sexta-feira, 17 de agosto de 2007

Dolphins 11 x Kansas City 10

De início aviso que não vi o jogo, nem os melhores momentos, apenas as estatísticas, as quais irei analisar em outro post. Dito isso, posso dizer que se vencer de pouco for a tática de Cam Cameron, o nosso HC, que bom. O problema me parece ser apenas um: e o dia em que a defesa não estiver bem, o nosso "pobre" ataque irá corresponder? É apenas a segunda partida do time, temos mais duas nesta pre-season, mas me parece que o treinador aposta todas as suas fichas em dois pontos: a defesa e o nosso retornador "grande" Ted Ginn Jr. É muito pouco, aliás impensável para uma franquia como a nossa. Temos que ter mais do que isso. Merecemos mais que isso. Eu me recuso a aceitar apenas isso para o meu time. Mas é o que teremos, infelizmente. O ataque irá viver de corridas pequenas de R. Brown e dos seus companheiros, de esporádicos passes de Trent Green. Tudo bem se as defesas forem fracas contra o jogo corrido, mas e se não o forem? A defesa não pode e nem irá ganhar todos os jogos. Eu sou totalmente contra a tese: "Ataques ganham jogos, defesa ganham campeonatos". Um grande ataque cobre os buracos de uma defesa, mas a defesa nem sempre cobre os do ataque. O correto para mim é um time equilibrado, o que definitivamente não temos. Ted Ginn pode até mesmo se tornar no melhor retornador da história, mas jamais engolirei a não escolha de Brad Quinn. Mas tudo bem. Tomara que dê certo. Só não consigo ver como...

segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Jaguars x Dolphins

Prezados amigos Fãs do Miami Dolphins, estive durante toda a semana passada na Capital do meu Estado, Recife ( moro em Salgueiro, distante 520km ) e por isso não pude comentar a vitória do Dolphins. Aliás, comentar mesmo nem irei fazê-lo direito, pois acabei de ver o ( péssimo, em qualidade de imagens e de jogadas ) vídeo da suada vitória. Pre-season como todos sabem serve apenas para medir reforços, força da defesa e no máximo projetar uma campanha. Mais do que isso é puro ufanismo, e isso nunca será postado por aqui. Então, dito isso, o que tirar de proveito para o ano do Miami? Vou por partes:
1 - Vencer é bom. Mas conseguir apenas 1 em 11 tentativas de 3ª descida não;
2 - Ricky Williams? Com um RB como Chatman correndo 75jds para fazer TD eu nem quero mais saber de maconheiro ( brincadeira, tirando a jogada citada, foram apenas 13 jds em 5 tentativas, média de 2,6jd por corrida, o Ricky fazia isso com dor de barriga e mancando);
3 - O nosso novo "grande" QB conseguiu "impressionantes" 60jds em 6 passes completados de 15 tentados, com direito a uma ( tosca ) interceptação?
4 - A defesa não foi grandes coisas, mas é só pré-temporada, e é o nosso ( talvez único ) ponto forte;
5 - Deixa ver se eu entendi direito: o time, desde que Marino se aposentou precisa de um QB de Elite. Tinhamos a 9ª escolha e tinha um tal de Brad Quinn disponível, clamando para ir para Miami. Aí escolhemos um WR ( lembrando que o elenco já estava cheio de WR´s ). Penso eu, não confiam em Chambers ( que a bem da verdade nunca foi o que dele se espera, um NFL Icon ), Booker já velho, Hagan é novo mas não corresponde, por isso apostar em outro WR, para ser o tampa de garrafinha - expressão nordestina equivalente a fodão, o cara, o maioral, etc. Aí, me colocam esse WR de Retornador. Gastamos uma escolha, e vejam bem, era a 9ª ( top 10 ) para trazermos um Retornador? E eu achando que ele nem tinha jogado, claro, procurei ele no ataque... tratarei deste assunto em um post amanhã.
6 - E mais importante, temos que ter um plano B para Green.
Teremos ainda mais três partidas para sentirmos este time. A primeira impressão, se me permitem, não me agradou. Continuamos sem QB, o time quase não andou e venceu pq o time reserva ( ou 3° time ) do Jaguars é muito fraco, quase uma piada. Que eu ( tomara ) esteja errado. Mas parece que esta Temporada será, mais uma vez ruim... mas como eu mesmo disse lá em cima, é apenas a Pre-season. Quem sabe melhore... ( corrigida às 14:26 )