sábado, 10 de novembro de 2012

Week 10 - Titans x Dolphins

Post curto para relatar o histórico recente do confronto:
  • Série Histórica: 18-14 Dolphins;
  • Recentes: 8 de 11 Dolphins;
Miami joga suas chances que ainda restam de post-season nesta partida. Diante de um rival que até aqui tem sido uma verdadeira mãe para os QBs rivais ( a média dos ratings dos QBs foi, até agora, de 108,6 ). Sendo assim parece-me uma excelente oportunidade para vencermos e nosso QB poder ter uma atuação com TDs e sem Ints. Que assim seja...

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

E vamos pro pau: A saga Tannehill apenas teve início...

A imagem da semana...

Vou ser curto e direto: meu gosto não admite sutilezas. Sou uma pessoa que não fica em cima do muro esperando ver para qual lado pende a opinião da maioria. Tomo partido desde o começo e faço minhas escolhas amparadas em minhas próprias concepções. Nada, e quando digo isso é nada mesmo, muda meu modo de pensar. Quando os fatos mostram que estava errado, assumo. Mas nem mesmo a fala de meu pai muda o que penso sobre algo. Claro e evidente que leio, ouço e pondero. Algumas vezes em minha vida até fiz correções de rota, mas em mais de 90% das situações mantenho minha opinião inicial. Como já disse, se os fatos no futuro mostrarem que estou errado, irei assumir isso aqui, sem problema algum.

Espero, sinceramente, que nenhuma das pessoas que passam por aqui pensem que estou jogando farpas para alguém em especial. Quero apenas deixar de forma clara e suscinta que eu sustento aquilo que penso. Não trata-se de ofender ou de dizer que não me importo com a opinião de ninguém, porque - acreditem - eu me importo. Apenas não mudarei meu modo de pensar ao ler o que li. E quero reiterar que não fiquei ofendido com nenhuma palavra postada pelos leitores, pois ao criar este Blog o objetivo era essa mesmo, o de ser um lugar de debates. E por fim, não quero ser - jamais tive tal pretensão - o dono da verdade.

Já estive errado antes? Claro e existe uma possibilidade, considerável até, de que eu esteja agora. Apostei que Chad Henne seria solução pros nossos problemas é apenas uma das vezes em que errei. Mas acertei com TGJ, Beck e White, os dois últimos QBs. Ah, também errei ao querer Brady Quinn, mas hoje está claro que, apesar de tudo, era melhor ter errado com ele do que com TGJ.

Já estou no quarto paragráfo e nada de Ryan Tannehill, engraçado não? Sabem a frase sobre o copo com água até a metade? Pois é, com relação a ele eu - assumidamente - faço parte da turma que vê o copo meio vazio e posso estar sozinho nessa ( pelo menos aparentemente ninguém concorda comigo ). A maioria vê o contrário. O que eu penso disso? É um direito de qualquer pensar que o copo esteja meio cheio. Assim como o é para mim achar que ele esteja meio vazio.

Fui aspero na opinião da maioria no post pós-partida. Devo ter sido mesmo, pois esse era o meu sentimento. Isso agrada as pessoas? Não, é claro. Mas espero que entendam que o que tornou esse lugar o que é hoje, foi justamente essa tendência para a polêmica, pois ela gera a discussão e depois o concenso. Tannehill tende a ficar conosco diversos anos ( até por isso o título de que a saga apenas teve início ). Espero estar errado, pois o time só teria a ganhar. Mas sinceramente não é o meu sentimento quanto a Ryan... 

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Week 9 - Dolphins 20 x 23 Colts - E o melhor rookie venceu...

Ele acabou conosco ontem...


Resolvi não fazer post ontem, porque seria por demais ácido. Li e reli as mais absurdas defesas acerca da atuação de nosso QB e não irei citá-las aqui para não, digamos assim, "milindrar" os seus autores. A Linha Ofensiva foi ruim, a Linha Defensiva praticamente não tocou em Andrew Luck a partida inteira, nossa Secundária fez de longe sua pior partida na temporada, mas o nosso QB não foi páreo para o melhor QB Rookie em anos na Liga. Esse é o ponto em que quero chegar: enquanto Luck passava para 2 TDs e absurdas 433 jds ( maior marca para um calouro na história da Liga ), o nosso passou para apenas 1 TD e 290jds. E este 1 a mais na conta de TDs fez toda a diferença. A culpa é dele, Flávio? Não só dele, é óbvio. Mas até aqui, em todos os jogos apertados nos finais, nós perdemos. Isso é uma mentira? Acho que ninguém é capaz de dizê-lo. Vencemos 3 jogos diante de equipes piores ( Raiders, Rams, Bengals ) e perdemos 2 diante de equipes melhores ( Colts e Texans ) e trocamos derrotas com um time inferior, mas rival de divisão ( Jest ). E tem a partida diante do Cards que a cada dia me deixa mais puto, pois eles mais uma vez perderam, a 5ª depois de nos vencerem.

Querem ver por outro espectro? Enquanto Luck virou uma partida perdida diante do Packers ( sim, do Packers!! ), nosso rookie até agora não virou uma única partida. Isso faz dele um QB ruim? Não, mas vencer partidas onde consegue-se a liderança é muito mais fácil, não? A verdade é que o jogo de ontem mostrou a realidade: ele irá precisar dos tais 2 ou 3 anos para poder atuar em alto nível. Já Luck mostrou que já é uma realidade e que não irá tomar conhecimento de times com secundárias que não sejam excelentes. Tannehill poderá atuar assim um dia? Poder até que pode, mas vai demorar. Teremos paciência para esperar isso? Ai eu já não garanto...

Para finalizar um dado: mais uma vez a equipe parou no segundo tempo. Quando o jogo foi pro intervalo venciamos até que bem por 17x13. Era mais do que um FG de vantagem portante. O que o time fez no segundo tempo? Míseros 3 pontos!!! Enquanto o Colts conseguiram 10. Esse tem sido um problema, o time não consegue manter o ritmo o tempo todo. E grandes equipes costumam é melhorar de ritmo após o intervalo, mas conosco é justamente o contrário. Quando Luck terminou com quase 300 jds o primeiro tempo, mas com o Dolphins a frente, eu pensei que iriamos vencer. Mas que nada, ele atuou "pior" no segundo tempo, mas mesmo assim saimos perdendo. E assim, de maneira melancólica, terminam - pra mim ao menos - nossas chances de post-season. Em todo caso, foi bom poder sonhar até a semana 9...

E pra finalizar de vez: iremos enfrentar um tal de Tom Brady duas vezes ainda...

domingo, 4 de novembro de 2012

Week 9 - Dolphins at Colts


Essa semana 9 é crucial dentro de nossa pretensões (  e do Colts também ) sobre post-season. Vencer é fundamental, portanto temos que pensar em alguns pontos que poderão ser a diferença entre vencer ou perder:
  • Batalha dos QBs Rookies: Todos sabem que Colts e Dolphins estão com QB novatos. E todos, igualmente, sabem que rookies cometem erros. Acontece que Luck tem uma linha aparentemente pior do que a nossa. Portanto aquele que conseguir errar menos e/ou conseguir mais TDs que o rival, poderá ter vencido ao final da partida;
  • Batalha nas Linhas: Existem várias máximas dentro da NFL, mas um das mais verdadeiras é que o jogo decide-se nas linhas, ou seja, no embate entre OL e DL. Sendo assim, levamos ligeira vantagem, pois nossa DL tem sido dominante diante das OLs rivais e a nossa própria tem feito um trabalho decente. Já os dois setores do Colts vem crescendo, mas ainda não estão em pé de igualdade com as nossas. Se assim acontecer, as chances de vitórias seriam ainda maiores;
  • Secundária: A nossa não está sendo uma "brastemp", mas melhoramos durante a temporada. Náo por outro motivo, Sean Smith está entre os que mais conseguiram Intercpetações na temporada. Mas temos que admitir que nisso o Colts está em melhor condições. Portanto Tannehill não force passes além do racional;
  • Special Team: O mundo da NFL ficou espantado com o que fizemos diante do Jets, quando tivemos uma partida perfeita entre os especialistas. E neste ponto estamos na frente do Colts. Mas será que manteremos tal nível de atuação?
Em todo caso é uma partida diante de uma equipe do mesmo nível e que também está na briga pela post-season, por isso vencer significa deixar um rival direto atrás nessa luta. Mas é claro que o jogo será duro e teremos que jogar no limite para vencer. Mas não será um desastre perder.