sábado, 8 de outubro de 2011

RIP Al Davis - 04/07/1929 - 08/10/2011

Morreu aos 82 em Oakland, o dono do Raiders Allen "Al" Davis. Só pelo o que representou para a NFL e para o esporte já merecia um post. Mas teve mais uma coisa importante que ele fez: foi ele quem bancou a implantação da Franquia Dolphins em Miami, com o na época "pobre" Joe Robbins, nosso fundador. A época Al Davis era o Comissário da AFL, que em 1970 se fundiria com a NFL, criando a Liga atual. Merece ou não uma Homenagem? Descanse em Paz All-Crazys...

#suckingforluck


Chad Henne teve uma lesão grave no ombro esquerdo e, embora ele seja destro, foi aconselhado a fazer uma cirurgia, o que pôe fim a sua ( e para mim deixa-nos quase que com certeza muito próximo da First Overall Pick em 2012 ) temporada. Logo este ano em que ele estava em seu melhor ano, com mais segurança, tendo conseguido o melhor jogo de sua vida ( diante do Pats ) e conseguindo marcar pontos com alguma consistência ( se a defesa tivesse ajudado... ). Agora ele será Agente Livre Restrito ano que vem e não temos como saber se ele continuará ou não conosco. E acreditem pelo o que ele fez nestas 3 partidas e 1 quarto, ele merecia uma extensão contratual. Nem que fosse do seu contrato de rookie. Pois ele é o QB com mais vitórias como Starter do Dolphins desde Jay Fiedler.

Com a saída de Henne do roster, quem será o Starter do time será o impraticável Matt Moore, e ele deu mostras consistentes do que ( não ) podemos esperar dele. E como não tiraram Pat Devlin da Pratice Squad, o Miami foi atrás de um QB para ser o Back-up ( ou até mesmo Starter ) de Moore. Tentaram David Garrard - ex-Jaguars - mas o mesmo queria 2mi por um contrato de 1 ano, com 1mi garantido. Pouco né? Mas o nosso GM Jeff Ireland achou caro, e com isso trouxe o cidadão da foto. Não sabem quem é? Pela camisa fica claro que já passou no time. Seu nome: Sage Rosenfels. Seu cartão de visitas? Bom, digamos assim que ele conseguiu vencer duas partidas pelo Miami e nunca foi Starter por onde andou. E foram tantos times, que fica impossível falar o nome de todos aqui. Enfim, era melhor o Devlin...


Existe algo de bom nessa decisão do nosso Front Office: com Rosenfels e Moore ( ao contrário de Garrard ), iremos perder com quase 100% de certeza mais umas 10 partidas, ficando ai umas duas para conseguirmos alguma dignidade. E com essa marca, teremos enormes chances de sermos ( e pela segunda vez em cinco anos ) o dono da First Overall Pick. E com isso podermos escolher o jogador que quisermos. E o melhor nome é o cara da foto: Andrew Luck. Sim, o melhor QB da próxima safra, que assim poderia vir trazer o que seu sobrenome significa: sorte, muita sorte... 

É aguardar. E, claro, sofrer. Mas sofrer muito, muito mesmo...

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

1000 vezes Undefeatteam...

Estava programando este post a um tempo, e quando o comecei a formatá-lo para ser publicado, fui surpreendido com a notícia da morte de Steve Jobs. E o que tem a ver Jobs com um Blog Brasileiro sobre o Miami Dolphins? Nada, além do fato de que eu ter um sonho bem antigo: comprar um Computador. Ai você pode perguntar: e Flávio, você não tem um não? Com toda certeza só terei um quando adquirir um Apple. Mas feita a homenagem a um dos mais inventivos homens de nosso tempo, voltemos ao Post 1000.

Sempre gostei de escrever e de esportes. E em 2007 foi um ano em que uma mania tomou conta da internet Brasileira: Blogs de Times da NFL. Entrei nessa onda ao ver que o nosso Miami Dolphins não tinha um. E criei o Undefeatteam sem saber ao certo como seria a recepção ao mesmo, se teria leitores, se teria condições de mantê-lo atualizado como é necessário. Mas aquela temporada de 2007 fez-me - e mais de uma vez - pensar em desistir, afinal por pouco não ficamos no zero naquele ano. Tivemos dias históricos, como o dia em que surgiu uma tal de Wild Cat Formation e demos uma surra histórica no Pats, a época sem Tom Brady ou como quando vencemos o Jets em Nova Yorke e reconquistamos a divisão. Mas paramos no mesmo Ravens que nos parara em 2001.


Nestes 4 anos e tanto de existência do Blog travei belas discussões, ganhei amigos e desafetos também ( mais o primeiro que o segundo ), pelo modo passional com que faço a defesa do Miami. Aqui falei eventualmente de outros assuntos ( na vitórias dos Lakers, do Yankees, da chegada de Lebron e Bosh ao Heat... ), mas estes foram no máximo uns 20 posts do total de 1000. Portanto 2,0% do total. E dos posto do Miami Dolphins infelizmente tivemos mais sobre derrotas do que sobre vitórias ( 26 vitórias e 36 derrotas ). E acreditem, os próximos serão também mais de derrotas, o que claro todos lamentamos. Mas o que tem-se que observar é que o Blog sobreviveu ( assim como os do Pats e do Colts - logo eles os mais vitoriosos após a nossa decadência ) ao modismo que o originou e isso aconteceu porque vocês o fazem ser o que ele é. Tivemos dias com mais de 120 acessos e a média histórica se mantém acima dos 40 e a mais de 3 anos que nunca é menor de 15.


Mudamos de formato, tivemos colaboradores dos mais diversos, alguns sairam xingando, outros sumiram, outros ficaram sem tempo, mas tem a sua parcela nessa conquista. Hoje não sei se sou eu quem dependo do Blog ou ele de mim. Tivemos momentos de quase abandono, momentos de grande presença e outros de calmaria. Agora quero começar outra fase e para isso teremos mudanças em breve. De uma coisa tenho certeza: estamos ( isso mesmo, estamos ) prontos para 1000x1000 posts. Este é um lugar que independe de boa campanha para existir ( Blog de times como Buccs, Jaguars e outros por ai... ) e que não irá parar tão cedo. Enquanto existir NFL e o Miami Dolphins este Blog existirá. Arrisco dizer que até mesmo depois...

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Post 999: O Blog também está na Campanha pela prevenção ao Câncer de Mama

Não amigos, não virei Homosexual. E nem tenho problemas a quem o seja. Aqui a questão é outra: anualmente a liga dedica todo o mês de Outubro a realizar uma vigorosa Campanha pela Prevenção do Câncer de Mama. E o Blog adere a uma onda adotada por outros Blogs sobre FA no Brasil ( DiarioNFL e Grandes Ligas entre os mais famosos ) e também passará a usar o ROSA como cor durante todo este mês e o farei anualmente, assim como a NFL. Aproveite e perguntae a sua mãe, irmã, esposa, avó, tia, namorada, colega de trabalho, enfim as mulheres da sua vida se elas já fizeram uma Mamografia ou andam fazendo o auto-exame. Faça você também algo para previnir esta doença, que é uma das que mais matam mulheres no mundo.

E amanhã - de rosa e tudo - o Post 1000. Não será sobre o atual momento, mas sim um apanhado da história do Blog. Será longo, mas espero que gostem. E claro, participem dele.

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Dois Toques: Henne é um homem de fibra ou não?

"Eu posso ficar sem meu braço, mas enquanto eu conseguir lançar uma bola eu acho que posso jogar"

Este é Chad Henne respondendo aos repórteres da Flórida sobre o quão grave é a sua contusão e como o mesmo se sente. Ele disse isso logo na chegada em Miami e com rosto confiante de que estará em campo diante do rival NY Jets.

Esqueçam o Henne de 2010, este é um novo QB. É o que queremos? Não, todos sabemos disso. Mas ele é - de longe - a melhor chance que temos pra conseguir uma vitória. Não se esqueçam que perdemos pra 3 times que são Playoffs Contenders, sendo um deles ( o Pats ), Super Bowl Contender. Sendo assim eram jogos complicados e exceção a derrota pro Browns, prevísiveis. Perder ninguém gosta é claro, mas não perdemos nenhum deles ( tirando o jogo de ontem, onde se machucou no começo ) por culpa de Henne. Ano passado perdemos 5 jogos por culpa quase que exclusiva por erros cometidos por ele: Pats e Jets nos MNF e as partidas pros times "Bs" da NFL ( Browns e Bills ), além de uma pro Lions. Talvez tenhamos tido outras, mas fico por aqui.

Neste ano ele é o melhor jogador de ataque, mesmo não tendo virado all-pro. E nem em sonhos ele será isso um dia. Mas que ele subiu em meu conceito com a frase acima. isso subiu. E com as boas atuações desta temporada também.

Os dias de Tony Sparano estão no fim. A questão central é: quando ele será demitido? Algumas fontes dizem que se perder pro Jets ( e conseguir a segunda pior campanha inicial de nossa história ) ele será demitido. Sinceramente? Eu acho que ele deveria ter sido mandado embora ontem. Está claro que ele não tem mais o comando da equipe. E temos em nosso próprio elenco uma opção interessante: Mike Nolan, que já foi Head Coach no Niners. Enfim, é aguardar ( e sofrer ) pra ver...

domingo, 2 de outubro de 2011

Semana 4 - Dolphins 16 x 26 Chargers

Miami, pra variar, perdeu. E perdeu mais coisas. A dignidade é uma delas. Eu já nem sei mais o que escrevo. Em todo caso, é melhor não falar nada. O time não merece...

Imagem de 2008: O capacete difernete que você está vendo é de Ladainian Tomlinson, na partida disputada logo após a surra que aplicamos no Patriots. Essa era uma situação de quarta descida para uma jarda. E paramos o, na época, melhor RB da NFL. Isso quer dizer que vamos vencer? Não, é apenas para poder falar de algo vencedor antes de mais uma - provável - derrota...

Acredito que iremos perder hoje. Podemos até conseguir vencer, sempre existe essa possibilidade. Mas as chances são, tenho que admitir, pequenas. Além do mais porque Daniel Thomas e Vontae Davis estão listados como "questionables", ou seja, com 50% de chances de ficar de fora da partida. Hoje irei apenas acompanhar a partida e não torcer. Obviamente para não ter raiva... recomendo o mesmo aos amigos torcedores do Dolphins.

Hoje, e para não chegar neste dia a marca das 1000 postagens, irei fazer as atualizações neste mesmo post, ou em outras palavras não temos um post pro intervalo e outro pro final da partida. Será apenas e tão somente este. Acho que este time não anda merecendo nem um Blog, quanto mais várias postagens...

Atualização pós-derrota - Deu o esperado. Só que foi pior ainda do que poderia ser. Ficamos sem nosso QB Starter ( que saiu no lance em que sofreu uma interceptação, e as primeiras notícias apontam para Season Ending ) e a defesa segue sendo uma mãe. O Chargers conseguiu perto de 500 jardas, e não fossem problema do time de San Diego em conseguir os TDs, poderiamos ter levado uma surra histórica. Enfim agora o time está 0-4 e a certeza é de que ficaremos na merda mais uma temporada e dessa pior do que as duas últimas ( 7-9 em ambos ). #suckforluck. É o que resta...

Atualização do Day After: Miami não vai perder este semana. Afinal, não irá jogar...