domingo, 2 de novembro de 2014

Week 9: Chargers 00 x 20 Dolphins - Um primeiro tempo excelente



Uma partida como poucas vezes vimos em Miami Dolphins: um atropelo nosso. O Chargers não fez nada na partida e quando pode fazer, perdeu uma quarta descida. A defesa massacrou ( nenhuma novidade, ma Reshad Jones conseguiu uma interceptação e fez o tackle para negar a quarta descida ), mas nosso ataque também foi poderoso. Em cinco posses, o time marcou em 4 e poderia tê-lo feito nas 5, mas Sturgis errou um Field Goal de 45 jardas. Abaixo, o que de melhor aconteceu em cada uma desses cinco drives ( e o time ainda vai receber a bola no segundo tempo ):

Primeiro drive: Tannehill acertou todos os passes ( 6 ao todo, para 4 WRs diferentes ). Wallace quase dropava um passe fácil, mas se recupera e faz uma recepção linda e fundamental para o drive. Landry recebe passe lateral para uma terceira pra muitas jardas e faz uma finta lindíssima, deixando o time perto da primeira descida. Hartline faz um recepção segura e vira primeiro pro Goal. Ai Tannehill acerta um passe perfeito para Clay. Touchdown, 7x0.

Segundo drive: Drive começa com drop, mas depois disso o ataque vai avançando jogada após jogada. Ryan Tannehill corre com a bola para um bom ganho, Landry e Clay aparecem bem para conseguir conversões importantes. Por fim, Miller entra na End Zone, Touchdown, 14x0

Terceiro drive: após a interceptação de Jones, o time fica em boa posição, mas um drop e uma jogada mal chamada, impediu o time de entrar na End Zone pela terceira vez. Field Goal, 17x0

Quarta posse: conversões complicadas, a defesa dos Bolts fez alguns ajustes, mas o time foi avançando. Em uma segunda para 7, Tannehill tenta um passe longo, após fugir de Sack, manda um pouco atrás de Wallace, que não consegue consertar o passe. Duas jogadas seguintes, ele acerta um passe no lugar certo para o mesmo Wallace e é primeira pro Goal. Só que ai aquele velho Miami apareceu: nada de TD. Outro Field Goal, que quase nem era chutado porque Tannehill andou muito perto de ser interceptado. 20x0

Quinta posse: Rivers não conseguiu nada e o Chargers chutou um punt. Faltando 1:16 e conhecendo Philbin como nós conhecemos, seria ajoelhar e deixar o tempo passar certo? Que nada, até isso hoje foi diferente. Alguns passes errados, mas outros bem certos, sobretudo um para o sumido Brandon Gibson. Ai Ryan Tannehill resolve correr e quando poderia ter dado o slide ele tenta o contato, para quem sabe passar e chegar na End Zone. Só que... bom, foi fumble recuperado por Dallas Thomas ( sim, hoje é dia de milagres!!! ). Ai é chutar e ficar 23x0 e com cinco posses seguidas marcando pontos, certo? Errado. Não temos um Kicker confiável ( o que tínhamos quase não erra jogando pelos Bills ) e ele errou um FG de 45 jardas. Mesmo assim quem pode reclamar de 20x0?

2 comentários:

B.S disse...

Faz um favor, releia novamente o texto e veja novamente o jogo. O único comentário elogioso foi um passe perfeito para Clay. Não gostar do cara, OK, seu direito. Agora se for fazer uma crítica do jogo tente ao menos guardar um pouquinho do ódio ao comentar o jogo. Um abraço, apesar desse detalhe, o site é muito bom, parabéns!

Flávio Vieira disse...

este texto foi do intervalo... tem que ser rápido, além do mais eu fui escrevendo conforme os drives iam acontecendo...

leia os outros textos pós partida.