sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Dois Toques: Mas onde está a experiência no nosso Staff?

Com as saídas de Dan Henning ( graças a DEUS!!! ) e do QB Coach, David Lee, algumas outras mudanças aconteceram. Temos agora vários novos membros no Staff, e não apenas de tempo de chegada no Dolphins:
  • Brian Daboll, já bem apresentado aqui no Blog é o nosso novo Coordenador Ofensivo. Sua experiência é de dois anos como Coordenador, no Cleveland Browns. Mas tem algo em sua defesa: ele é cria de Bill Bellichik;
  • Tony Sparano Jr é o novo Coach de Controle de Qualidade Ofensiva. O que é isso, você leitor deve se perguntar. Em uma linha de montagem, seria o cara que confere se tudo está no lugar e apresentável para ir pro pátio da montadora. É o papel de Tony Jr;
  • Dan Campbell é o novo Coach de TEs. Ele é um ex-jogador e que tem 0 de experiência como treinador. Se levarmos em conta que nossos TEs estão longe de serem uma brastemp...;
  • Ike Hilliard é o novo Treinador Assistente de WRs. Ele ao menos é WR aposentado, portanto conhece do riscado. Mas sem qualquer, pra variar, experiência;
  • Steve Bush agora é o nosso novo Coach de Wide Receivers. Experiência dele na área? Nenhuma. Nem ex-atleta da posição ele é. E nunca fez parte de Staff de equipe alguma na NFL. Lindo não?
  • Karl Dorrell assume o posto de Coach de QBs. Você deve pensar que ele é um ex-QB, certo? Ou então que tenha experiência como Coach QBs, certo? Ou ainda que ele fosse assistente do Coach que saiu do time, não? Errado pra todas. Ele era o Coach de Wide Receivers(!!!). Realmente, existem coisas que não dá pra entender. Um cara que treinava WRs ( e bom, fez um trabalho decente com D-Bess e B-Hartline ) agora vai cuidar dos QBs. Se trouxermos um do Draft, será ele o encarregado a "desenvolvê-lo". Eu já estou, de antemão, com medo.
É de se estranhar que após tantos erros no ataque em 2010, o time aposte em gente com tanta falta de experiência. Será que não dava pra tazer um Coach de QBs de uma universidade conceituada e que tivesse reconhecida experiência na função? Existem times que conseguem desenvolver bem seus QBs, deve ter algum assistente lá que possa ser melhor que estes, não é possível. Apostar em gente sem qualquer preparo pra cuidar do calo do time, é uma decisão - no mínimo - temerária, pra não dizer absurda. Agora é esperar pra ver. Não sei, mas começo a achar que 2011 será pior do que foi 2010. Se é que isso seja possível, mas com tanto esforço por parte da direção, não é impossível, infelizmente...

6 comentários:

Unknown disse...

vamo lá ganhar

Equipe Phinaticos disse...

eu não me preocupo com o Coach de QB afinal quem vai treinar mesmo os QBs é o Daboll que já foi Coach de QB então estou tranquilo a esse cargo.

e com a experiencia não fomos a lugar nenhum tem que renovar sim.

Flávio Vieira disse...

mas um Coach de WRs pra ser Coach de QB é um absurdo...

Derek Szabó disse...

Chad -P para técnico de QB!

Guilherme Mitre disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Guilherme Mitre disse...

Concordo totalmente com o Flavio. Renovar é bom, mas sem experiência é quase suicídio...

É cedo pra falar que vai dar certo ou errado, mas que é loteria demais, isso, sem dúvidas...

Antes das vaias, vou apoiar muito! Mas se der errado, não me será surpresa...