sábado, 13 de setembro de 2008

Miami Dolphins x Arizona Cardinals

Segundo jogo. Será a segunda derrota? Tomara que não...

Segunda partida da temporada e o nosso time vem de 19 derrotas nas últimas 20 partidas ( mais um recorde negativo ). E nada aponta que amanhã será diferente. Iremos enfrentar uma equipe que tem um grande QB ( vererano como Favre, mas com grandes qualidades ) e uma dupla de WRs que podem, e acredito que o farão, fazer a festa contra a nossa secundária(??). Temos chances de vitória? Sim, nós temos. São poucas, porém não desprezíveis. Vamos ao que tem que acontecer para que possamos zerarmos a campanha ( 1-1 ):
  1. Secundária jogar alguma coisa - Levar o TD que levamos na bomba de Favre com dois membros da Secundária próximos do Wr do Jets é uma piada. Só não é maior do que levar um TD em uma quarta para 13 jardas, onde era claro que Favre iria tentar o passe na End Zone. Claro para um time que tivesse gente decente na Secundária, o que nem de longe é o caso do Miami. Amanhã contra o Cards iremos enfrentar um QB "pior" do o Favre, pero no mucho, mas que tem WRs melhores do que o Jets. Boldin e Fitz irão, ou poderão, fazer uma festa particular contra a nossa secundária(??). Será que nossos CBs e Safetys conseguem impedir isso?;
  2. Linha Ofensiva - A defesa do Cards é inferior à defesa do Jets. Isso é fato, e principalmente contra o jogo corrido, nossa maior esperança. Por isso os "Lenhadores" terão que dar tempo a Chad-P e ao mesmo tempo abrirem espaços para Ricky Williams e Ronnie Brown. Se conseguirmos fazer o jogo corrido funcionar, ficarem em campo e manteremos Warner/Fitz/Boldin fora;
  3. Corredores - Temos, e não me canso de dizer, talvez a melhor dupla de RB de toda a Liga. Mas temos que correr mais do que simples 55 jardas, como fizemos contra o Jets. Portanto os dois grandes talentos da posição ( Williams e Brown ) terão que conseguir mais de 150jds para que possamos vencer. Tomara que o façam;
  4. Wide Receivers - Se Chad-P fizer outra partida como a primeira ( +250 e dois Tds ) é bom que os WRs apareçam de verdade pra jogar. Senão irá fácil demais marcar o Miami: basta parar o jogo corrido e marcar os TEs, já que os WRs são umas bostas. Duvido que alguém diga que eu estou errado, quando os WRs conseguem 62 jds e os RB 55 de passe e os TEs mais de 130. Patéticos até aqui os Recebedores;
  5. Linha Defensiva e LineBackers - Basta manter o ritmo da primeira partida, quando conseguiram 3 sacks e forçaram dois fumbles. Não mais e nem menos.
  6. Chad Pennington - Ok, toda a NFL sabe que ele não tem braço. Mas ele passou para dois Tds e só foi Int quando teve se arriscar pra valer ( e o TGJ jogar como CB e não como WR ). Outras partidas dessas e iremos vencer jogos, pois um dia a Secundária irá ajudá-lo a parar os adversários;
  7. Tight Ends - Não precisam melhorar em nada. Basta serem o que foram contra o Jets, desde é claro que os WS os ajudem. Com dois TDs por jogo iremos ter os TEs mais eficientes de toda a Liga.

Não espero, de coração, uma vitória amanhã. Caso tivessémos batido o Jets - culpa da secundária(??) - estaríamos com o moral elevado e a vitória estaria, sim ao alcance. Mas vindo de derrota penso que perder será o mais lógico amanhã. E o pior vem na sequência: Patriots e Chargers. Portanto perder amanhã significa correr o sério risco de fazer 0-4. E ai o moral acaba de vez e corremos o sério risco de voltarmos à 2007 ( toc, toc ).

Em todo caso, quem sabe a secundária(??) anule os Wrs - ótimos - do Cards e os nossos WRs apareçam pra jogar. Sempre existe essa possibilidade...

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Semana 2 - Situação do Miami Dolphins

 Derrota na abertura da temporada. Uma derrota dolorida com certeza, haja vista, como não jogou a OL, Secundária e os Wrs. Chad-P passou das 250jds, mas o jogo corrido inexistiu. Alguns dizem: mas o Jets tem Favre? E daí, detesto perder e para o Jets, o maior rival do Dolphins é dose...


 O Arizona Cardinals, no Deserto do Arizona, no estádio que foi o palco do Super Bowl XLII, de boa lemrbrança para todos, menos é claro, os torcedores do Pats. O time do Cards é comandado por outro veterano bom de braço - ai meu DEUS!!! - e tem um corpo de WRs melhores do que o Jets. Por isso, ou a secundária joga, ou iremos perder de novo.

 Contra o antes super favorito ao Super Bowl, New England Patriots. Vencer o Pats sem Brady não passou a ser certeza, muito pelo contrário diga-se de passagem, mas ficou mais fácil do que há um ano atrás. Vencer o Cards dará moral para jogar contra eles no Dolphins Stadium.

 0-1. Pra variar, começamos perdendo. Só para não perder o costume. Chato, doloroso e repetitivo costume.

Atualizações do Elenco:

  1. Perdemos Donald Thomas por toda a temporada. Uma grande perca com certeza. Para o seu lugar contrataram Evan Mathis. Shawn Murphy deverá ser o Starter de LG contra o Cards;
  2. O Miami contratou o FB Free Agency Casey Cramer. Não o conheço, mas isso é uma clara demonstração que a Comissão Técnica do Miami não está nem um pouco contente com o trabalho de Bromer Grimsby, que deve - em tese - ser cortado dentro de algum tempo.
Amanhã e depois estarei fora de Salgueiro, pois irei até Aracaju pra acompanhar o jogo do Salgueiro Atlético Clube na estréia da terceira fase da Série C do Brasileirão 2008. Por isso, pedi ao Pio para postar alguma coisa para que não fiquemos como a Secundária: paralisados. Até a volta. Go Phins, Go!!!!

domingo, 7 de setembro de 2008

Há novidade em perder por uma posse de bola??

O Head Coach Tony Sparano terá trabalho para fazer o time vencer as 5 partidas que eu achei que venceríamos. Que tal tentar arrumar jogadas para os WRs aparecerem bem nas estatísticas??

E a secundária, hein?? Foi uma mãe. Se continuarem assim, entregando a rapadura, será mais fácil fazermos 1-15 do que 5-11. Coisa triste esse setor. Pior até do que os Recebedores, por mais incrível que possa parecer...

Não, não há. Ano passado perdemos 7 jogos por 7 pontos ou menos do que isso. E quando começamos a temporada 2008 o que acontece? Uma derrota por 20x14. Perder infelizmente eu já estou acostumado, pois é o verbo que eu mais conjugo desde 2004. Mas quando se perde porquê um setor, no caso de hoje dois, não consegue manter o nível dos companheiros é ainda mais dolorido. Vamos ao que deu certo hoje e ao que ( continua não dando ) não deu certo:

Funcionou:

  1. Chad Pennington - Passou bem, tomou decisões acertadas. Só não fez mais porque, como todos sabem, os Grupo de WR é horrível. A Int só aconteceu quando ele tentou um passe louco, e o WR ( TGJ, quem mais ) atuou como CB ao invés de ser WR.
  2. Linha Defensiva - Favre jamais esquecerá o cartão de visitas que recebeu do Rookie Kendall Langford, que o sackou um vez e quase o fez outra vez. Além dele, atuaram bem Fergunson e Holliday. Destaque também para Matt Roth, que mesmo atuando como LB, é de origem DE e forçou um fumble, recuperado por Ayodele;
  3. LineBackers - Foi bastante animadora a estréia deste grupo de LBs. Porter não jogou muito tempo, mas Channing Crowder mostrou que pode ser o "Leão" deste grupo. Ayodele, com já dito acima, recuperou um Fumble e conseguiu bons tackles.
  4. Tigth Ends - São de longe, e muito longe, os melhores alvos de Pennington. Não acredita? Somados Fasano e Martin conseguiram 137 jardas. Sabe quantas jardas conseguiram os WRs?? 63. Além disso, marcaram os dois TDs do Miami na partida. Precisa dizer mais?

Não deu certo:

  1. Linha Ofensiva - Jake Long, em sua estréia como profissional, não jogou bem cometendo duas faltas bobas que resultaram em descidas para o Jets. Em uma delas, Favre marcou um TD. Mas não foi apenas ele quem teve fraco desempenho, a linha como um todo jogou mal. Não abriram espaços para as corridas e nem protegeram Chad-P como ele precisava. Precisam melhorar urgentemente;
  2. Jogo Corrido - Ok, toda a NFL sabe que o que presta no ataque do Miami são os RBs. Temos que dar um desconto que a OL não ajudou e que a defesa do Jets jogou muito contra as corridas. Mas menos de 50 jardas é uma marca pífia mesmo com todos estes atenuantes. Precisaremos pelo menos do triplo pro jogo para podermos ganhar jogos. Contra o Cards é bom o time acordar;
  3. Secundária - Só irei dizer uma palavra para dizer o quanto estou chateado com eles, que deram 3 TDs para os Jets: HORRÍVEIS!!!;
  4. Recebedores - Que coisa feia. Soma de todas as jardas conseguidas pelo "fantásticos" WRs do time: 63. Que beleza podemos dormir tranquilos. Temos o melhor grupo de Recebedores de toda a Liga. Que pena que é apenas se colocarmos a lista de cabeça para baixo... onde está a evolução do TGJ? Onde a grande aquisição Ernest Wilford? E Derek Hagan, jogou mesmo? Se você achar que eu estou pegando no pé dos jogadores da posição, que tal você saber que os RBs somados conseguiram 52 jardas?

Perdemos e como disse, isso não é novidade. Novidade é ver o time adversário conseguir marcar um TD em uma quarta descida para 13 jardas, distante mais de 30 jardas da End Zone ( o passe foi para 22 jardas, mas Favre estava mais distante do que isso quando fez o lançamento ).

Para o jogo contra o Cards é bom o time contar com alguma ajuda da Secundária e dos Wrs, porque senão...

Além disso, teremos que conseguir fazer o jogo corrido funcionar e acertar ainda mais a DL. Já a OL terá que jogar, sobretudo Long.

É isso amigos, perdemos mais uma. E há novidade nisto??