sexta-feira, 31 de julho de 2015

Batalhas da Trainning Camps 2015

Koa Misi tendo que se provar...

Em algumas posições não existem dúvidas, temos um Starter certo. Em outras, nem tanto. Abaixo uma passagem pelas posições onde a situação é por demais indefinida:

Guardas

Saber quem serao os dois Starter é uma previsão que poucos arriscam a fazer. A equipe começou o acampamento com Dallas Thomas na esquerda e Billy Turner na direita ( terceiro e segundo anistas respectivamente ), mas o rookie Jamil Douglas e o veterano Jeff Linkenbach podem surpreender. Mais porque os dois primeiros são instáveis ( para ser bonzinho ) do que pelo fato dos dois atuais reservas terem qualidade. Prova disso é que houve rotação nos dois treinos realizados até agora.  Quer uma prova? O Miami, segundo fontes, estaria ainda interessado em Evan Mathis cortado do Eagles recentemente.. Qualquer que seja a solução final, parece que os golfinhos estão creditando a Thomas e a Turner ligeira vantagem no início do treinamento. Se eles ficarao com os postos, ai é outra coisa...

Linebackers

Miami tem uma questão a resolver: quem será o Strong Side Linebacker? Até aqui, ao que parece, este posto caberá a Chris McCain, com Misi ficando no meio da linha, enquanto que Jelani Jenkins atuará no outro lado. Isso em tese, é claro. Assim sendo McCain e Kelvin Sheppard brigam por uma vaga, mas a questao é saber se isso será uma boa para o elenco.

Kickers

Parece improvável, mas Caleb Sturgis corre, sim, algum risco de perder a batalha e até mesmo ser cortado ( que saudades de Dan Carpenter que pagou o pato de Tannehill ser péssimo QB ). Andrew Franks tem treinado bem, embora Sturgis tenha acertado 9 de 11. A questão é: quem terá maior confiabilidade? E é ai que Sturgis pode dançar, pois se não passar 100% de confiança, o time poderá cortá-lo.

Cornerbacks

Brent Grimes é Starter e nem em sonho pode ser questionado. Já o segundo Corner starter, ai é outro assunto. Pelos treinos até aqui, Kevin Coyle deposita toda confiança em Jamar Taylor, que de fato já deveria ter ocupado este posto desde a temporada de rookie. Will Davis aparece como a sombra mais óbvia, tendo feitos dois bons treinos no segundo time.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Começou. Mas por enquanto, apenas exames e uma má notícia...

Cena do ano passado, mas que volta nesta quinta-feira


Alguém ai arrisca dizer quantos ( e seus nomes ) o time tem sob contrato atualmente? Se não aqui estão todos eles, listados por posição:

Quarterbacks (4) - 
Ryan Tannehill, 
Matt Moore, 
McLeod Bethel-Thompson e 
Josh Freeman;
Running Backs (5) - 
Lamar Miller, 
Jay Ajayai, 
Mike Gillislee, 
LaMichael James e 
Damien Williams;
Tight Ends (6) - 
Jordan Cameron, 
Dion Sims, 
Arthur Lynch, 
Tim Semisch, 
Jake Stoneburner e 
Gerrell Robinson;
Wide Receivers (12) - 
Jarvis Landry, 
Greg Jennings, 
DeVante Parker, 
Kenny Stills, 
Rishard Matthews, 
Matt Hazel, 
Michael Preston, 
Tommy Streeter, 
Damarr Aultman, 
LaRon Byrd, 
Christion Jones e 
Tyler McDonald;
Offensive Linemen (16) - 
Branden Albert, 
Billy Turner,
Mike Pouncey, 
Dallas Thomas, 
Ja'Wuan James, 
Jason Fox, 
Jamil Douglas, 
Sam Brenner, 
Jeff Linkenbach, 
J.D. Walton, 
Michael Liedtke, 
Aundrey Walker, 
Dionte Savage, 
Chris Martin, 
Jacques McClendon, e 
Donald Hawkins;
Defensive Ends (7) - 
Cameron Wake, 
Olivier Vernon, 
Derrick Shelby, 
Terrence Fede, 
Emmanuel Dieke, 
Ray Drew e 
Kendall Montgomery;
Defensive Tackles (8) - 
Ndamukong Suh, 
Earl Mitchell, 
C.J. Mosley, 
A.J. Francis, 
Jordan Phillips, 
Anthony Johnson, 
Deandre Coleman e 
Ellis McCarthy;
Linebackers (10) - 
Jelani Jenkins, 
Koa Misi, 
Chris McCain, 
Kelvin Sheppard, 
Jordan Tripp, 
Spencer Paysinger, 
Mike Hull, 
Jeff Luc, 
Zach Vigil e 
Neville Hewitt
Cornerbacks (7) - 
Brent Grimes, 
Jamar Taylor, 
Will Davis, 
Brice McCain, 
Tony Lippett, 
Zack Bowman e 
Sammy Seamster
Safeties (8) - 
Reshad Jones, 
Louis Delmas, 
Michael Thomas, 
Jordan Kovacs, 
Walt Aikens, 
Don Jones, 
Shamiel Gary e 
Cedric Thompson
Punters (2) - 
Brandon Fields e 
Matt Darr
Kickers (2) - 
Caleb Sturgis e 
Andrew Franks
Long Snapper (1) - 
John Denney

Muita gente, não é mesmo? Pois é, com certeza. Diversos estarão no primeiro corte ( 15 nomes ) em duas semanas. Os que sobreviverem terão mais duas semanas até o corte final ( onde caem mais 22 nomes ). E nem mesmo ficar entre os 53 dá a certeza de jogar a temporada pelo Miami, uma vez que outros times acabam cortando jogadores que interessam ao Dolphins e vamos atrás desses atletas.

E de onde veio a má notícia? Acontece que DeVante Parker está na PUP List. Ele fez uma cirurgia para troca de um pino no pé, para evitar que isso tivesse que ser feito durante uma temporada ( poderia ser esta ou daqui a 10 anos ). Fez-se agora para diminuir o risco de perder o principal alvo logo no ano de estreia. Acontece que agora ele nao poderá treinar enquanto estiver na Lista, mas tem um lado bom: o time pode tirá-lo de lá a qualquer momento. Branden Albert era cogitado ficar assim também, mas ele vai participar - com limitações - desde o primeiro treino.

Amanha o time realizará o primeiro treino, por enquanto apenas físico. A lista acima está ordenada considerando aqueles atletas mais valiosos de cada posição ou tempo de casa. Alguns sao bem óbvios, alguns nem tanto...

É amanhã

Woody Harrelson, ops... é o Joe Philbin assustado com a chance de perder o emprego...
Amanhã começa a Trainning Camp. Como já disse mais de uma vez, desde 2003 sempre esperamos que ela nos traga uma Temporada Decente e isso só veio uma vez desde então, mais por obra do acaso, do que por acertos nossos. Tanto é assim, que basicamente o mesmo time naufragou bisonhamente na temporada seguinte. Portanto amanha é dia acharmos que poderemos ser mais felizes ao fim de Dezembro. Se seremos ou não, ai é depende da loucura de cada um. Eu mesmo não mais me permito sonhar, vivo a realidade. Adiante.

Amanhã é, talvez, o único dia em quem ficamos em condições de igualdade com todas as outras 31 equipes. Amanhã todos os sonhos são possíveis, não só para a torcida, mas também para aquele jogador obscuro candidato ao primeiro corte e que mesmo que consiga sobreviver ao primeiro, cairá no segundo. Mas todos os 90 jogadores do elenco podem sonhar. Sejam estrelas de verdade ( Wake como maior exemplo ) ou jogadores meia-boca ( preciso mesmo citar alguém?? ). Todos eles almejam o estrelato, mas só alguns conseguem.

Em termos de batalhas, por incrível que parecer possa teremos poucas, mas eu irei dar uma passada posição por posição e o que estará em jogo:
  • Quarterback - A posição tem dono. Goste-se dele ou não, Tannehill é o Starter. E Matt Moore tem o melhor emprego do mundo: ganha como Starter mediano ( que é ) e nem precisa jogar;
  • Runninbacks - Lamar Miller deverá ser o Starter, mas Jay Ajay pode surpreender. Um tal de Mike Gilislee deve ser cortado, o que não vai surpreender ninguém;
  • Wide Receivers - A dúvida é Parker estará apto para treinar desde o começo. Segundo algumas fontes ele poderá perder alguns treinos e isso, claro, terá efeitos na temporada pois ele precisa ter o máximo de química com Tannehill. Jennings deve ser o WR #2, com Stills e Landry completando o time. Matthews deve catar o quinto posto;
  • Tight Ends - Cameron será, com certeza, o Starter. Com Sims logo atrás. Os outros? Melhor nem citar...;
  • Linha Ofensiva - Citei em outro post que Branden Albert corre risco de perder até o meio da temporada. Sim, isso mesmo. O time corre o risco de ter que colocar ele na PUP List, que o deixaria - obrigatoriamente - de fora das oito primeiras temporadas. Claro que isso é um risco, mas Philbin está otimista quanto a isso. No entanto é bom ficar esperando pelo pior. No mais temos o All-Star do ataque em Mike Pouncey, o "super" escolhido de 2014 ( Ja'Wuan James ) e dois postos vagos para os Guards. Quem vai ficar com elas? Talvez nem Deus saiba...;
  • Linha Defensiva - Em tese, e bota em tese nisso - deverá ser o melhor setor do time na temporada. Se as previsões de diversos analistas se confirmarem, será bom os QBs adversários reforçarem as proteções no uniforme porque vão apanhar pra burro. A ideia é que Suh ocupe dois OLs adversários, deixando com que Wake e Vernon possam fazer a festa. Vai dar certo? Bom, eu não sei, mas é bom que o melhor aconteça. Ou teremos jogado 114 milhões pelo ralo. Nada de se estranhar em se tratando de Miami;
  • Linebackers - O setor perdeu diversos jogadores em anos recentes, gastou milhões em outros e agora não trouxe um único reforço. Será que teremos um bom setor com quem ficou? Complicado...;
  • Cornerbacks - Aqui é Grimes e mais um. Mas quem é este outro? Bom, em tese deverá ser - finalmente - Jamar Taylor. Temos dois rookies, um recém chegado e Will Davis. Quem sobreviverá? Ninguém sabe, nem eu arrisco;
  • Safeties: Bom, Reshad Jones é Starter e do seu lado será Louis Delmas. A questão é: será que ele termina a temporada? E será que Jones, um dia, voltará a fazer o que fez em 2013? Complicado saber as respostas, mas é bom que seja "sim" para as duas;
  • Special Teams: Caleb Sturgis ( saudades de Dan Carpenter ) está, outra vez, machucado e poderemos ter que manter 2 Kickers no elenco. O que seria um desastre. Já como Punter, tudo é tranquilo: Brandon Fields é o cara, um dos 3 melhores Punters da NFL. O que, claro, diz muito sobre o ataque do Miami, não é mesmo? Ou alguém ai destaca o Punter do Patriots ou do Ravens como os melhores de seus respectivos ataques? De maneira alguma...

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Outro corte: Nigel King

Isso não vai mudar o preço do dólar, mas foi estranho...
Nigel King era um dos diversos ( e um dos mais promissores ) UDFA, os rookies não draftados. Ele veio da Universidade de Kansas, após passar suas duas primeiras temporadas na NCAA em Maryland.

O corte soa estranho, ainda mais porque na quarta começa a Trainnig Camp. Parece que rolou algo de muito errado no relacionamento dele com a equipe técnica. Não que eu esperasse dele um jogador que ficasse entre os 53 homens da temporada, mas que poderia ser útil e ficar na Pratice Squad. 

Estarei de olho nos desdobramentos desse corte.

domingo, 26 de julho de 2015

Quarta-Feira é o primeiro dia da Temporada 2015

Quarta-Feira é momento de sonharmos, mais uma vez, com uma temporada vencedora...
Toda Trainning Camp é a mesma coisa: todas as 32 franquias, em tese, partem do mesmo ponto. Todos os seus fãs podem sonhar com uma ida ao Super Bowl e todas podem pensar em vencer mais partidas do que perder. Tudo isso, é claro, em tese.

Desde 2008 que nós não conseguimos, sequer, vencer mais partidas do que perder. E olhem que isso esteve bem acessível nos 3 anos anteriores com Philbin e Tannehill: em todos os anos o time poderia ter conseguido e faltando duas ou três partidas para o final da temporada bastaria vencer rivais de divisão e... bom, todos sabem o que ( não ) aconteceu... Enfim, todos sabem do que estou falando.

Quarta-Feira nós vamos o pontapé  mais uma vez. A quarta com o atual técnico e QB. Que juntos tem 23 vitórias em 25 jogos, uma marca pífia, com certeza. Mas que por alguma razão desconhecida, ainda permanecem onde não deveriam mais estar. Mas isso agora, nem vem mais ao caso. Mais uma vez podemos nos permitir a esperança de sonhar com uma temporada melhor do que a anterior, mesmo que ela ao fim não venha.

Ontem o Miami dispensou o QB Josh Freeman, o qual ninguém entendeu porque fora contratado. Além disso temos duas outras questões de volta de jogadores: Branden Albert e DeVante Parker, o nosso escolhido no primeiro round. Segundo relatos, os dois devem estar aptos para jogar na primeira partida, mas a questão é outra: estarão eles jogando perto do máximo na abertura da temporada? Se não, nem preciso dizer como isso seria terrível. Até porque Parker é tido como a esperança para que Tannehill enfim possa render como alguns esperam que ele possa render um dia. Já com o Albert o problema seria bem pior, pois o nível da proteçao à Tannehill decairia consideravelmente.

Outro problema é quem serão os Guards Starters e para isso temos 3 nomes: Blly Turner, Dallas Thomas e o rookie Jamil Douglas. Os dois primeiros decepcionam até aqui e o último, bom ele foi um reach típico de Miami, mas que torço que possa dar certo e salve a posição. Contudo, poderíamos estar melhor servidos caso a direçao tivesse agido melhor no mercado.

A chave desta TC é ver como ficarão os LBs e os WRs. O primeiro setor porque perdeu Starter e nem no draft trouxe reforços e o segundo porque foi refeito totalmente ( exceção a Jarvis Landry ).

Ah sim, a Universidade Harvard fez um estudo e apontou o Miami como campeão da AFC e disputando o Super Bowl contra o Seahawks. Alguém ai consegue acreditar nisso? Se conseguir, é bom procurar um psiquiatra urgentemente.