domingo, 20 de maio de 2018

Perfil do Escolhido: Durham Smythe

Essa é a cena que queremos ver com nossa camisa...
Um Tight End seguro. A quanto tempo que não temos isso? Faz tempo, muito tempo... será que Durham Smythe é este atleta? Ele tem atributos que podem levar a resposta para sim e também para não. Tudo dependerá de como será usado e do QB que lançar bolas para ele.

Pontos Positivos:

  • Tem bom tamanho;
  • É bom bloqueando, sendo tecnicamente sólido, mas tem produção decente recebendo passes;
  • Bom uso das mãos;
  • Bom senso de posicionamento na hora das Blitz;
Pontos Fracos:

  • Precisa melhorar os ângulos de ataque aos LBs, pois na NFL será batido várias vezes assim;
  • Sua velocidade inicial é apenas mediana;
  • Suas rotas são muito "simples",  o que na NFL será terrível contra os Safeties e Linebackers;
  • Não consegue boa separação quando a cobertura não é em zone e sim individual;
  • Footwork precisa melhorar bastante.

Visão geral - Smythe é um clássico tight "Y" que se comporta como um bloqueador. Ele tem a estrutura, resistência e habilidade para ajudar a fazer o trabalho sujo como um bloqueador de corrida para equipes que precisam de resistência na posição. Enquanto Smythe pode pegar o que é jogado para ele, é improvável que ele seja um receptor de passe direcionado no próximo nível. O talento particular de Smythe como bloqueador de corridas deve criar uma oportunidade para se tornar um bom Starter nos próximos anos.

Com a escolha de Gesicki no segundo round, Smythe vai ser usado basicamente para bloquear. Tem talento recebendo passes, mas seu ponto forte é mesmo bloquear. Assim como Ballage, pode ter a sombra do jogador que foi doado na pick usado para ser escolhido. Não lembram quem foi? Um tal de Jarvis Landry.

Nenhum comentário: