sábado, 30 de julho de 2016

9 anos de Blog e muitos mais virão. Já vitórias em campo...

Muita luta, decepções e alegrias nestes nove anos...
Off-Season de 2007. Existia um clima de otimismo no ar. Novo Head Coach, novos Coordenadores e novos jogadores ( que não durariam e muito menos renderiam em campo ). Alguns até colocavam o Miami como Super Bowl Contender... enfim, talvez tragado por aquele sentimento sem qualquer fundo de razão, eu criei o Blog numa tarde do dia 30 de Julho de 2007. Era uma época em que diversos Blogs foram criados, quase todos os times tinham o seu. E o Miami não. Passou a ter comigo.

Nestes anos muitos escreveram para o Blog, muitos saíram e outros até criaram um outro Blog. Mas este espaço aqui sobreviveu. Sozinho ou com ajudas, o Blog está de pé e vai cobrir a sua décima temporada. Muitos criticaram meus posicionamentos mas uma coisa eles jamais puderam ou poderão dizer: que eu fugi da raia de emitir opinião sobre o time. E, que coisa, nestes 9 anos o time só foi a uma post-season - que eu nem acreditava que iria, diga-se de passagem. Mas eu critiquei diversas escolhas erradas assim como defendi mais do que deveria outros jogadores ( Henne sobretudo ).

Mas o fato é um só, estamos no mesmo patamar de 2007: um time em reconstrução. Passaram desde então 3 Técnicos ( Cam Cameron, Tony Sparano e Joe Philbin ), 3 General Manager ( Rnady Muller, Jeff Ireland e Dennis Hickey ), inúmeros Coordenadores e Atletas... dá para fazer um time só com os jogadores mal escolhidos nos Drafts deste período. Mas time, de verdade, só tivemos em 2008. No mais, sempre faltou muito na defesa ou no ataque. Ou nos dois, como eu acho ser o caso agora.

Só sei que o sentimento é de agradecimento. Todos os dias, em média, mais de 60 pessoas acessam o Blog. E agora, com o começo da TC, a tendência é subir muito esta média. Irei manter vocês atualizados na medida do possível, pois estou trabalhando muito em uma Campanha Eleitoral como Assessor de Imprensa de um candidato a Prefeito. Mas prometo arrumar um pouco de tempo para cobrir esta temporada.

Mais nove anos, no mínimo. É o que eu espero. 

Nenhum comentário: