terça-feira, 13 de setembro de 2011

Semana 1: Patriots 38 x 24 Dolphins

Sofremos mais de 500 jardas aéreas, mas até que o saldo foi satisfatório, tirante a defesa é claro.

O time perdeu, o que era esperado. O jogo corrido foi mal, o que era - infelizmente esperado. A defesa foi uma droga, o que - infelizmente também - não era esperado. E Chad Henne foi incrivelmente ótimo na partida, o que era - igualmente - inesperado.

Durante a terça faço um post mais introspectivo sobre a partida. Mas acreditem, se a defesa se achar poderemos ter uma temporada interessante em 2011. Desde que Henne consiga jogar como hoje. E nem precisa ser com tantas jardas ( +400 ). Passando das 250 jardas eu já ficaria pra lá de satisfeito. 

2 comentários:

Paulo Pereira disse...

Pensei que seria desta. Quando estava 21-14 e os Dolphins conseguem 1st-and-goal, com possibilidade de empatar acreditei que o bom jogo de Henne, Marshall e Fasano seria recompensado. Não deu.

Outro dos momentos do jogo foi o TD de Bess ter sido revertido. Os Dolphins ficariam apenas a um TD de distância. Não bastasse isso, e Tom Brady consegue aquele passe inacreditável para Wes Welker. Foi o ponto final.

Incrivelmente, mesmo sem jogo corrido, o ataque jogou bem e foi fluido. Marshall foi um monstro, conseguindo recepções e jardas. Pena a defesa. Cameron Wake foi quase sempre suplantado por Nate Solder. Quem diria!!!

Mas o jogo e a forma como os Dolphins batalharam aumentou o interesse para a recepção aos Texans. Bom jogo em perspectiva.

ps: E nãote queixes do teu QB. Pior eu, que vi McNabb passar para...39 jardas.

Flávio Vieira disse...

eu me queixar Paulo?

Apenas sei que ele não consegue manter-se neste nível. Ele deve ter jogado dopado.