácil. Sendo assim é que vejo que McDaniel esteja seguro entre os 53, mesmo listado como DE: ele é DT de origem. Soliai é um reserva apenas para descansar o titular, não para conduzir a DL. Sentiremos falta da força e liderança de J-Fergunson, mas isso é passado agora;
  • Strongside Linebackers: Koa Misi, Ike Alama-Francis e Quentin Moses. Devo dizer que estou surpreso em ver o nome de Alama-Francis como reserva do rookie Misi, mas é o que o blogueiro dos EUA postou e deve haver algum motivo para isso. A inclusão de Moses aqui deve-se ao fato dele ser um dos melhores jogadores de Special Team do Dolphins. Quanto a Koa Misi creio que não seja necessário tecer qualquer comentário adicional;
  • Inside Linebackers: Karlos Dansby, Channing Crowder e Tim Dobbins. Aqui temos um setor fechado, ainda mais com a recente contusão de A.J. Edds. Dansby e Crowder tem tudo para formar uma dupla explosiva e Dobbins é um reserva decente;
  • Weakside Linebackers: Cameron Wake e Charlie Anderson. Wake é o starter e Anderson um reserva razoável e que contribui bem no ST. Sem mais a dizer;
  • Cornerback #1: Sean Smith, Nolan Carroll e Jason Allen. Acreditem, mas o J-Allen parece que irá ficar mais uma temporada. Fazendo o que eu não sei, sinceramente. Já Carroll por tudo o que tem mostrando até aqui, merece. Sobre Sean Smith, vocês já sabem o suficiente;
  • Cornerback #2: Vontae Davis e Will Allen. W-Allen é o contraponto a juventude de Davis. E isso basta para ele ficar no elenco. O Starter deverá ter uma temporada espetacular. E de preferência sem stiff-arm humilhante...
  • Safeties: Yeremiah Bell, Tyrone Culver, Chris Clemons e Reshad Jones. Os dois primeiros serão os SS e os dois últimos os FS. Bell é o líder do setor e deve ter sua última temporada em altíssimo nível. Culver é seguro e contribui muito no ST. Já os dois jovens Safeties do setor é a maior aposta de Mike Nolan, que nem pensou duas vezes em dispensar o caro ( e pouco produtivo ) Gibril Wilson, pois confia em Clemons. E com a adição de Jones, teremos uma dura disputa.
  • Special Team: Dan Carpenter (K), Brandon Fields (P) e John Denney (LS). o primeiro nem concorrentes tem. O segundo colocou um australiano no bolso e o terceiro quando você ouvir o nome dele em campo, tenha uma certeza: alguma "merda" ele fez. Isso deve-se a uma frase comum em FA: não se vence jogos por causa de um Long Snnaper, mas perde-se. Ele é o cara que faz o snap em punts e nos Field Goals. Peça, acreditem, vital em um time campeão.

Correndo por fora: Lionel Dotson(DT), Pat White(QB), Korry Sperry(RB), Andrew Gardner(OT) e Ryan Grace Mullen(WR)

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Tranning Camps Dia V e VI

E as Tranning Camps seguem a todo o vapor. Vamos a um rápido apanhado:
  • Brandon Marshall deu um tremendo susto em todos ao torcer o tornozelo no treino de ontem de manhã. Seria algo sério? Bom, nos treinos da tarde/noite ele praticamente dizimou os DBs: recebeu passes contra Davis, Smith e o novato sensação Carroll. Acho que todas as dúvidas foram "dizimadas"...
  • Patrick Turner segue melhorando sua situação dentro do elenco. Embora a concorrência seja árdua demais, ele parece estar cavando a sua permanência no elenco. O que acredite, esteve por demais ameaçada após a péssima temporada de estreia.
  • Na OL tudo segue da mesma forma. E a não modificação da formação demonstra que os cinco starters serão, da esquerda para a direita: Jake Long, Donald Thomas, Jake Grove, John Jerry e Vernon Carey. No entanto, o Guard Richie Incognito está estrapolando: abusa dos tackles duros contra os companheiros, monstrando de onde vem a sua fama. E isso começa a criar os seus problemas.
  • Finda ( graças a DEUS ) a era TGJ, o time tem que arrumar um novo retornador para Punt e para Kickoffs. Entre os que podem "ganhar" o emprego: Patrick Cobbs, Brian Hartline e o rookie Nolan Carroll. Correndo por fora, existem Tristam Davis e Johnson Taurus, que são UDFA.
  • Alguns começam a falar sobre um começo ruim de Sean Smith, pois o mesmo está sendo o CB designado a confrontar-se, na maioria das vezes, contra B-Marshall. Mas segundo analistas isto se provará de grande valia na temporada regular, quando o mesmo terá que fazer o mesmo contra Moss e cia.
  • E vem a caminho uma defesa jovem, exceção a Yeremiah Bell que seria o único acima dos 30 anos. Os outros seriam todos abaixo disso: Odrick, Starks, Langford, Misi, Crowder, Dansby, Wake, Davis, Smith e Clemons. E ainda teremos outros jogadores jovens como back-up: Carroll, Allen, Soliai, Jones... A média da provável defesa titular seria de incríveis 25,3. Se rolar uma química legal, é defesa para quase uma década.
  • E uma nota importante sobre A.J. Edds: ele foi colocado na Injure List e fica com seu vinculo mantido. Assim, ele recebe seu salário integralmente ( rookies, quando se machucam durante as TCs, perdem osa bônus por desempenho, caindo bastante seus rendimentos ). Da maneira como foi feita, Edds recebe uma clara demonstração de confiança por parte do FO do Dolphins. Indo ao encontro do que foi falado de bom dele até a contusão. E ele, como rookie, ajudaria a baixar - ainda mais - a média de idade do setor.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Update: A.J. Edds está fora da temporada...

Confirmando os rumores de logo mais cedo, a temporada terminou ontem para o ILB Rookie ( 4° round ) A. J. Eddds - na foto o número 49 - que vinha conseguindo ter o seu destaque, mas agora ele só voltará a vestir o uniforme do Dolphins em 2011.

Para complementar o elenco o Dolphins assinou com Micah Jonhson, rookie não draftado da Universidade Kentucky, esteve participando das OTAs do Giants, mas foi cortado antes das TCs. Não devemos esperar nada demais dele, mas outros jogadores já chegaram assim e acabaram com anéis nos dedos...

Trainning Camps - Dia IV

D-Bess tem tudo para o nosso Wes Welker. Aliás esta comparação é chata pra c... afinal, Welker era do Dolphins!!! Maldito Cam Cameron...

Sabem quem é sujeito da foto? Não? Deixo uma dica: é o mais bem pago WR da Liga...

Pat White segue sua vida como QB. E não tem sido nada fácil: 3 Ints até agora. Duas do quinto round Nolan Carroll. Para quem seria sensação, parece pouco...

Coach Sparano segue em seu trabalho, tentando dar química a um dos melhores elencos de toda a NFL. Segundo quem? Analistas de todos os sites dos EUA...

Será que nossa busca por um QB decente, desde a aposentadoria de Dan Marino chegou, finalmente, ao fim? Aguardem mais uns 16 jogos para sabermos, mas isto depende do número 7 da foto...

E seguem os treinamento de pré-temporada no Centro de Davie, Flórida. E temos várias coisas ficando mais claras, outras nem tanto, mas o time começa a ganhar corpo. Vamos ao que de melhor ( e pior ) aconteceu ontem em Miami:
  • Nosso QB principal, está tendo números importantes mesmo que tenha recebido críticas do Palm Beach após o desempenho de domingo. O que ele fez pra merecer tais críticas? Errou dois passes no treino de 7 contra 7 em campo reduzido, usado exatamente para apurar os reflexos de WRs, CBs e sobretudo QBs. É uma situação que - do jeito que é treinada - jamais acontece em campo, pois os 4 que saem são LB/DL na defesa e RB/OL no ataque. Fora isso, ele acertou 7 em 10 passes ontem e 4 de 5 nas jogadas sob pressão, aquelas em que se treina o pass-rush total vindo da defesa e ele tendo que decidir rapidamente. Ao meu ver, e o de vários analistas, ele está se mostrando forte, mais decidido e mais preciso do que fora em 2009. E disso depende o quão longe iremos em 2010. Além disso ele terminou o treino contectando Marshall contra a marcação, precisa, de Vontae Davis, que terminou em TD;
  • Entre as posições que mais nos queixavámos, WR era a de maior grita. E agora que temos um Top 10 ( Marshall tem demonstrado na prática o porque recebe +100 passes por ano na NFL ) a pergunta era: quem será o outro starter? Pois é, este será - salvo algo muito aterrador, Brian Hartline, que é apenas um Sophomore ( segundo anista ) e tem se destacado demais. Sparano é somente elogios para ele e tudo nos levar a crer que será ele o escolhido, até pela sua qualidade de conseguir sempre alguma jarda a mais do que parecia possível. D-Bess será o Slot e Camarillo e Turner, em tese, os reservas.
  • Na Linha de Ataque, Donald Thomas recebeu definitavamente a informação que será agora um Guard do lado esquerdo, isso porque o rookie John Jerry rende mais na direita. É um novo começo para Thomas, porque desde o High School que atuava do lado direito. Mas até aqui, ele tem se mostrado forte, como sempre, e parece que seguirá como Starter. Já do lado direito, como disse antes, John Jerry deve ganhar o posto, deixando o "durão" Richie Incognito, como back-up. No mais, tudo dentro da normalidade: Long e Carey como Tackles e Grove com o nosso Center.
  • Se há um nome para ser guardado com carinho este é o de Nolan Carroll, que treino após treino segue mostrando o seu valor. Alguns de vocês devem se perguntar: mas ele veio no quinto round, como pode estar sendo tão bom assim? A resposta é simples: Carroll era cotado pra sair no terceiro round, quiçá no segundo, mas uma contusão no começo da sua última temporada como Universitário o fez cair. Se ele mantiver este desempenho, poderemos ter feito um roubo e tanto. E um dado engraçado: ele veio na pick que recebemos por TGJ...
  • Vontae Davis recebe elogios aos montes. Seu trabalho na marcação ( ou tentativa ) sobre Marshall é louvável, e o próprio disse: ainda bem que ele joga no meu time;
  • Patrick Turner tem feito uma TC melhor do que a 2009, que diga-se foi sofrível. Seu problema é a concorrência: Hartline, Bess e Camarillo tem seus lugares bem cimentados e o Dolphins raramente usa o seu quinto WR em partidas, apenas no Special Team. Sendo assim, ele precisa fazer mais ainda. Por enquanto, ao que parece, faz o suficiente para evitar o corte.
  • O rookie ILB A.J. Edds, saiu machucado do treino de ontem. E ao que parece, pode ser end season. Aguardemos os resultados de exames, mas quando saem notícias assim, é porque é sério mesmo. Se confirmado, será uma baixa sentida, ele vinha bem e parecia fadado a conseguir um lugar entre os 53 do elenco.

domingo, 1 de agosto de 2010

Trainning Camps - Dia II e III

Jared Odrick atendendo aos fãs, após o quente treino de ontem. Quente mesmo, sob quase 40 graus no verão da Flórida...

Koa Misi ( 55 ) e Jared Odrick ( 98 ) executam ações sob os olhares atentos de Mike Nolan, nosso Coordenador Defensivo...

Charlie Anderson ( 56 ) e Chris McCoy realizam o treino de força contra a OL imaginária. O safety tem se saído bem, muito bem...

Tony Sparano vigia sua tropa durante o alongamento destes. Que ele e sua comissão técnica consigam criar a química necessária para este time...

Bom, tivemos três sessões ontem e sábado. E agora vamos ao apanhado das 4 atividades:
  • Cameron Wake conseguiu bater J-Long 3 vezes no sábado e outras duas hoje. Isso é importante por dois motivos básico: Wake está demonstrando todo o seu valor, mas será que Long está sem time de jogada? Porque ele é um dos 3 melhores LT da Liga e portanto não é nada normal ele ser batido tantas vezes assim. Já do lado de Wake é excelente e ele poderá fazer com que não tenhamos saudades de Joey Porter. Basta dizer que Porter sofria para bater Long.
  • Karlos Dansby está deixando ótimas impressões na comissão técnica. É preciso olhar para além dos números para poder entender isso, afinal Dansby nem tem sacks e nem interceptações. Só que um-contra-um ele tem se mostrado quase que imbatível. Outro que, contratado a peso de ouro, está mostrando do que é capaz. E ele está tendo um bom entendimento com Channing Crowder, e ambos estão sendo bem elogiados por Sparano e por Nolan.
  • Na DL, sem maiores surpresas, Jared Odrick está jogando na extrema direita, com Randy Starks no meio e com Langford na esquerda. O mais interessante disto tudo é perceber que o nível parece o mesmo de 2009, talvez até melhor. Starks parece adaptado a nova função e Odrick parece até melhor que Merling. Acho que o "Mago" pode ter perdido sua posição de Starter. Mark Douglas é o reserva de Odrick e Tony McDaniel o de Langford;
  • Na outra linha, a briga segue indefinida. John Jerry segue sendo o mais usado como RG, ficando de LG Donald Thomas, mas com Richie Incognito a fazer mais que sombra. Já o reserva de Jerry é Nate Garner e não parece ter como conseguir barrar o novato de virar starter no primeiro jogo. Como os tackles são intocáveis e Grove está levando vantagem sobre Berger, parece que só os Guards é que podem nos trazer alguma surpresa;
  • E nos WRs ( que gerou comentários no post anterior ), o oposto a Brandon Marshall segue sendo Brian Hartline. E quando este falhou em algumas bolas ( por problemas físicos não preocupantes ) quem alinhou ali foi Greg Camarillo. E Davone Bess? Segue como Slot Receiver.
  • Entre os que estão retornando de sérias contusões ( Brown, W-Allen, Crowder, Cobbs e Pennington ), todos demonstram desenvoltura e nenhum sinal de problemas. Faltam-lhes, é claro, ritmo físico, mas temos tempo para colocá-los em forma até a estréia.
  • Paul Soliai está tendo um tremendo começo de trabalho. O que pode levá-lo a ganhar o posto de reserva imediato de Starks.
  • E seguindo a sua ( triste ) tradição em Trainning Camps, Jason Allen ( um dos últimos remanescentes da época de Nick Saban como HC do Dolphins ) segue sendo queimado, não importando o lado e sequer o WR. Será que agora irão dar-lhe o bilhete azul?
  • Enquanto um se torna bust outro CB mostra serviço: Nolan Carroll. Ele conseguiu uma interceptação em cima de Tyler Thigpen ( outro que está mal ) e o retornou para TD. Além disso tem vendido caro cada catch que cede aos WRs, até mesmo uma para Brandon Marshall.