quinta-feira, 28 de julho de 2016

Dois jogadores do Dolphins entre os 50 que mais vendem mercadorias segundo NFLPA

O que eles fazem aqui? Leia o texto e entenda...

A Associação de Jogadores Profissionais ( NFLPA ) fez uma daquelas listas que poderíamos passar a vida sem saber da existência delas, com 50 jogadores que mais tiveram produtos vendidos. Para que serve isso? Quem sabe... mas enfim, estar no Top Ten demonstra o quão popular é o jogador. Não figurar na lista, nem mesmo entre os 50, mostra que o Atleta ou é apenas mais uma na Liga, pertença a um mercado pequeno ou ainda jogue num time forte com grandes estrelas ( que diluiria as vendas entre vários jogadores ).

Os 3 primeiros nomes da lista são todos jogadores do Dallas Cowboys: Dez Bryant ( aquele que Jeff Ireland perguntou, na lata, se a mãe seria puta ), Tony Romo e Ezekiel Elliot. Nada anormal nisto, porque o time do Texas é o mais rico da NFL e vende seus produtos como água. A surpresa está de que pela primeira não seja Romo ( um QB ) a encabeçar a lista. E o novato Elliot - que poderia ter sido draftado por nós, nunca é demais lembrar - já aparece em terceiro, um feito e tanto.

Mas porque Jarvis Landry e Ryan Tannehill estão na foto que ilustra este post? Ora, porque eles são os únicos jogadores do Dolphins na lista. Quem está na frente de quem? Fácil responder: o melhor jogador do dois: The Juicy, é claro. Ele é o N.º 34 e o Quarterback cheio de buracos é o N.º 41. Lembrando que Quarterbacks - mesmo os mais ruins - vendem mais produtos porque os fans esperam que eles ( mesmo que não façam nada para merecer isso ) conduzam a equipe ao sucesso. Mas para mim não é surpresa alguma que Landry venda mais produtos do que Tannehill. O que me surpreende é RT 17 aparecer entre os 50.

E ai, o que acharam da lista? Landry merecia estar melhor posicionado? Tannehill merece um lugar entre os 50?

Nenhum comentário: