sábado, 8 de fevereiro de 2020

Passado o Super Bowl, agora vem mais uma off-season

Esta é a dupla da vez...
Este blog tem 12 anos. E desde 2007, foram cobertas 12 off-season. Que tal a lista de Coachs deste período:
  • Cam Cameron, em 2007;
  • Tony Sparano, de 2008 a 2011;
  • Joe Philbin, de 2012 até 2015;
  • Adam Gase, de 2016 a 2018;
  • Brian Flores, desde 2019.
E que tal os nomes dos Head Coachs?
  • Randy Muller, em 2007;
  • Jeff Ireland, de 2008 a 2013;
  • Dennis Hickey, em 2014 e 2015;
  • Chris Grier, desde 2016.
Estes senhores produziram escolhas terríveis, trades pavorosas e em campo passamos pelo pior período de nossa história. Viramos um time de 6-10, sendo que até 2003 éramos time 11-5. Desde o fim da temporada de 2007 - a primeira do Blog - que todos esperamos pela off-season da redenção. E ele nunca veio. E eu não escondo que não tenho muita fé de que esta será a tal "redentora".

São diversas e diversas escolhas erradas, trades onde fica claro desde o começo que levamos a pior ( Josh Rosen é apenas a mais recente ) e jogadores medianos com mega contratos. Tudo isso foi visto e visto ao longo do tempo. O que aponta que agora será diferente? Podemos apontar que temos 6 escolhas entre as 100 primeiras ou que temos o maior espaço no Salary Cap dentre todas as 32 franquias da Liga. Mas para quem comete tantos e tantos erros, isso é de fato animador ou é motivo para arrepiar a espinha? Isso depende de que analisa.

Por enquanto, e até Março quando a Free Agency abre, as movimentações são sobre quem fica ou quem sai. Quando começar a FA ai podemos pensar em quem chega. E no Draft, sobre quais jogadores serão os novos candidatos a transformadores da franquia. Quem poderá sê-lo ou não, é coisa que ainda demora. 

O fato é que agora chega a única época da temporada na qual podemos - de fato - ter esperanças. Porque, normalmente, no Draft já estaremos eliminados outra vez.

Nenhum comentário: