sábado, 8 de outubro de 2011

#suckingforluck


Chad Henne teve uma lesão grave no ombro esquerdo e, embora ele seja destro, foi aconselhado a fazer uma cirurgia, o que pôe fim a sua ( e para mim deixa-nos quase que com certeza muito próximo da First Overall Pick em 2012 ) temporada. Logo este ano em que ele estava em seu melhor ano, com mais segurança, tendo conseguido o melhor jogo de sua vida ( diante do Pats ) e conseguindo marcar pontos com alguma consistência ( se a defesa tivesse ajudado... ). Agora ele será Agente Livre Restrito ano que vem e não temos como saber se ele continuará ou não conosco. E acreditem pelo o que ele fez nestas 3 partidas e 1 quarto, ele merecia uma extensão contratual. Nem que fosse do seu contrato de rookie. Pois ele é o QB com mais vitórias como Starter do Dolphins desde Jay Fiedler.

Com a saída de Henne do roster, quem será o Starter do time será o impraticável Matt Moore, e ele deu mostras consistentes do que ( não ) podemos esperar dele. E como não tiraram Pat Devlin da Pratice Squad, o Miami foi atrás de um QB para ser o Back-up ( ou até mesmo Starter ) de Moore. Tentaram David Garrard - ex-Jaguars - mas o mesmo queria 2mi por um contrato de 1 ano, com 1mi garantido. Pouco né? Mas o nosso GM Jeff Ireland achou caro, e com isso trouxe o cidadão da foto. Não sabem quem é? Pela camisa fica claro que já passou no time. Seu nome: Sage Rosenfels. Seu cartão de visitas? Bom, digamos assim que ele conseguiu vencer duas partidas pelo Miami e nunca foi Starter por onde andou. E foram tantos times, que fica impossível falar o nome de todos aqui. Enfim, era melhor o Devlin...


Existe algo de bom nessa decisão do nosso Front Office: com Rosenfels e Moore ( ao contrário de Garrard ), iremos perder com quase 100% de certeza mais umas 10 partidas, ficando ai umas duas para conseguirmos alguma dignidade. E com essa marca, teremos enormes chances de sermos ( e pela segunda vez em cinco anos ) o dono da First Overall Pick. E com isso podermos escolher o jogador que quisermos. E o melhor nome é o cara da foto: Andrew Luck. Sim, o melhor QB da próxima safra, que assim poderia vir trazer o que seu sobrenome significa: sorte, muita sorte... 

É aguardar. E, claro, sofrer. Mas sofrer muito, muito mesmo...

Nenhum comentário: