sábado, 29 de dezembro de 2012

E a classe de 2011 do Draft?

Conhece o WR da foto? Não? Fique tranquilo, você não é o único...
 
O Draft de 2011 foi complicado, primeiramente pela temporada complexa de 2010, onde fizemos inacreditáveis 1-7 dentro de nosso estádio, mas vencemos por exemplo Vikings e Packers fora de casa. Sim, o Packers que seria o campeão ao final do ano. E não teríamos pick de segundo round, que enviamos para o Broncos na troca por Brandon Marshall. E acho que fizemos um dos piores drafts recentes ( e olha que somos especialistas em drafts ruins ). Vamos ver como estão os jogadores daquela turma:
  • Mike Pouncey. Titular desde o primeiro dia, podemos dizer que é o único que vingou de verdade. Sofre ainda com algumas defesas, mas até aqui em 2 anos mostra o potencial para ser de elite. Comparando com os first rounds de drafts anteriores, é um dos melhores escolhidos ao lado de Long;
  • Daniel Thomas. Pra mim, até aqui, uma bola fora. Não consegue correr pra valer, não consegue manter-se saudável e se existe a possibilidade de deixarmos Bush ir embora é por causa de Lamar Miller, não de Thomas. Serve no máximo para ser complemento, jamais como corredor principal. Para adquirimos ele no segundo round, tivemos que ceder as picks de terceiro, quinto e sétimos rounds. Tudo isso para conseguir um back-up. Sensacional, não?;
  • Edmont "Clyde" Gates. Quem? O cara da foto. Mas o que ele fez de bom? Nada. Tanto que hoje está no Jets. Viera de uma Universidade desconhecida e mostrou-se um desperdício de pick;
  • Charles Clay. Este está ai ainda e vem sendo usado como TE. Marcou TD recentemente, diante do Seahawks. Vem contribuindo bem e virou um reserva útil;
  • Frank Kearse. Foi cortado este ano e não está mais na NFL;
  • Jimmy Wilson. Está lotado na secundária e vem contribuindo de forma até que bem. Por ter saído no sétimo round, acho que valeu a pena.

Nenhum comentário: