sexta-feira, 25 de outubro de 2013

E 2014?

Será este o futuro de nosso estádio, ficar as moscas?
A temporada 2013 está a perigo, e todos sabemos bem disso. Após fazer 3-0 corremos um risco enorme de ficarmos 3-4 depois da partida no Gillete Stadium diante do NE Patriots. E sendo bem realista, eu conto com 3-4, mas entendo quem nutra esperanças do contrário. Nosso retrospecto recente diante do time do "cinema" é meio complicado: 7 derrotas seguidas e 12 derrotas nos últimos 15 jogos. Esperar por vitória, diante do time de Tom Brady, é ser torcedor ao extremo. Eu não sou assim a muito tempo...

Mas ficar com 3-4 pode fazer com a temporada de 2013 vá pro, quanto novidade, buraco. Sendo assim talvez já seja hora de pensar em 2014 e mais uma vez ficar esperando por uma temporada melhor. Estamos assim desde... desde... bom, faz tanto tempo que eu nem me lembro mais. Mas é algo que é preciso fazer e eu tenho feito isto aqui neste espaço desde 2007. Sempre pensando no ano que vem ( exceto 2008, em que vivemos um conto de fadas ). Mas o que fazer em 2014? Vamos lá ao que eu faria em ordem de importância:
  1. Demitir Mark Sherman Jeff Ireland. Está claro pra qualquer torcedor que ficar com este velho decadente não vai ajudar em nada. Até mesmo para os mais desligados, isso está claro. Eu contrataria alguém da NCAA, possivelmente de Oregon ou de Stanford. Já Jeff Ireland está fazendo hora extra depois que draftou ( ou permitiu que alguém o fizesse ) Pat White. Pode-se dizer que ele fez um trabalho legal em 2013, mas nem tanto: deixou o time sem OL.
  2. Draftar um Left Tackle. Qualquer coisa fora um LT no primeiro round seria desastroso. Tivemos chance de ter um este ano, que já estaria rendendo em campo, mas ficamos com Dion Jordan ( não criticando ele, mas está clara o erro que foi passar Lane Johnson ). O problema para isso é que possivelmente teremos que fazer uma trade up, pois deveremos ficar acima da 13ª ou 14ª pick e portanto longe do melhores tackles;
  3. Trazer um outro Quarterback. Aqui é polêmico, mas é o meu pensamento. Partindo do principio de que 2013 realmente vá pro ralo seria o caso de pensar em competição no posto de QB. Matt Moore não é melhor do que Tannehill, talvez na mesma ou talvez um pouco/abaixo, mas tenho 100% de certeza: não é QB pro Miami. Sendo assim, e já com duas temporadas perdidas, eu traria um QB no Draft, talvez até mesmo na famigerada segunda rodada ( Beck, Henne e White foram escolhidos assim ). Tipo um Matt Barkley sobrar pro terceiro round irmos nele. O que de pior pode acontecer? Ele não render, certo? Ou seja, nada de novo. Valeria o risco creio eu;
  4. Reforçar o time com alguns veteranos bons de bola. Não sei exatamente porque, mas Joe Philbin prefere jogadores bem jovens no time. Não sei exatamente o porque, mas ele tende a contratar jogadores jovens em detrimento dos veteranos. O único jogador mais velho contrato foi Tyson Clabo e, talvez, Grimes - que nem é tão velho assim. Deixar de trazer, ou tentar, jogadores como Charles Woodson pra mim foi um erro, mesmo que tenhamos trazido Grimes. Jogadores que já estiveram nos grandes jogos e são capazes de fazer o algo a mais ( me arrepio só de lembrar o Woodson na sideline, com o ombro deslocado, em um SB dando moral pros seus companheiros vencerem o Steelers ). É hora de trazer estes jogadores pra Miami. Vai ser fácil isso? Claro que não. Mas temos que tentar...
Seriam, nesta ordem, as minhas ações. Talvez algumas outras mudanças pontuais precisassem serem feitas ( contratar um RB melhor do que os que temos ou mexer ainda mais no Coach Staff ), mas se estes passos fossem bem executados já teríamos boas possibilidades de melhoras... daria certo? Não sei, mas não fazer mudanças mais radicais também não vai resolver. 

Eu não demitiria Joe Philbin se querem saber. Ele parece-me competente e que sabe o que faz. O seu maior erro foi ter escolhido o Coordenador de Ataque em função do Quarterback ( ou o contrário ). E ao que parece, nenhum dos dois vai render o que ele esperava...

Um comentário:

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk só uma coisa sobre a legenda da foto: sun life stadium as moscas não é só coisa de futuro...é presente, passado, pré-historia... torcida e front office do miami são bizarros