domingo, 20 de novembro de 2011

Week 11: Bills 08 x 35 Dolphins

Vencer 3 partidas seguidas tem sido tão raro em nossa história recente, que só aconteceu 3 vezes desde 2002, sendo que a anterior tinha sido na mítica temporada de 2008 ( quando vencemos 5 seguidas e vencemos a Divisão ). Por isso é um momento a ser comemorado, mesmo que agora tenhamos chances reduzidas de conseguirmos o melhor QB do Draft de 2012 ( Andrew Luck, é óbvio ). Mas enfim, como já dissera antes, o objetivo é vencer e se for contra um rival de Divisão então. Sendo por blowout ( goleada ), com direito a toques de crueldade fica perto de perfeito. A lamentar apenas que o time tenha acordado tarde demais e caso tivesse duas vitórias a mais poderia perfeitamente brigar até pela divisão. Mas como não tem, fiquemos com a excelente vitória de hoje diante do Bills:

Nenhum jogador deste elenco tem tantas vitórias na NFL quanto Jason Taylor. E na NFL ninguém tem mais sacks. Ele adicionou mais um a sua extensa conta. E deverá conseguir mais alguns...
Anthony Fasano tem melhorado a olhos vistos na últimas partidas, e marcou hoje o seu 4º TD na temporada. Lembrando que em 2008 ele marcou 7.
Reggie Bush segue fazendo partidas consistentes e marcando seus TDs. Hoje ele teve uma atuação decente e ao contrário de seu histórico recente, segue sem contusão.
Quando a fase muda, até o nosso Special Team - um dos piores da Liga - consegue aparecer bem...
Chris Clemons, que perdeu a briga de Free Safety para Reshad Jones, salta espetacularmente para bloquear o chute de punt...
Que é recuperado dentro da End Zone por Lex Hilliard. E mais um TD na partida.
Ryan Fitzpatrick saiu - pela primeira vez diga-se - de cabeça baixa. Teve uma atuação horrível, não marcou TD e ainda levou duas Interceptações ( Nolan Caroll e Yeremiah Bell ). Ou seja, ele não vai querer lembrar desta partida. Pra finalizar, ainda foi substituido pelo "grande" Tyler Tighpen...
Algo mudou, está bem claro isso. O que vem a ser, eu não faço a menor ideia. Mas a foto mostra que o time está, finalmente, unido.
Charles Clay foi o melhor Receiver do Miami na partida e foi recompensado com o seu primeiro TD na carreira. Algo que nunca se esquece. Mas acho que Brandon Marshall não deva ter saído nada satisfeito da partida: recebeu apenas um passe e para meras 5 jardas.

12 comentários:

Dan Pereira disse...

Flavio esqueceu de citar nosso grande QB:

Matt Moore

14/20 - 160 yards - 3 TD RTG 133.3

RFIALHO disse...

Tem sido muito bom ver o Clay jogar, muito versátil e vem sendo muito bem utilizado aparecendo sempre nos espaços vazios.

Sei que essas vitórias nos custarão muito caro no futuro, estamos cada vez mais longe dos dois top QB prospects( Luck e Barkley ), por outro lado elas nos aproximam do meu QB favorito: "THE MOST EXCITING QB IN THE NCAA " Robert Griffin III

Luiz Paulo disse...

Cara, eu não entendo o que se passa com o Dolphins, 2 jogos claramente entregados(Broncos e Giants)

Logo depois disso 3 VITORIAS?? o que se passa em Miami??

Dan Pereira disse...

alguma coisa que a gente não sabe isso eu tenho certeza

Luiz Paulo disse...

Mas que algo aconteceu isso com certeza...

Flávio Vieira disse...

Matt Moore foi na média.

E o ataque foi bem. FATO. A OL está protegendo e dando tempo para o passe. Ai até um meia-boca consegue ter boa atuação.

Quanto ao time ter mudado, realmente é complexo saber, mas alguma coisa mudou depois da partida diante do Giants. E agora até fora do Top 5 do Draft estamos.

Dan Pereira disse...

Matt Moore foi na média

para Flavio o cara lançou 3 TD foi 100 na endzone e foi na média ta de brincadeira rsrsrsrs sei que vc não gosta do cara mais pow o cara foi bem kkkkkkkk

obs: não sou fã do Moore mais não podemos negar que ele ta indo bem e acima da media

Flávio Vieira disse...

Matt foi na média, pq um Brady ou Manning teriam estuprado o Bills.

Era coisa para mais de 60 se ele fosse acima da média.

Ele não é, mas tem se saído melhor que a encomenda.

RFIALHO disse...

Acho que todos deviam se informar melhor antes sair falando o que da na telha:

1) Para quem ta super empolgado com a " grande vitoria do Dolphins sobre o Bills, aqui vai a pequena lista de lesões dos Bills no jogo contra o Dolphins:
-No. 2 cornerback
-No. 2 wide receiver
-No. 3 wide receiver
-starting center
-o melhor pass-rush threat
-o melhor defensive lineman
-starting left tackle
-starting strong safety
- e até o kicker

2)Para quem está morrendo de amores pelo Matt Moore, lembre-se que ele já fez tudo isso que está fazendo agora quando jogava no Carolina, em 2009 venceu 4 jogos seguidos lançando para 8 TDs e nenhuma INT contra New England, Minnesota, New York Giants e New Orleans. Encheu o torcedor de esperanças e em 2010 o que aconteceu? 5 Tds e 10 INT em 6 jogos, ou seja, menos de um TD por jogo e quase duas INT por jogo.

CALMA AEW PESSOAL...CALMA AEW.

Dan Pereira disse...

RFialho

ninguem ta morrendo de amores pelo Moore é só vc ler direito o que eu escrevi, só estou dizendo que ele foi acima da media nesse jogo e todo mundo sabe que ele é um QB mediano para fraco só acho injusto dizer que ele foi mediano lançando 3 TD e com 100% de aproveitamento na endzone onde era nosso calo ano passado, em NENHUM momento eu disse que ele é o cara só falei que ele está jogando bem até agora

Flávio Vieira disse...

para aumentar o fogo, eu jogo mais gasolina na fogueira:

a) A OL do Miami patinou - e feio - até a semana 6. Sem dar qualquer proteção a Henne e depois ao próprio Moore, o que não ajuda QB algum. Claro que Moore melhorou pelo simples fato da OL ter melhorado. Ele agora tem tempo para pensar e passar. Não se esqueçam disso.

b) Com a melhora da OL veio por tabela a melhora do jogo corrido. E com jogo corrido estabelecido fica mais fácil não ser int e comandar o ataque, simplesmente porque vc não tem que conseguir todas as conversões e quando tem que fazer, a Defesa está confusa entre marcar a corrida ou o passe. Não se esqueçam disso.

c) Não sei se tem ligação, mas a Defesa tb melhorou e muito. Não a toa o time só levou 20 pontos em duas partidas. Claro que os ataques em questão não estão nada bem ( Chiefs fez apenas 3 no Pats, em quem fizemos 24!!! ), mas é um feito interessante, sem dúvida. E com a defesa "matando", vc não tem que virar partidas no final e joga sem pressão de marcar em todo drive. Uma coisa - digna de nota - é marcar 3 TDs seguidos, mas o adversário não fez nenhum porque a defesa não deixou e deu a bola para o Moore em duas excelentes posições para marcar 2 dos TDs. Não se esqueçam disso.

Claro que ele teve sua melhor atuação com a nossa camisa. Mas foi a primeira em que ele esteve acima do esperado.

Dan Pereira disse...

Flavio contra o Chiefs ele lançou 3 TD tbm só para lembrar, é o segundo jogo que Moore lança 3 TD sem ser INT, não é querendo defender mais Henne já fez isso alguma vez de lançar 3 TD em dois jogos e sem tomar INT e terminando com o Rating sempre acima de 130?