sábado, 31 de agosto de 2019

Miami troca Laremy Tunsil e Kenny Stills com os Texans

Eles agora jogam pelos Texans...

Miami é uma franquia, no geral, ainda vencedora. Tem penado desde 2002, mas de uma coisa jamais poderemos reclamar: sempre tem surpresa durante toda a temporada. Na maioria das vezes péssimas, desastrosas e/ou vexaminosas. Mas vez por outra, muito raramente, temos boas surpresas. Hoje foi um destes raríssimos dias.

Depois de tentar por vários adquirir dos Texans o DE Jadeveon Clowney, quando o time Texano queria o OT Laremy Tunsil no negócio, eis que de fato o time de Houston conseguiu. E levou ainda o WR Kenny Stills, que possivelmente seria cortado, e uma escolha de quarta rodada. Em troca disso tudo, Texans nos enviará duas escolhas de primeira rodada ( sim, isso mesmo que você leu ) e uma escolha de segunda rodada de 2021. E ainda recebemos 2 jogadores: o Tackle Julien Davenport e o CB Johnson Bademosi.

O valor é altíssimo pelos 2 jogadores e isso é facilmente provado: os Bears pagaram menos para ter Kalil Mack, que é um jogador consolidado como All-Star na Liga. Tunsil é um jogador jovem com potencial para isso, mas Stills é um WR comum e nada mais do que isso. Texans estão dando um all-in e não me parece que sairão vencedores, porque Chiefs e Pats seguem bem a frente deles.

Agora uma informação e uma constatação: a temporada passa a ser de Tank real e a trade por Josh Rosen ficou ainda mais sem sentido. Porque se você pega um QB num comércio sem sentido e troca seu único OL que prestava qual o sentido? Ontem o Miami ainda fez duas trades ontem por Guards, que agora perderam totalmente o sentido.

Nenhum comentário: