segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Esposa de Brent Grimes foi presa ontem antes da partida


Isso não tem nada a ver com a partida em si ( segundo fontes, Brent Grimes só ficou sabendo do ocorrido após partida ) mas é cruel que o time apareça levando uma surra em campo e a esposa de jogador ser presa no mesmo dia, ou seja, só notícias ruins para a franquia e a cidade de Miami.

Mike Grimes foi presa por desacatado à autoridade ao tentar romper uma barreira policial. Vai ver ela pensou que por ser mulher de um dos melhores jogadores do Miami Dolphins ela teria tal honraria... aqui a matéria sobre o acontecido.

Reações do ThePhinsider ao massacre que sofremos ontem...

Essa cara de Pateta é que irrita, ainda mais, a todos...
Eu sigo o Site ThePhinsider, para mim a melhor fonte sobre o Miami Dolphins além dos repórteres setoristas do time: Omar Kelly e Armando Salguero. Eles postam muita opinião, concordo com a maioria e discordo de algumas, isso é da vida. No dia seguinte às partidas eles postam reações rápidas sobre o que rolou na partida. Vou postar aqui o que ele acharam daquilo que aconteceu ontem, seja lá o nome que o amigo leitor queira usar:
  • Os ex-Dolphins Dan Carpenter, Ritchei Incognito, Charles Clay e Marcus Thigpen foram alguns dos Capitaes do Bills, ontem. Uma clara provocação de Rex Ryan;
  • Jordan Phillips, nossa escolha de segundo round ficou de fora partida. Muito estranho;
  • Outra início lento de partida. Ganhamos o Coin Toss e recebemos a bola. Fizemos um 3 and out e o Bills recebeu a bola;
  • Brice McCain segue falhando demais. Mas é isso que acontece quando você deixa o Recebedor abrir 10 jardas no começo da jogada;
  • Dolphins parou os Bills no 3º quarto e os forçou um punt, no que poderia o começo de uma reação. Walt Aikens acerta o Kicker adversário para dar ao rival outra primeira descida;
  • Mesmo com a posse de volta, o Bills ainda contou com uma falha de comunicação de, Aikens e Taylor para o Touchdown. Nada é ruim que nao possa piorar, certo?
  • Linha ofensiva não funcionou também. Branden Albert precisa ficar saudável e , sobretudo, permanecer saudável. Dallas Thomas permitiu dois sacks;
  • Rishard Matthews continua a mostrando que ele pode fazer boas coisas. Muitos podem discordar, mas para mim ele é hoje o melhor Recebedor do Miami. Sim isso mesmo, melhor até do que Jarvis Landry;
  • DeVante Parker vai aparecendo aos poucos. Teve mais tempo em campo e recebeu 3 passes ( um deles bem complicado pela marcação ) e 46 jardas.
  • Dolphins precisa ter Lamar Miller mais envolvido no ataque. Naturalmente, isso não ajuda quando você está atrás dois touchdowns no final do primeiro quarto.
  • Eu sou um otimista, mas realista ao mesmo tempo. Será que isso faz sentido? Decepcionar os fãs em uma reinauguração do estádio é embaraçoso. O posto de Joe Philbin está queimando e se perdemos na próxima semana para os Jets ( em Londres ), as coisas podem ficar muito feias em Miami.

domingo, 27 de setembro de 2015

Week 3: Bills 41x14 Dolphins - Pensando em 2018...

Este é o melhor setor do time, nunca desaponta a torcida...
que eu tenho que parabenizar quem conseguiu ficar no estádio até o fim...
2018. Guardem este ano. Possivelmente só nele é que poderemos sonhar com algo melhor do que a porcaria que esteve em campo hoje. Com os mega contratos dados a Branden Albert, Ndamukong Suh e Ryan Tannehill ( ano que vem só 50 milhões do Cap de 150 milhões ) nenhum Head Coach conseguirá fazer nada de decente pelo Miami Dolphins. Já tinha dito isso antes e vou repetir: 2016 já está perdido e 2017 muito comprometido.

O que se viu em campo hoje não pode ser, sequer, considerado time da NFL. O que o Miami Dolphins apresentou(??) é indigno de uma liga profissional. Se existisse rebaixamento no NFL, o time já estaria rebaixado. Como nao existe, seguiremos na Liga, mas outros fiascos - infelizmente - virao. É triste ver isso semana após semana, ano após ano e até mesmo década após década. Já disse antes, mas é bom relembrar: mesmo nos anos finais de Dan Marino a coisa já era feia, mas ele com seu imenso talento conseguia salvar - ao menos - a honra do time. 

O time que entrou em campo parecia em ritmo de pré-temporada, enquanto que o Bills pareciam em ritmo de playoffs. Triste, lamentável... enfim, isto é Miami Dolphins...

Falar de alguém? Creio que nao, nem de bom e nem de mal. Todos sabem muito bem quais sao os problemas deste time. Eu nao preciso lembrar quais sejam... Semana que vem é em Londres, contra o Jets... e o time perde pro Jets em casa e o mando é nosso. 1-3 a vista? Bem provável, o que é improvável é vermos este time na post-season antes de 2018. E isso nem é algo certo, infelizmente...

Week 3: Bills 27 x 00 Dolphins - De volta para o passado...

Essa imagem é de 2007, mas serve como uma luva para o que está acontecendo no Sun Life...
Vergonhoso, humilhante, decepcionante, horroroso, tenebroso... eu poderia ficar citando 27 palavras com significado semelhantes e nem assim chegaria perto da raiva com a qual eu estou agora. 27x0 é o que o Bills fez diante do nosso time(??) na estreia do Sun Life Stadium... Eu estou puto, irritado e totalmente fulo, mas eu fico pensando em quem pagou para assistir a partida.

E este time, segundo alguns analistas, poderia ir até o Super Bowl... Para o que o time não jogou neste primeiro tempo, eu já falei demais... Ah, sim, um tal de Tannehill agora está com 3-3 após ficar 4 partidas sem Interceptações. Espetacular...